Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

Alberto Vinagre, arquitectos, Lda
Alberto Vinagre, arquitectos, Lda
Número incorreto. Por favor verifique o indicativo do país, da cidade ou número de telefone.
Ao clicar 'Enviar' eu confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação seja processada para responder a um pedido.
Nota: Poderá anular o seu consentimento enviando email para privacy@homify.com com efeito futuro.
Enviado!
Este profissional irá responder-lhe brevemente!

Casa Pátio, em Luanda, Angola

Situada na periferia da cidade de Luanda, a casa foi projetada recusando a relação direta com uma envolvente pouco interessante, e encontrando, em vez disso, maior riqueza nos espaços do próprio projeto. Implanta-se centralmente no lote e volta as costas à rua, reservando para o logradouro as áreas principais, nomeadamente a sala de estar, zonas de lazer exteriores, a piscina e o jardim.

            A casa propriamente dita aparenta ser uma massa cúbica muito compacta, deixando mesmo transparecer um sentimento de “constrangimento”, acentuado pelo facto de esta ser totalmente revestida por uma pele em ripado de madeira. No entanto, o volume recorta-se em grandes vazios sob a forma de pátios, varandas recuadas e vazados que desconstroem a massa e enriquecem a vivência dos espaços interiores. A piscina junta-se a este jogo de cheios e vazios e “entra” pela casa criando uma relação de grande proximidade com a ampla sala de estar e o pátio da cozinha, o que permite simultanemente a obtenção de uma secção de piscina coberta apetecível para os dias quentes mas chuvosos característicos de Luanda. O ripado desempenha, neste jogo, um papel crucial, protegendo a casa dos olhares indiscretos sem a encerrar, atribuindo ao conjunto uma sensação de conforto e identidade, pela textura da madeira tropical que a torna uma verdadeira casa de Angola. Este ripado abre em generosas portadas que durante o dia sobem e aumentam a área de sombreamento e à noite recolhem encerrando a casa contra a intrusão.

            A entrada, com pé-direito duplo, distribui diretamente para a cozinha, acesso ao piso superior ou sala de jantar, que funciona como ponto central da casa. No piso superior existem os quartos, separados em duas zonas. Voltada para a fachada tardoz situa-se a master suite, com varanda sobre a piscina, closet e casa de banho priviligiada. Liga-se aos restantes dois quartos por um corredor que funciona como mezanino sobre a zona de jantar, como “cordão umbilical” que liga o mundo do casal ao mundo dos filhos.

            Assente numa dinâmica de funcionalidade sem perda de riqueza espacial, esta casa tira simultaneamente partido das potencialidades visuais da madeira e da sua capacidade de sombreamento, o que permite rasgar grandes envidraçados e criar uma relação muito próxima com o exterior. As zonas recortadas no volume são revestidas em pastilha vitrificada branca, à semelhança de uma rocha que, sendo esculpida, conserva as marcas rugosas do cinzel. Este revestimento em pastilha entra pelas paredes interiores da piscina, desenhando-a como parte integrante do próprio volume, ligando-se também às plataformas exteriores em deck. Todos os espaços funcionam, assim, como um conjunto harmonioso e rico em experiências espaciais.

  • Casa Pátio, em Luanda, Angola: Piscinas minimalistas por Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

    Casa Pátio, em Luanda, Angola

  • Casa Pátio, em Luanda, Angola: Jardins minimalistas por Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

    Casa Pátio, em Luanda, Angola

  • Casa Pátio, em Luanda, Angola: Piscinas minimalistas por Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

    Casa Pátio, em Luanda, Angola

  • Casa Pátio, em Luanda, Angola: Jardins minimalistas por Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

    Casa Pátio, em Luanda, Angola

  • Casa Pátio, em Luanda, Angola: Salas de jantar minimalistas por Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

    Casa Pátio, em Luanda, Angola

  • Casa Pátio, em Luanda, Angola: Salas de estar minimalistas por Alberto Vinagre, arquitectos, Lda

    Casa Pátio, em Luanda, Angola

Admin-Area