Designers de cozinhas - Funchal: Encontre os profissionais ideais | homify

0 Designers de cozinhas em Funchal

A sua pesquisa não obteve resultados. Seja o primeiro a carregar fotos nesta categoria.

Designers de cozinhas no Funchal

O Funchal é a capital da Região Autónoma da Madeira composta pela ilha da Madeira, pela ilha do Porto Santo, pelas ilhas desertas e pelas ilhas selvagens. A região é conhecida pelas paisagens de cortar a respiração que atraem turistas de todas as partes do mundo. O turismo é, sem dúvida, um dos pilares da economia madeirense, pelo que o Funchal, em particular, está muito orientado para esta actividade.

Trata-se de uma cidade que oferece uma óptima qualidade de vida. Tem bons equipamentos e infraestruturas e um centro muito organizado, bonito, seguro e limpo (a cidade já foi, por várias vezes, distinguida como a mais limpa da Europa). O Funchal acolhe vários pontos de interesse como, por exemplo, a Sé Catedral, o Mercado dos Lavradores, a Fortaleza de São Tiago, o Museu de Arte Sacra, a Zona Velha ou a Fundação Berardo. Não podemos, claro está, deixar de mencionar as piscinas naturais na Doca do Cavacas e a Ponta Gorda e o Lido com piscinas artificiais e excelentes acessos ao mar.

O clima ameno ao longo de todo o ano e o cenário verde convidam à prática de actividades ao ar livre. Na ilha da Madeira, são famosas as levadas, isto é, os percursos pedestres que se desenvolvem ao longo dos canais de irrigação por entre cenários arrebatadores. 

Se tem o privilégio de morar no Funchal e procura um designer de cozinhas, então tome nota das informações que incluímos neste texto.

1. O que fazem os designers de cozinhas?

Os designers de cozinhas são, por norma, designers de interiores especializados no design de cozinhas. No entanto, podem, também, ser profissionais que trabalham na área – por exemplo, em lojas que comercializam linhas para cozinhas – e que adquirem as competências necessárias para planear esta divisão que tão importante é numa casa.  

Remodelar ou construir uma cozinha de raiz é árduo. Há várias decisões a tomar que justificam a contratação de um designer de cozinhas, um especialista que está a par das melhores opções ao nível dos materiais para os móveis e para os acabamentos, do layout, dos electrodomésticos e da tecnologia, das tendências, dos estilos, da iluminação e até das cores e texturas. De uma forma resumida, é a este profissional que deve recorrer para projectar uma cozinha que alie a funcionalidade à estética

Quando pensamos na cozinha, debruçamo-nos, de imediato, sobre o aspecto que a mesma terá, mas o designer de cozinhas, utilizando os seus conhecimentos nas áreas do design, da arquitectura e da construção consegue ver muito mais além e considerar todas as questões técnicas e estruturais.

2. Porquê contratar um designer de cozinhas?

Os designers de interiores e os arquitectos também o podem ajudar a planear a sua cozinha de sonho. No entanto, é recomendável recorrer a alguém que seja especializado nesta área da casa. Por que motivos? Destacaríamos os que se seguem: 

Para evitar erros: há quem projecte a própria cozinha sem recorrer a qualquer profissional. Porém, se o fizer, corre o risco de cometer erros, sobretudo estruturais e funcionais, dos quais se pode vir a arrepender e que, acima de tudo, lhe podem sair muito caros. Lembramos que a cozinha é a divisão mais cara de uma casa e que é, por isso, preferível fazer as coisas bem logo à partida.

Para garantir a segurança: sabia que a cozinha é a divisão mais perigosa de uma casa e onde ocorrem mais acidentes? Um design bem pensado diminui a probabilidade de haver acidentes. O valor de um bom designer de cozinhas reside, essencialmente, nos detalhes. Estes profissionais têm em conta a segurança de uma cozinha quando, por exemplo, posicionam os fogões longe das janelas ou instalam pisos antiderrapantes. 

Para que não falte funcionalidade: o objectivo primevo de qualquer designer – seja ele de cozinhas ou não – é fazer os espaços funcionar, considerando aspectos que parecem irrelevantes, mas que fazem toda a diferença como, por exemplo, saber se somos destros ou esquerdinos ou a altura da pessoa que mais cozinha para se criarem bancadas com as medidas certas.

Para poupar tempo: gasta-se muito tempo a escolher os especialistas necessários ao projecto, os materiais para os acabamentos, os electrodomésticos, e assim por diante. Um designer de cozinhas pode afunilar o leque de opções e orientá-lo no processo de escolha.

Para gerir o orçamento: como já mencionado, a cozinha é uma divisão cara. Não é fácil controlar os gastos e garantir que o espaço acomoda tudo o que queremos e precisamos. Os designers de cozinhas estão habituados a gerir orçamentos e a empregar o dinheiro estrategicamente.

Para fazer um projecto 3D: actualmente, os designers trabalham com softwares de modelagem 3D através dos quais criam representações gráficas extremamente realistas dos espaços, o que lhes permite experimentar diferentes materiais, cores ou layouts e apresentar ao cliente várias propostas.

 

3. Quanto custa remodelar uma cozinha no Funchal?

Não podemos dizer-lhe quanto vai custar, ao certo, a remodelação da sua cozinha, mas podemos deixar-lhe os valores médios praticados em Portugal. O preço do projecto pode variar conforme a dimensão e as especificidades do mesmo e o prestígio do profissional que o assumir. O ideal é pedir, pelo menos, três orçamentos para ter termo de comparação.

A remodelação de uma cozinha de tamanho médio rondará os 3500€. Se esta remodelação não previr a substituição dos armários, o valor poderá descer aos 1600€. Uma cozinha de luxo que incorpore acabamentos e tecnologia de topo pode andar entre os 8000€ e os 10000€.

 

4. O que deve considerar ao trabalhar com o designer de cozinhas?

É aconselhável que o cliente se envolva no projecto e que defina aquilo que pretende antes de lhe dar início. Pode ser frustrante, para um designer de cozinhas, trabalhar com um cliente que não tenha qualquer ideia em relação ao que quer.

Nesse sentido, deixamos-lhe algumas sugestões:

Pense na forma como vai usar a divisão: cozinha com frequência? Gosta de organizar almoços e jantares e de receber e interagir com os convidados na cozinha? Quantas pessoas usam o espaço? Com que regularidade? Questione-se em relação às suas necessidades e transmita-as com clareza ao designer de cozinhas por si contratado.

Defina o orçamento: defina um limite orçamental que lhe pareça realista. Este é um ponto que pode discutir com o designer, na medida em que ele lhe pode dizer o que é ou não passível de ser feito dentro dos recursos à disposição.

Escolha um estilo: estamos certos de que tem as suas preferências no que respeita ao estilo. A cozinha deve ir ao encontro do estilo do resto da casa, sobretudo se estiver inserida num open space. Uma boa opção é reunir imagens de cozinhas de que gosta e mostrá-las ao designer. Aqui na homify, temos uma miríade de projectos interessantes de cozinhas, mas pode também visitar showrooms para reunir algumas ideias, indagar preços e saber quais são as tendências actuais mais fortes.

5. Que passos dar antes de contratar um designer de cozinhas no Funchal?

  • Analise os portefólios de alguns designers de cozinhas no Funchal e eleja os três de que mais gostar. Os portefólios permitir-lhe-ão perceber o estilo dos profissionais e as capacidades criativas do mesmo, em que zonas do país já trabalhou, e assim por diante.
  • Favoreça um designer de cozinhas com alguma experiência, nomeadamente se o projecto for complexo. A cozinha é uma divisão muito sensível e um designer experiente dar-lhe-á a garantia de que o espaço será tratado da melhor forma.
  • Procure as referências deixadas pelos antigos clientes. É uma segurança contratar alguém que deixou uma boa impressão nas pessoas com quem trabalhou.
  • Não aceite o primeiro orçamento que lhe for apresentado. Avalie as propostas tendo em conta o preço e a abrangência do serviço prestado.
  • Assine um contrato escrito que esteja redigido com clareza e que inclua os preços, os prazos, o tipo de obra e a garantia da mesma.

6. Onde pode encontrar um designer de cozinhas no Funchal?

Encontrar um designer de cozinhas no Funchal é agora muito mais fácil porque tem a ajuda da homify! Na nossa plataforma, partilhamos milhares de projectos nas áreas do design, da decoração, da construção e da arquitectura. As imagens que encontra nos artigos publicados na nossa página de Facebook, assim como as que integram a nossa galeria, estão todas associadas aos nomes dos profissionais por elas responsáveis. Desta forma, é rápido e simples saber quem está por detrás de cada projecto. Todos os profissionais e empresas registados na homify têm os seus perfis individuais, dentro do nosso site, nos quais se podem encontrar os contactos úteis e os projectos já executados.

Para além da homify, pode fazer a sua pesquisa nos meios habituais: o Google e as redes sociais como o Facebook, o Instagram e o Twitter. Nestas últimas, pode fazer uma publicação a pedir directamente uma recomendação aos seus contactos ou seguidores.

Informe-se, igualmente, junto das lojas que vendem gamas para cozinhas, esteja atento às revistas da especialidade – cozinhas/design/arquitectura – e peça indicações aos seus amigos, familiares e colegas que já tenham precisado deste serviço. 

Pesquisar imagens relacionadas