Crie um pequeno mundo com papel de parede infantil!

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Uma pista de corridas, uma floresta etérea ou o reino animal. Revestir as paredes do quarto de uma criança com um papel é uma forma simples de envolver o seu filho no mundo da fantasia. 

Porque o real fica para mais tarde.

Há uma miríade de opções no que à escolha de um papel de parede diz respeito. Pode optar por um mais fantasioso ou outro mais simples que não tenha, necessariamente, que substituir quando o seu filho crescer.

No artigo de hoje, mostramos-lhe dez opções distintas. Uns apelam ao mundo do fantástico, outros são mais discretos. Percorra as nossas ideias, tenha em mente o quarto da sua pequena pessoa e aquilo que lhe deixa os olhos a brilhar e o sorriso mais rasgado e diga-nos, de sua justiça, qual escolheria!

Primavera das flores

Quarto de rapariga em Lisboa: Quartos de rapariga  por LAVRADIO DESIGN
LAVRADIO DESIGN

Quarto de rapariga em Lisboa

LAVRADIO DESIGN

Este quarto foi revestido por um papel de parede com um motivo primaveril, colorido e campestre. As flores e as borboletas criam uma atmosfera romântica e feminina que faz, por certo, as delícias de qualquer menina pequenina. Houve, no entanto, a sensibilidade de escolher móveis brancos e leves para decorar o quarto, assim como peças de design como é o caso da cadeira da secretária. Afinal de contas, não queremos que pareça a sala da avó. O conjunto fica, assim, moderno e agradável e o papel de parede sobressai em contraste com as escolhas simples de mobiliário.

A intemporalidade das riscas

Decorado pelas mãos da Prego sem Estopa by Ana Cordeiro este quarto evidencia-se pela mistura arrojada de padrões gráficos. O papel de parede apresenta riscas azuis na vertical e sai valorizado com a adição das zebras em tecido suspensas que não ficam nada incomodadas pela concorrência no que às riscas diz respeito! Pelo contrário, a mistura de ambos os elementos decorativos é divertida e harmoniosa. Se escolher um papel de parede semelhante, não tenha medo de comprar almofadas com outras cores e padrões. O quarto das crianças deve ser visualmente apelativo e é enquanto elas são pequenas que podemos brincar mais com a decoração.

Ziguezagueando

A juventude tem energia para dar e vender e os quartos que habitam devem reflectir esse vigor. Veja-se o exemplo deste quarto moderno e criativo projectado pela designer Ana Rita Soares que parece ter sido pensado para uma jovem criativa e inventiva. O papel de parede, colocado na cabeceira da cama, influencia, inegavelmente, a energia que esta divisão transmite. Tem riscas em ziguezague num vibrante amarelo, a cor do sol, da vida e da alegria. Ainda que se enquadre, em pleno, numa decoração para jovem, ficaria igualmente bem num quarto de criança com apontamentos decorativos mais infantis. Com isto, queremos dizer que é o tipo de papel de parede que não tem necessariamente que ser substituído quando a criança vira jovem! É versátil e adequado a atmosferas distintas direccionadas para várias idades.

Era uma vez…

O papel de parede tem como principal qualidade o poder de contar uma história. Podemos optar por padrões mais descomprometedores com riscas, pequenos desenhos ou bolinhas, mas podemos, também, sair da zona da nossa zona de conforto em busca de um papel de parede impactante capaz de empurrar a nossa imaginação para mais longe. Num quarto de criança esta ideia faz ainda mais sentido não fossem estas pequenas pessoas tão audazes e capazes de imaginar as mais rocambolescas histórias. O quarto da imagem, de um apartamento na cidade de Hamburgo, na Alemanha, é um perfeito exemplo disso. Nele vemos ilustrada uma imagem que nos suscita, de imediato, um qualquer “era uma vez… ”. Fica sublime enquadrado no quarto deste bebé onde até há um grande elefante de pelúcia como se a imagem ganhasse vida e tridimensionalidade e a história fosse, subitamente, real.

Acampemos!

Quartos de criança escandinavos por ARCHISSIMA
ARCHISSIMA

Pokój dziecięcy

ARCHISSIMA

As crianças vibram com a ideia de aventura. Com a floresta, com os animais, com a descoberta da natureza, com a sensação de “independência” que conquistam quando acampam. O cenário que vemos na imagem não podia, assim, ir mais de encontro ao imaginário das nossas pequenas pessoas. O papel de parede, em tons sóbrios, ilustra vários troncos de árvores que saem enfatizados com a colocação da tenda. Mais do que a decorar a divisão, este papel surge enquanto elemento para brincadeiras para o seu pequeno “indiozito” que ia, seguramente, encher o peito de orgulho quando mostrasse o quarto aos amigos.

Um doce tom pastel

Neste quarto predominam alegres tons pastel a lembrar uma vitrina com os mais deliciosos e doces cupcakes. O papel de parede não é excepção. O padrão forma losangos num muito suave verde água, criando uma atmosfera que convida ao tranquilo descanso do guerreiro. É, também este, um papel muito versátil que pode, perfeitamente, ser mantido ao longo dos anos. Não se esqueça que o papel de parede, apesar de importante no que toca a ditar o “tema” de um quarto, também se transforma consoante o mobiliário e objectos decorativos que escolhemos.

Vrum, vrum!

Quartos de criança ecléticos por LEIVARS
LEIVARS

Little LEIVARS

LEIVARS

E por falar em papeis de parede que são, também, objectos de brincadeiras, deixamos-lhe este exemplo, pela designer Rebecca Leivars, na colecção “Little Leivars”. Aqui, o papel de parede desenha uma pista de carros, cheia de curvas e contra-curvas, ao longo de toda a divisão, passando das paredes, para os armários até desembocar no chão. O Schumacher aí de casa ia, com certeza, adorar a ideia. Pode aplicá-la no quarto do seu filho ou, se for um caso, num quarto de brinquedos. E desengane-se quem pensa que isto é só para meninos. Há meninas que adoram uma boa corrida de carros!

Alcançar as nuvens

E já que estamos no Outono, não podia faltar uma inspiração outonal neste nosso artigo. Adoramos este papel de parede com pequenas nuvens rosa e mostarda salpicadas sobre um fundo café com leite. É um recanto muito colorido e harmonioso que convida a um bom sono ou a uma tarde de filmes por entre mantas e almofadas. Estamos em crer que papeis de parede decorados com estrelas, gotas de água a lembrar chuva ou nuvens fofas como algodão doce transmitem paz e tranquilidade. Não lhe parece?

Para o quarto da princesa

Um papel de parede feminino e delicado com pintinhas e uma faixa de pompons que fará as delícias das meninas que adoram o cor-de-rosa – quase todas, portanto – e histórias de princesas. Repare que, mais uma vez, o objecto ilustrado no papel de parede é transferido para a realidade pelo que vemos dois pompons em tule suspensos sobre este recanto onde um sofá ganhou vida com base numa palete em madeira pintada a rosa claro.

Retalhos

A lembrar uma manta de retalhos ou as saudosistas bonecas de pano ou de trapos. Assim é este papel de parede ou, melhor dizendo, esta mistura de papéis de parede, em que padrões às riscas aparecem misturados com outros florais, aos quadrados e ao xadrez. Com este papel, as cores e formas diferentes, importantes para o desenvolvimento criativo e intelectual da criança, estão presentes de forma subtil e não excessiva ou cansativa.

O que achou das nossas sugestões e qual escolheria para o quarto do seu filhote? Deixe-nos saber, comentando aqui mesmo por baixo!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!