Designers de cozinhas - Maia: Encontre os melhores profissionais | homify

6 Designers de cozinhas em Maia

Área servida

A história e o crescimento da Maia

O Município da Maia apresenta uma história profunda e importante para Portugal, já que se liga ao desenvolvimento e construção do país. As raízes culturais, religiosas e as histórias milenares ainda ecoam nas várias zonas rurais, predominadas pela atividade da agricultura. Mas, curiosamente, a história e o passado marcante da Maia não a fez parar no tempo, pois este município conseguiu seguir em frente, abraçando a nova era do desenvolvimento. Isto faz da Maia um dos municípios mais avançados e exemplares do país, graças ao seu papel exemplar na área da indústria, novas tecnologias e inovação.

Quanto à população, esta tem vindo a apresentar um aumento significativo, desde os primeiros censos oficiais, e conta, neste momento, com 135.306 habitantes, de acordo com os dados da Câmara Municipal de Maia (2018). Apresenta a mais elevada taxa média anual de crescimento natural, situando-se nos 0,34%.

Os dados do INE informam-nos, também, que a população da Maia tem o poder de compra superior ao da média nacional. 

São, de facto, vários fatores positivos, que nos levam a considerar Maia como o lugar perfeito para viver. Se quiser fazer parte deste crescimento e optar por comprar casa em Maia, precisará, certamente, de uma equipa de profissionais de confiança, como um designer de cozinha.

Qual é a função do designer de cozinha?

No meio de tantos profissionais, poderá ficar confuso qual é a função e papel de cada um. Porém, como o nome indica, o designer de cozinha é especializado no planeamento e acompanhamento de cozinhas. 

Optar por contratar um designer de cozinha em detrimento de um designer de interiores é uma opção pessoal, porém, é importante referir que um profissional especializado em determinada área, saberá dar uma resposta mais pormenorizada e adequada, já que domina todas as técnicas desta divisão tão delicada. 

Sabemos a importância de ter uma cozinha de qualidade nas nossas vidas. O uso e desgaste que pode ter, ao longo do tempo, podem tornar-se uma dor de cabeça. Uma escolha errada acabará rapidamente por deitar todo o projeto por água abaixo e tornar a obra mais dispendiosa e menos duradoura. 

Assim, apostar nos serviços de um especialista em cozinha, que domina os materiais adequados, a melhor configuração para cada espaço e toda a logística (arrumação, funcionalidade, luminosidade, etc.) é, sem sombra de dúvida, a melhor opção.

Se, por outro lado, decidir mudar completamente a sua cozinha e optar por um open space, o designer de cozinha será a pessoa adequada. Não se esqueça que, esta mudança de layout incorpora certos cuidados, já que a cozinha apresenta cheiros ou humidade, além dos fatores estéticos, que podem influenciar a harmonia certa que pretende para este espaço. 

O que o leva a contratar um designer de cozinha?

Confiar um trabalho a um profissional especializado em cozinha é meio caminho andado para ficar com zero preocupações, no que toca às obras deste espaço. Já temos tantos afazeres no nosso dia-a-dia, porque é que vamos sobrecarregar ainda mais a nossa vida? Fora o stress inerente a uma obra, são, de facto, muitos detalhes para gerir e pensar. 

Assim, ao contratar um designer de cozinha gasta um valor extra, mas que, rapidamente, compensará. Vejamos porquê:

  • O designer de cozinha elabora um plano, tendo em conta a otimização do espaço, o seu estilo e outras recomendações;
  • O designer de cozinha contrata e coordena toda a equipa de técnicos – eletricista, canalizador, um carpinteiro, ladrilhador, entre outros – para levar a obra avante. Os profissionais escolhidos são da confiança do designer de cozinha, por isso, é meio caminho andado para um resultado de sucesso;
  • O especialista em cozinha ouve as suas escolhas e gostos, mas orienta-o nas melhores decisões, tendo em conta o enquadramento da divisão;
  • Explica-lhe todos os procedimentos que irão ser realizados. Se não concordar com alguma coisa, a sua decisão prevalecerá, sempre; 
  • Soluciona possíveis contratempos que possam surgir, durante os trabalhos;
  • A cozinha à semelhança da casa de banho é um espaço delicado, já que se cruzam cabos de eletricidade, com esgotos e canalizações de água. Além disso, é um espaço de grande uso, por toda a família. Neste sentido, não convém arriscar, pondo em causa a segurança e conforto de todos os seus utilizadores. 
  • Tem garantia e seguro do trabalho. Ao realizar um contrato de trabalho legal, com um especialista, está protegido de situações desagradáveis, que possam ocorrer com a obra ou com os profissionais. 
  • Pode conseguir os móveis e materiais para a nova cozinha a um melhor preço, já que este tipo de profissionais têm contactos ou trabalham diretamente com fornecedores;
  • Respeita o orçamento estabelecido por si.

Vantagens em contratar um designer de cozinha na Maia

São várias as vantagens em contratar um designer de cozinha na Maia, para levar a cabo o seu projeto. 

A principal vantagem pauta-se na proximidade, que permite baixar os custos de deslocação no seu orçamento. Consequentemente, o profissional terá as suas referências (técnicos, parceiros e fornecedores) na área servida, logo todo o processo fica mais fácil, quer na entrega, quer no transporte dos mesmos. 

A proximidade entre cliente e profissional permite um maior contacto, logo de início e a longo prazo, caso algo corra mal.

Finalmente, é mais fácil obter referências do profissional, quer através do portfólio, como em pessoa. Questione à sua volta se já ouviram falar do designer de cozinha que está a pensar contratar. 

Quanto custa contratar um designer de cozinhas na Maia

Dar-lhe valores de remodelação de cozinhas é muito relativo. Há imensos fatores a ter em consideração e não pode ser calculado sem saber exatamente os materiais e revestimentos escolhidos, a abrangência do projeto, o estado atual do espaço, entre outros. 

Mas como sabe a concorrência permite baixar e negociar os preços, pelo que terá, certamente, um orçamento mais apelativo. No entanto, chamamos a sua atenção para não se levar apenas pelo fator preço. É importante considerar a empatia que o profissional transmitiu, bem como a qualidade do trabalho.

Como deve procurar um designer de cozinha

Até chegar ao resultado final da cozinha, há muito trabalho pela frente, sendo que tudo começa pela preparação da contratação.

  • Deve apontar o máximo de informação possível, num caderno ou num formato digital. Escreva o que quer e não quer; o seu estilo (moderno, campestre, minimalista… ); o tipo de revestimento que gosta mais; o material do mobiliário; o tipo de iluminação, etc. 
  • Para ajudá-lo nesse processo, veja o máximo de inspiração possível, em revistas de arquitetura, nas redes sociais, na homify…  
  • Essa pesquisa intensiva levá-lo-á, com certeza, a certos contactos de designers de cozinhas na Maia;
  • Peça, no mínimo, três orçamentos.