8 Arquitetos paisagistas em Loures

Área servida

Loures – Paisagem urbana em desenvolvimento

O concelho de Loures situa-se na Área Metropolitana de Lisboa, limitado pelos concelhos de Arruda dos Vinhos, Sintra, Odivelas, Lisboa, Vila Franca de Xira e Mafra. Com uma área de 168 km2 e cerca de 200 mil habitantes, Loures sempre foi uma região de elevada procura. Desde a altura em que os monarcas e nobres fugiam das doenças, que se alastrava nas cidades, aos tempos modernos, em que as pessoas fogem dos preços por m2, das mesmas cidades.

Uma grande parte da paisagem urbana de Loures é hoje vincada pela pressão imobiliária. Essencialmente, devido à quantidade de prédios e habitação, de construção ilegal. Esta situação foi o fruto do êxodo populacional, que se registou entre a década 60 e a década de 80, do século XX. A construção ocorria em função das necessidades, sem planeamento urbanístico e com problemas estruturais. Apenas a partir da década de 90, com os Planos Municipais, é que a autarquia começou a instalar as infraestruturas básicas de água e saneamento, e a requalificar este universo de 150 bairros. 

Loures, com um olhar para o futuro, tem como objetivo, no que concerne à arquitetura e urbanismo, continuar a apostar no ordenamento do território e na requalificação urbana e paisagística dos locais degradados. 

As Quintas e Casais de interesse cultural e de recreio de Loures contribuem para a valorização da sua paisagem, rural e perto dos núcleos urbanos tradicionais, como é o caso do Palácio do Correio Mor, Palácio da Mitra ou a Quinta da Romeira.

Fazem parte do património cultural de Loures, paisagens e percursos, tais como a Área de Bolores-Migarrinhos, a encosta de Lousa, o Vale do Pequeno Trancão e envolvente do Freixial, entre outros pontos naturais e paisagens a explorar. 

O que faz um Arquiteto paisagista

O Arquiteto paisagista é um profissional dedicado ao estudo e planeamento da paisagem e tudo o que ela engloba. Não só das plantas e da sua estética, como por vezes erradamente pensamos, mas também do lado funcional do espaço exterior. Os projetos de paisagismo podem, essencialmente, ser de carácter urbano, residencial ou comercial. Por exemplo, num projecto residencial, fica ao encargo deste profissional, determinar a configuração do espaço, vegetação, iluminação, mobiliário de exterior, zonas de sol e de sombra, vedações, irrigação, etc! É um trabalho bastante mais minucioso do que se julga. Por exemplo, de que forma é que o sol das 12h30, que bate nas roseiras do lado esquerdo da porta traseira, influencia o seu crescimento e relação com todos os outros elementos? Certo, estamos a complicar, é melhor seguir em frente.

Vantagens em contratar um Arquiteto paisagista em Loures

O que tem a ganhar em contratar um Arquiteto paisagista em Loures? Resumimos alguns pontos chave e vantagens de um projeto de paisagismo, quando levado a cabo por um profissional competente:

Valorização – Sabia que uma casa com um projeto de paisagismo valoriza, no mercado imobiliário, cerca de 15 a 17%? A percepção que as pessoas têm de uma casa, é altamente influenciada pelo seu aspecto exterior!

Personalização – Contratar um Arquiteto paisagista, não significa ficar sujeito aos seus gostos. Este profissional, de acordo com as necessidades e gostos do cliente, executa o trabalho como só alguém qualificado na área é capaz. No entanto, o projeto será sempre feito à sua medida!

Optimização – Principalmente, optimização de custos e de espaço. Um Arquiteto paisagista, saberá onde investir e poupar no orçamento. Será, também, capaz de aproveitar o espaço da melhor forma, maximizando o seu potencial.

Combinação – Facilmente determinamos o que gostamos. Por exemplo, amarelo, roxo, azul e castanho. E agora combinar estas cores todas num outfit? Pois… O mesmo se aplica, neste caso, a plantas e a todos os elementos do seu espaço exterior.

Coordenação – Passe a pasta a um profissional competente, não só do projeto de paisagismo, mas também de todas as preocupações para gerir uma obra. Este trabalho implica a intervenção de, por exemplo, jardineiros, eletricistas, colocadores de piso, marceneiros, etc!

Onde encontrar um Arquiteto paisagista em Loures

Comece por fazer uma pesquisa de imagens inspiradoras. Jardins verticais, jardins horizontais, jardins oblíquos, o que preferir. Guarde as imagens de projectos, que imaginaria possíveis no seu espaço exterior, e contacte os profissionais responsáveis! A nossa sugestão, para evitar o constrangimento de não encontrar o responsável da imagem que encontrou na net, é realizar a pesquisa aqui na homify. Todas as imagens que encontrar estão indexadas à página do atelier ou Arquiteto paisagista!

Experimente, também, perguntar perto na sua zona de residência, a amigos, colegas de trabalho, ou até mesmo em lojas de jardinagem e bricolage. Ou então, faça as mesmas perguntas, mas para uma audiência maior, nas suas redes sociais!

Custos de um projeto de paisagismo em Loures

Este é um dos pontos mais importantes, claro. Quanto custa, afinal, contratar um Arquiteto paisagista para planear o espaço exterior da sua casa? Em primeiro lugar, este é um valor muito volátil e quase impossível de determinar, não se conhecendo o espaço e as suas necessidades. Por esta razão, a forma de encontrar o valor mais aproximado, é pedindo orçamentos. Assim, transmite ao profissional as características do espaço, a dimensão e o que pretende que seja alterado e ficará a saber, pela experiência do próprio, os custos do projeto.

Para que possa saber, com o que contar, quando lhe for apresentado um orçamento, ele é, geralmente, calculado da seguinte forma: Estimativa de custos por m2 do espaço e percentagem sob o valor total. Por exemplo, tem um jardim de 50m2 e pretende contratar um Arquiteto paisagista, para realizar uma intervenção no espaço. Ora, se o preço por m2 para essa mesma intervenção, for de 400€ por m2, o total será de 20 000€. Os honorários (preço do serviço prestado) por norma variam entre 15 e 20%. Assim sendo, o preço da prestação de serviço do Arquiteto paisagista, pode ser entre 3 000€ e 4 000€. Contudo, depende sempre de cada profissional. Também lhe poderá ser apresentado um valor fixo, pelo projeto. 

Já que falámos em Jardins verticais, vá-se inspirando nestes jardins verticais artificiais, em Lisboa! Diria que são artificiais? Nós, certamente, que não!