Ladrilhadores - Vila Nova De Famalicao: Encontre os profissionais ideais | homify

0 Ladrilhadores em Vila Nova de Famalicão

A sua pesquisa não obteve resultados. Seja o primeiro a carregar fotos nesta categoria.

Vila Nova de Famalicão e o seu lado industrial

Vila Nova de Famalicão é uma cidade, que se localiza no Distrito de Braga e conta com 33.038 habitantes, de acordo com os censos de 2011. Apresenta um posicionamento estratégico, uma vez que apresenta excelentes ligações rodoviárias e ferroviárias, aos centros urbanos que a rodeiam como, por exemplo, o Porto, Guimarães, Braga, Barcelos ou Santo Tirso. Outro ponto positivo é que, Vila Nova de Famalicão fica a apenas a 20 minutos do aeroporto Francisco Sá Carneiro e do Porto de Leixões, tornando-a próxima do restante Mundo. 

De facto, esta localização privilegiada impulsiona toda a área da indústria e dinamiza o lado socioeconómico de Famalicão. Encontramos aí algumas das maiores empresas de Portugal em vários setores: alimentar, construção, têxtil, vestuário, equipamento elétrico, alimentar e muito mais.

Por isso, se viver em Vila Nova de Famalicão não será difícil encontrar um profissional da área da arquitetura, construção civil ou decoração. E se é de um ladrilhador que está a precisar então encontrou a página certa! 

De que profissional preciso para revestir as minhas paredes ou pisos?

Os azulejos estão entre as mais antigas técnicas de revestimento disponíveis, mas, hoje em dia, surgem atualizadas, com novas cores, acabamentos e novos padrões. E isso dá-nos vontade de contratar um ladrilhador para modernizar o nosso interior!

Geralmente, é quando mudamos de casa ou estamos num processo de remodelação que nos deparamos com uma longa lista de questões: como vamos colocar estas peças? Como se cortam? Como se aplicam as juntas? Como se deve nivelar o pavimento e colocar os ladrilhos? Enfim, não são tarefas fáceis e exigem um o trabalho experiente de um ladrilhador. Por isso, não se deve aventurar sozinho, porque um piso mal colocado é um erro quase irreversível, a não ser partir tudo e voltar a fazer!

O trabalho de um ladrilhador certificado e experiente fará diferença no resultado. Além de possuir as técnicas, está a par das tendências e inovações. Entre a porcelana, a pedra, a faiança, o arenito, o mármore, o vidro, o granito, a ardósia, a cerâmica que imita a madeira ou a pedra natural… Há, de facto, uma infinidade de peças, acabamentos, modelos ou materiais no mercado. Mas o ladrilhador saberá  também aconselhá-lo sobre as peças mais adequadas para o seu espaço, tendo em conta o isolamento térmico, a sustentabilidade e o seu orçamento. 

Como se procede o trabalho de um ladrilhador?

Etapa 1:  fazer um esboço de como irá ficar o revestimento. Esta etapa é essencial para determinar o número, a localização e a possível ordem das peças. 

Etapa 2: depois da superfície estar limpa e plana, o ladrilhador coloca uma argamassa (areia, cimento e água), que serve de base ao ladrilho. O consumo médio de argamassa por metro quadrado é indicado pelos fabricantes, no entanto, pode variar entre 4 a 7 kg/m². Por exemplo, se for revestir um espaço de 12 m², irá precisar de 60 kg de argamassa colante (5×12=60).

Etapa 3: o assentamento consiste em colocar as peças na argamassa, com o devido cuidado. O ladrilhador poderá ter que ajustar os revestimentos às contingências dos espaços, podendo ser necessário moldar algumas peças para um encaixe perfeito. No final, tudo deve estar alinhado e espaçado com uniformidade.  

Etapa 4: o rejunte tem várias funções nos revestimentos cerâmicos. É um material que além de proporcionar um desempenho estético, preenche as juntas entre cada peça, garantindo a regularidade superficial.  

Etapa 5: a colocação dos rodapés é indispensável, nomeadamente em espaços húmidos, tal como a casa de banho. Pode optar pelo mesmo material ou outro diferente (PVC, madeira, etc.).

 

Nota informativa: na escolha da cerâmica para o pavimento deverá ter em conta o PEI. Trata-se de uma norma europeia que diz respeito aos grés cerâmicos esmaltados. Determina a resistência à abrasão e define o nível de passagem. Essa classificação vai de 0 a 5, sendo que quanto menor for o número, menor será a sua resistência.

O que devo considerar antes de contratar um ladrilhador em Vila Nova de Famalicão?

Antes de contratar um ladrilhador em Vila Nova de Famalicão, deve considerar alguns aspetos importantes, como por exemplo:

Opinião de antigos clientes: se o ladrilhador tiver uma presença online assídua, é provável que encontre, facilmente, as opiniões deixadas por antigos clientes. Se as opiniões e experiências forem positivas, então não existem razões para não avançar com a contratação do profissional.

A experiência: informe-se sobre os anos de experiência que o ladrilhador possui. É claro que, um profissional em início de carreira não é, necessariamente, uma má escolha. Afinal, tem que começar por algum lado, não é verdade? No entanto, se o projeto lhe parece complexo e sentir-se mais confiante com um profissional mais experiente, deve então optar por um especialista com alguns anos de experiência. Pode também pedir para ver alguns projetos já realizados e tentar perceber o tipo de trabalho que desenvolve, bem como a forma em que enfrenta com os imprevistos.

Qualificações: o ladrilhador poderá possuir várias formações em determinadas áreas, técnicas, estudo de materiais, etc. Como qualquer bom profissional, é importante estar sempre a aprender e estar a par das novas técnicas. Por isso, contrate uma pessoa qualificada que, entre outras coisas, esteja a par das novidades tecnológicas, de novos métodos de ladrilhar ou de novos materiais.  

Seguro: o ladrilhador deve estar protegido por um seguro. Se houver um acidente e o trabalhador não estiver assegurado, o contratante poderá assumir todas as responsabilidades. Por isso, deverá celebrar um contrato por escrito que inclua o tipo de trabalho a ser executado, os prazos, os preços e o seguro. Não assine nada, sem ler e analisar corretamente todos os detalhes, até pode pedir conselho a um advogado.

Quanto custa um ladrilhador em Vila Nova de Famalicão?

Não lhe conseguimos dar um valor exato de quanto irá gastar, porque são necessários vários dados, como o local, os metros quadrados a ladrilhar, o material que pretende usar, as condições do espaço, o número de divisões, entre outras questões. Por isso, só com uma análise ao terreno por parte de um ladrilhador especializado conseguirá ter uma ideia do valor que irá gastar.  

Contudo, a homify reuniu alguns valores estimados para que tenha uma ideia do que poderá gastar: 

  • A aplicação de um pavimento em cerâmica ronda os 13 euros por m2;  
  • Criar mosaico com azulejos poderá custar os 1400€, numa área de 45m2;  
  • Colocar tijoleiras no chão e no parede, numa área de 45 m2 (mão-de-obra + material) custa, aproximadamente, 1620€;
  • O fornecimento e assentamento de azulejo com 20 x 20 cm, em paredes exteriores, custará, mais ou menos, 28,29 €/m2.

Onde posso encontrar um ladrilhador em Vila Nova de Famalicão?

Agora que já tem mais detalhes sobre orçamentos, preços e o trabalho realizado pelo ladrilhador, só precisa de saber onde pode encontrar este profissional.

Antes de encetar a sua pesquisa, é importante que saiba que deve procurar no mínimo três ladrilhadores de Vila Nova de Famalicão. De facto, é um processo um pouco moroso e trabalhoso, mas é uma forma de lhe garantir uma boa escolha, já que pode ter, posteriormente, um bom termo de comparação – no que toca à empatia, qualidade e preços. 

Pode iniciar a sua pesquisa pela homify, pois a nossa página dispõe de uma vasta lista de profissionais da arquitetura, decoração e não só. 

Quando quiser encontrar um profissional em específico, como um ladrilhador, deve selecionar o separador profissionais e introduzir o código postal de Vila Nova de Famalicão (como por exemplo: 4770-416). A partir daí, terá uma lista e vários projetos inerentes a cada profissional, de forma a avaliar os trabalhos já executados e o respetivo feedback de antigos clientes. Os contactos, como a morada, o número de telefone ou a página pessoal também estão indicados na plataforma da homify

Claro que, a sua pesquisa deve ser o mais abrangente possível, por isso, não hesite em recorrer a outras fontes de informação. Por exemplo, pode indagar a sua rede de contactos (amigos, familiares, vizinhos ou colegas de trabalho), para lhes pedir algumas referências de ladrilhadores em Vila Nova de Famalicão. Certamente que alguém já terá contratado os serviços de um ladrilhador profissional, dessa região. 

A Internet, as suas redes sociais, a Câmara Municipal ou lojas locais de bricolage são, também, um meio de informação, para encontrar o seu ladrilhador. 

Que outros serviços podem complementar o serviço de um ladrilhador?

Já vimos que o ladrilhador pode ser de uma grande ajuda para colocar azulejos, ladrilhos ou mosaicos nas paredes ou no pavimento da sua casa. Mas existem outros profissionais que são indispensáveis para proporcionar conforto à sua casa. Vejamos quais:

Pintor – ideal para pintar os tetos ou as paredes que não foram ladrilhadas, tanto no exterior, como no interior do imóvel.

Eletricista – este especialista pode ser útil para complementar o trabalho de um ladrilhador, uma vez que em certas zonas das paredes ou dos pisos existem tomadas, cabos elétricos, etc. 

Canalizador – se tiver que ladrilhar na cozinha ou na casa de banho deverá considerar a contratação de um canalizador, para verificar o bom funcionamento da canalização. 

Designer de interiores ou decorador – se estiver a transformar a sua casa, não hesite em contactar um destes profissionais. Estes saberão tirar o melhor partido de cada espaço, em consonância com o seu estilo e gostos. 

Todos estes especialistas existem na sua área de residência, em Vila Nova de Famalicão. Descubra-os na página da homify e entre em contacto com os que precisar.   

Pesquisar imagens relacionadas