0 Carpinteiros em Vila Franca de Xira

Área servida
A sua pesquisa não obteve resultados. Seja o primeiro a carregar fotos nesta categoria.

Vila Franca de Xira – uma viagem no tempo (da Pré-história aos tempos atuais)

Dizem que o passado deixa sempre marcas, sejam elas boas ou más. Ajudam a construir o presente e o futuro, tendo por base as vivências antigas e todas as aprendizagens. 

São do Paleolítico Inferior (entre 3 milhões de anos e 250 mil anos atrás) os mais antigos vestígios de atividade humana, encontrados no território de Vila Franca de Xira. O que faz deste Município um lugar repleto de cultura, património e com olho para o futuro!

A chegada do comboio em 1856, no âmbito da abertura do primeiro troço de linha férrea do país – de Lisboa ao Carregado – marcou o início de um novo período no desenvolvimento da região. Este avanço permitiu tornar Vila Franca de Xira mais próxima da Capital portuguesa, tornando-a mais forte no movimento cultural, associativo e industrial. Uma mudança que se repercutiu até à atualidade, nomeadamente do ponto de vista demográfico, que tem sido gradualmente ascendente. 

Hoje, Vila Franca de Xira conta com 136.886 habitantes (Censos de 2011), conta com seis freguesias  (União das Freguesias de Alhandra, São João dos Montes e Calhandriz, União das Freguesias de Alverca do Ribatejo e Sobralinho, União das Freguesias da Castanheira do Ribatejo e Cachoeiras, União das Freguesias da Póvoa de Santa Iria e Forte da Casa, Freguesia de Vialonga e Freguesia de Vila Franca de Xira), numa área que se estende a 317,7 Km².

1. A carpintaria – para que serve?

A história mostra-nos que a madeira sempre foi usada pelo Homem, desde os tempos mais remotos, e, com o passar do tempo, tornou-se numa indústria frutífera. Em cada cultura e em cada parte do planeta encontramos diferentes formas de trabalhar a madeira. Deparamo-nos assim com grandes produções de madeira mas que, visual e esteticamente, são completamente diferentes. A criatividade, a finalidade, o tipo de madeira, a cultura, entre outros pormenores fazem da carpintaria uma arte inesgotável, que está sempre a reinventar-se e que tem acompanhado a evolução da arquitetura e design

Materiais e segurança

Para executar este trabalho minucioso, os carpinteiros precisam de várias ferramentas manuais e elétricas, umas mais delicadas do que outras – serrote, cinzéis, serras (circulares, tico-ticos… ), berbequins, fresadoras e lixas, entre outras. É de referir que, um carpinteiro deve respeitar e cumprir a legislação, normas, regulamentação e regras técnicas em vigor relativas à segurança, higiene e saúde no trabalho. Estes fatores são fundamentais para o bom desempenho e segurança do carpinteiro, tendo em conta os elevados riscos da profissão. 

A carpintaria deve apresentar um Livro de Inspeção de Máquinas, no qual, diariamente, são anotadas, pelo carpinteiro, todas as irregularidades ocorridas. 

Tipo de madeira usada

A madeira usada para o trabalho de carpintaria pode ser bastante diversificada, sendo as árvores mais populares a acácia, o carvalho, o cedro, o pinheiro, o mogno (madeira tropical com coloração castanho-avermelhada), o ébano, entre outras. Todas as madeiras trabalhadas na carpintaria estão no seu estado natural, sob a forma de tábuas ou ripas de madeira, ou ainda processadas sob a forma de aglomerados de madeira ou folheados. 

2. Por que deve contratar um carpinteiro?

Quando pensamos na construção de uma casa, lembramo-nos automaticamente do arquiteto, mas a verdade é que, este profissional não age sozinho, pois precisa de uma equipa multidisciplinar para realizar o projeto. O carpinteiro é, por exemplo, um dos profissionais-chave numa obra. Porquê? Porque constrói toda a estrutura de um edifício, cria escadas, roupeiros, instala chãos de madeira, cozinhas, móveis de casa de banho, entre outras tarefas. Enfim, o carpinteiro é mesmo o homem dos sete ofícios. É necessário para tudo!

Para executar um trabalho com precisão, deve ter conhecimentos de geometria e ter uma grande habilidade técnica, bem como o conhecimento dos diferentes materiais e perícia para trabalhar a madeira.

Dica: quando contratar o seu carpinteiro, é importante deixar claro, a pessoa que fica responsável pela compra dos materiais. Note que o carpinteiro poderá ter referências ou até fornecedores, com os quais poderá obter os materiais de melhor qualidade e a um preço mais simpático. 

3. Quanto custa o trabalho de um carpinteiro em Vila Franca de Xira?

A questão financeira deixa-nos sempre com a pulga atrás da orelha! De facto, é sempre um fator determinante na nossa escolha, mas não devemos fazer dele o único motivo de eleição. A empatia estabelecida com o profissional, a confiança que demonstra, a qualidade do seu trabalho, a experiência, os materiais com os quais trabalha… São outras razões que deve valorizar. 

Não lhe conseguimos dar um valor exato do trabalho, uma vez que depende sempre do pretendido. Porém, o custo médio gira à volta dos 300€, embora possa gastar entre 70€ e 1500€, no total. 

A localização geográfica, o horário e o material podem inflacionar o orçamento. Por isso, recomendamos sempre aos nossos leitores para procurarem um profissional na cidade onde vivem, neste caso Vila Franca de Xira, ou nas cidades limítrofes, como Lisboa, Torres Vedras, entre outras.

Para obter um valor fixo relativamente ao seu projeto, deve procurar vários contactos de carpinteiros e pedir várias cotações – três no mínimo – de modo a selecionar o profissional com melhor custo-qualidade. 

4. Como pode encontrar um carpinteiro em Vila Franca de Xira?

Um carpinteiro pode ser encontrado através de diferentes fontes. Pode começar por questionar as pessoas à sua volta, como os vizinhos, amigos, familiares ou colegas de trabalho. A administração de condomínio também pode ser uma grande ajuda. 

Continue a pesquisar pela Internet, desde motores de pesquisa a redes sociais. Tem, sem dúvida, panos para manga! Muitas empresas ou profissionais liberais têm páginas próprias. 

Porém, se tiver alguma dificuldade em procurar, pode sempre fazer uma pesquisa mais rigorosa na plataforma da homify. Na categoria de carpinteiros, terá uma vasta lista de profissionais. Basta filtrar a sua pesquisa pelo seu código postal, para obter apenas os carpinteiros registados em Vila Franca de Xira. 

Se precisar de alguma inspiração para realizar um projeto de carpintaria, dê uma vista de olhos a este livro de ideias repleto de sugestões – Móveis de madeira para encomendar a um carpinteiro. Crie um Moodboard com as suas imagens preferidas, para partilhá-las, posteriormente, com o profissional. Ajudá-lo-á a perceber o que pretende, bem como definir o seu futuro projeto.