Designers de cozinhas - Vila Nova De Gaia: Encontre os profissionais ideais | homify

10 Designers de cozinhas em Vila Nova de Gaia

Vila Nova de Gaia – progresso e rivalidade


Vila Nova de Gaia e Porto, duas irmãs de costas voltadas por rivalidades antigas. Duas faces da mesma moeda, tão próximas e por vezes tão longe.
A rivalidade entre estas duas cidades vem de tempos antigos. Já no século XIII há relatos dessa desavença, fruto do foral concedido pelo rei D. Afonso III que determinava que um terço dos barcos que desciam o rio Douro e metade dos barcos que vinham do mar tinham de descarregar as suas mercadorias em Gaia. O Bispo do Porto tentou que isto não sucedesse, através de um pedido ao Papa, mas sem sucesso. Mais tarde D. Dinis decretou idêntico foral para Vila Nova, que se viria a fundir com Gaia, formando Vila Nova de Gaia.
Cinco séculos mais tarde, o confronto entre tropas liberais e miguelistas e o conhecido cerco à cidade do Porto, veio agravar essa rivalidade.
No entanto, se a oposição é histórica e há diferenças substanciais entre os povos dos dois lados (a começar pelo próprio sotaque), a actualidade impõe cooperação, pelo menos devida à intensa permuta de pessoas que, diariamente, atravessam o rio para trabalhar.
Actualmente Vila Nova de Gaia é uma cidade vibrante, conhecida pela sua indústria, pelas empresas de vinho do Porto, pela sua componente cultural e pelo turismo. A arquitectura da cidade caracteriza-se por monumentos de várias épocas e a sua pitoresca zona histórica, na encosta do Douro, espelha-se com a do Porto, numa notória semelhança das tipologias dos edifícios antigos.
Em termos populacionais é uma cidade grande, estando em terceiro lugar no ranking dos municípios mais populosos de Portugal e tem uma população bastante heterogénea, a nível económico.

Designers de cozinhas – caracterização profissional

Um designer de cozinhas é um profissional especializado no planeamento e acompanhamento da execução de cozinhas. É um designer de interiores, especializado neste espaço tão exigente.
Obviamente que um bom designer de interiores será capaz de criar uma cozinha de sonho mas, eventualmente, será menos especializado na escolha dos materiais e dos layouts.
Um designer de cozinhas é especializado em criar cozinhas, nos mais diversos estilos, segundo o seu gosto. Este profissional pode trabalhar sozinho mas, muitas vezes, trabalha em parceria ou na dependência de empresas de construção de cozinhas.
A necessidade de especialização surge da delicadeza que uma cozinha representa. As condições de utilização na cozinha são intensas e agressivas para os materiais, possivelmente ainda mais difíceis do que numa casa de banho, e qualquer escolha errada traduz-se numa duração mais curta e numa utilização menos prática.
Isto é verdade em todos os casos mas, quando a cozinha está ligada com a sala de estar, é ainda mais acutilante. Num open space, se a capacidade de exaustão não ficar bem definida, por exemplo, a humidade e os vapores da cozinha vão pôr em causa também os restantes móveis. Um designer de cozinhas vai ajudá-lo também nesta faceta do projecto.

Porque pode ser útil ter um designer de cozinhas ao seu lado

Apostar num profissional especializado é normalmente uma boa opção. As vantagens são muitas, desde baixar drasticamente a probabilidade de erros na escolha dos materiais até conseguir um design mais actual e funcional para a sua cozinha. Vamos ver alguns dos serviços que um designer de cozinhas pode fazer para si:

  • Desenhar todos os componentes do espaço para optimizar a área disponível e tornar a sua cozinha mais funcional. Isto inclui desenhar os armários, por fora e por dentro, os azulejos, o pavimento, a iluminação e todas as características que vão definir o estilo e a função das áreas de trabalho na sua cozinha;
  • Assisti-lo na escolha de cores, padrões, materiais e decorações, bem como das respectivas combinações;
  • Aconselhá-lo acerca das características de cada material e da sua inserção no espaço;
  • Contratar a construção das estruturas necessárias (canalizações, elevações no pavimento, calhas, etc), dos armários, das bancadas e de outros elementos do plano;
  • Supervisionar o desenvolvimento dos trabalhos, zelando para evitar atrasos e defeitos;
  • Coordenar as diversas equipas, a trabalhar na sua cozinha;
  • Solucionar eventuais contratempos que surjam, no decorrer dos trabalhos.

Vantagens de contratar um designer de cozinhas em Vila Nova de Gaia

Tem várias vantagens em contratar um designer de cozinhas na cidade onde se encontra o seu projecto. A grande vantagem é a proximidade, que permite baixar os custos, com as inevitáveis deslocações de profissionais para o local do seu projecto. Esse problema desaparece também com os transportes de materiais e entregas de equipamentos. Por outro lado, essa proximidade melhora também o contacto entre o profissional e os clientes, tanto na duração do projecto, como depois, se alguma coisa correr mal.

A outra vantagem significativa é a facilidade de conhecer o portefólio do profissional e conferir as referências, em pessoa, possivelmente através de amigos ou familiares.

Contratar em Vila Nova de Gaia terá também o benefício de ajudar a economia local.

Mas, se decidir colocar as rivalidades de parte, pode também procurar profissionais no Porto ou em Matosinhos, que as duas primeiras vantagens vão manter-se!

Quanto custa contratar um designer de cozinhas em Vila Nova de Gaia

Vila Nova de Gaia é uma cidade grande, com muitas empresas na área da construção de cozinhas, pelo que será fácil encontrar um designer à sua medida. A concorrência ajuda a baixar os preços, pelo que nesta região vai encontrar orçamentos competitivos. O preço da sua cozinha e do trabalho do designer não pode, no entanto, ser calculado sem entrar com diversos factores, nomeadamente os materiais escolhidos e a abrangência do projecto em relação às condições preexistentes, pelo que não podemos falar de valores.

Como preparar a contratação:

  1. Estabeleça bem os seus gostos. Aponte aquilo que lhe agrada, mas não se esqueça de apontar o que lhe desagrada. Dizer que gosta de azulejos é importante, mas é igualmente fundamental referir que não gosta de vermelho, por exemplo, pois de outra forma arrisca-se a que o profissional lhe venha a propor azulejos vermelhos. 
  2. Procure profissionais com trabalhos compatíveis com o seu gosto pessoal. Na homify, encontra milhares de imagens que pode guardar e comentar num livro de ideias, acompanhadas dos respectivos contactos.
  3. Use outros instrumentos de pesquisa, como revistas de decoração, para ter ainda mais variedade.
  4. Procure referências pessoais.
  5. Peça orçamentos e compare tudo minuciosamente, não apenas o preço. Tenha especial atenção aos serviços propostos e aos materiais aconselhados.
  6. Previna problemas futuros e peça a inclusão de um serviço pós-entrega, em contrato.

         

Pesquisar imagens relacionadas