88 Designers de interiores em Almada

Área servida

Algumas boas razões para contratar um designer de interiores 

Se investiu ou está a investir muito na sua casa é natural que queira tirar o melhor partido dela, mesmo que isso signifique um pequeno acréscimo nesse investimento… Afinal construir ou comprar uma casa é muitas vezes o investimento de uma vida e nem todos se podem dar ao luxo de cometer erros que poderão sair mais caros no futuro!

Por estes motivos, se não sabe muito bem como organizar os interiores da casa que vai comprar, se acha que a sua casa não está ao seu jeito mas não sabe como alterá-la, se tem uma vaga ideia mas não sabe como implementá-la, ou se simplesmente não tem tempo para levar a cabo o projeto que sempre sonhou, então está na hora de contratar um designer de interiores!

Aqui ficam algumas boas razões, que o vão ajudar a decidir-se:

- Terá um olhar e uma opinião profissional acerca do seu projeto:  contratar um designer de interiores vai assegurar-lhe um tratamento personalizado ao seu caso por alguém que tem experiência e formação sobre o assunto, levando à elaboração de um plano estruturado fundamental para a perceção do que pode ser reaproveitado ou alterado. Isto vai tornar o seu projeto mais eficiente em termos de gastos, ajudando a manter os custos mais controlados;

- Irá conseguir uma efetiva otimização do espaço – perceber qual a melhor disposição dos elementos de um espaço é fundamental para o tornar mais cómodo. O olhar treinado destes profissionais vai conseguir uma melhor distribuição dos elementos no espaço, estabelecendo áreas de circulação, pontos de iluminação, posicionamento de tomadas, entre muitos outros pormenores, e apontando o que deve ser eliminado, acrescentado ou realocado;

- Poderá acrescentar valor de venda à sua casa ao criar apelo visual (numa loja ou um melhor ambiente de trabalho num escritório): ao trabalhar os ambientes para ficarem agradáveis a um número abrangente de pessoas, ou para um público-alvo em particular, um designer de interiores conseguirá melhorar muito o seu valor estético. Numa casa para venda ou aluguer, este serviço irá aumentar a procura e o valor de mercado, podendo ajudá-lo a conseguir um melhor negócio em menos tempo. Por outro lado, quando se trata de um negócio a disposição mais correta poderá aumentar as vendas, e num escritório melhorar bastante a produtividade.

- Poupará tempo: muito provavelmente adorará percorrer lojas de móveis e materiais à procura do elemento perfeito para a sua casa, mas pode dar-se realmente a esse luxo? Ou então detesta mesmo este tipo de atividade? Nesse caso este ponto ainda lhe fará mais sentido… Um designer de interiores vai trazer até si os materiais mais adequados, segundo o seu gosto e dentro do seu orçamento, para que possa escolher com comodidade. Já pensou no tempo que vai poupar e na gasolina que não vai gastar? E não terá de perder tempo a controlar obras, instalações, entregas e outras atividades necessárias para que a sua casa fique à sua medida, mas que consomem tempo e dão muitas dores de cabeça;

- Vai realmente poupar dinheiro: pode parecer anacrónico, pagar a alguém e poupar com isso, mas é uma realidade. Contratar um designer de interiores vai diminuir muito a probabilidade de erros e de gastos desnecessários. Quem nunca pensou em demolir uma parede para ganhar espaço e se arrependeu, ou não tem coragem para o fazer por medo de se vir a arrepender? Já imaginou o gasto em adquirir uma peça de mobiliário que não fica bem num espaço, e depois os custos de devolução? Ao fazer opções mais corretas, adequadas aos seus espaços, e ao seu orçamento poderá até comprar peças melhores e mais duradouras, traduzindo-se em poupança a médio e longo prazo.

Enquadramento profissional dos designers de interiores – caracterização das suas funções e formação de base

Em Portugal existe a obrigatoriedade de uma formação específica para exercer como designer de interiores, mas ao contrário dos decoradores, o mais normal é estes profissionais serem altamente qualificados, com licenciaturas específicas ou formações complementares. Ao contrário dos arquitetos, os designers de interiores não podem intervir na estrutura de um edifício (o único que pode é o arquiteto), nem ordenar grandes obras de alteração, mas pode sugerir pequenas alterações no interior para atingir um objetivo específico para o espaço, ou trabalhar com um arquiteto para obter os melhores resultados com a devida aprovação técnica. Muitas vezes os próprios arquitetos trabalham com designers de interiores, ou têm formação nessa área, para oferecer o melhor dos planos que criam aos seus clientes.

Há designers de interiores na cidade de Almada? Tenho vantagens se contratar alguém nas proximidades?

Atualmente há designers de interiores um pouco por todo o país, e todos os anos saem das universidades e escolas técnicas jovens muito qualificados e com ideias geniais, para tornar a sua casa o oásis de conforto com que sempre sonhou, ou para lhe proporcionar o melhor look para o seu negócio. Mas como em muitos casos a proximidade trás vantagens! Contratar alguém da região onde o projeto vai decorrer vai ajudar a baixar os custos de deslocações do profissional ao local onde decorre. Mas há mais: – um profissional da região tem normalmente uma vasta rede de contactos de profissionais, também da zona, o que permite baixar custos de deslocações e entregas, bem como encontrar o melhor profissional a um preço mais razoável. Além disso um designer da região vai saber se consegue satisfazer as suas pretensões com carpinteiros, construtores, ou outros, de perto, ou se é preciso contratar ou comprar mais longe, rentabilizando melhor o seu investimento.

Como encontrar o designer de interiores certo para mim em Almada?

Com as novas tecnologias é fácil encontrar o profissional certo para o seu projeto: faça uma pesquisa online, aqui mesmo pela homify! Pesquise por localização e por estilo, para conseguir uma boa lista de profissionais dentro da região de Almada (poderá ser Lisboa ou Cascais, por exemplo, já que essa distância não irá afetar o preço nem o serviço). Depois estude com atenção os diversos portfólios dos vários profissionais até encontrar aquele com que mais se identifica, e por fim é só contactar para pedir orçamento.

Poderá também pesquisar em revistas de arquitetura e decoração, ou pedir conselhos e referências a amigos, conhecidos ou familiares. Sempre que possível é útil visualizar ao vivo o resultado de um projeto do profissional em avaliação, para ter uma noção mais abrangente do seu trabalho, mas se não conseguir escolha vários, faça reuniões com eles, avalie a relação interpessoal estabelecida e siga o seu instinto.

O devo saber antes de escolher um designer de interiores?

Antes de avançar para a escolha, ou mesmo para uma reunião com um profissional vai gostar de ter bem assentes as ideias para o espaço, e aquilo que pretende do seu designer de interiores. Assim, é importante fazer uma lista com todas as suas preferências em termos de cores, texturas, materiais e estilos: 

- mostre aquilo de que gosta, mas não se esqueça de mostrar aquilo de que não gosta! Se disser ao designer que adora candeeiros de tecto, mas não lhe disser que detesta lustres com cristais, provavelmente ele equacionará apresentar-lhe uma opção nesse estilo, o que se traduzirá em perdas de tempo e mal-entendidos!

Uma boa maneira de conseguir isto é fazer um ou mais livros de ideias aqui na homify com o  que mais lhe agrada. Assim estará munido de um descritivo visual do que pretende, facilitando a tarefa ao profissional, mas agilizando também a conclusão do seu projeto.