9 Formas de Melhorar uma Casa Arrendada Sem Estragar Nada

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Portimão, Hoost - Home Staging Hoost - Home Staging Quartos
Loading admin actions …

As casas arrendadas trazem, não raras vezes, constrangimentos no que diz respeito à personalização dos espaços, especialmente quando o que se trata de senhorios mais exigentes com contratos muito restritivos. Pintar paredes, alterar pisos ou fazer furos para pendurar quadros está, quase sempre, fora do permitido. Quando as casas arrendadas já vêm mobiladas, tanto pior. Nem sempre os arrendatários se identificam com os móveis, mas não podem fazer nada em relação a isso.

Ainda assim, nós somos apologistas de que a nossa casa tem que ser uma extensão do que somos e que nos fazer sentir bem. Afinal de contas, é lá que passamos uma grande parte do nosso tempo. Sentirmos que um ambiente, que devia ser o nosso refúgio, não nos pertence e aconchega não é uma sensação agradável. A pensar nisso, reunimos nove dicas para personalizar uma casa arrendada sem fazer estragos.

1 – Encoste os quadros em vez de os pendurar

Os quadros preenchem as paredes e dão vida e carácter aos ambientes. Mas, a menos que queira andar a tapar buracos antes de sair da casa que tem arrendada, evite fazer furos na parede para pendurá-los. Em vez disso, coloque-os no chão e sobre os móveis, mas encostados às paredes. Pode, ainda, recorrer às alternativas hoje à disposição para pendurar os quadros sem fazer furos. Em lojas de construção e bricolagem, encontra, facilmente, ganchos adesivos, adesivos para pendurar quadros, fita dupla face para quadros e massa adesiva.

2 – A casa tem um sofá menos bonito? Cubra-o com uma manta e decore com almofadas

A sua casa já vem decorada com um sofá que não é necessariamente o seu estilo? Compre uma manta gira para tapá-lo e decore-o com algumas almofadas decorativas. Não se esqueça de tirar as medidas ao sofá antes de comprar a manta. Sugerimos um tecido liso e de um tom neutro para o poder combinar facilmente com outras cores e padrões.

3 – Coloque cortinas

As cortinas fazem muita diferença nos espaços. Para além de os decorarem, também os melhoram do ponto de vista térmico e acústico. E a boa notícia é que, mesmo que a casa já venha com cortinas de que não gosta, pode tirá-las, guardá-las e voltar a pô-las quando sair. Entretanto, trate as janelas com cortinas escolhidas por si. Mais uma vez, não se esqueça de tirar as medidas antes de fazer a compra. Cortinas brancas (ou de tons claros) sob o comprido (para um efeito mais romântico e aconchegante) ficam sempre bem.

4 – Decore com candeeiros e velas

Os candeeiros são decorativos e tornam os ambientes mais acolhedores. Trabalhe a iluminação dos espaços por camadas através da colocação de candeeiros de tecto, de pé e de mesa. Uma esquina vazia, por exemplo, pode ser preenchida por um bonito candeeiro de pé; um sofá ganha nova vida com candeeiros, aos lados, sobre mesinhas de apoio; e um candeeiro de tecto pode ser refrescado com um novo abajur. Aposte, também, em velas (e suportes bonitos para as mesmas) para tornar a atmosfera mais intimista e convidativa.

5 – Pisos feios? Os tapetes resolvem!

Os pisos da casa que arrendou não vão ao encontro do seu gosto? Tape-os ao máximo com carpetes e tapetes. Uma grande carpete na sala, tapetes aos pés ou ao lado das camas, nos quartos, uma passadeira na cozinha ou um tapete colorido no hall de entrada, a dar as boas-vindas, podem não resolver o problema a 100%, mas, pelo menos, disfarçam-no. Além disso, também tornam os espaços mais confortáveis.

6 – Substitua puxadores

A beleza e o sucesso de um projecto de decoração residem, em grande parte, nos detalhes e um pormenor que pode ter muito impacto no todo que é a casa são os puxadores das portas e dos armários e gavetas. Fáceis de retirar e de substituir, substitua-os enquanto habita a casa em questão. Em lojas como a Ikea e a Zara Home, encontra puxadores giros e a preços acessíveis! Depois, quando sair, é só voltar a pôr os antigos.

7 – Decore com plantas

Uma estratégia que faz, também, muita diferença é decorar a casa com plantas. As plantas emprestam vida, cor e textura aos espaços, para além de purificarem o ar. Em lojas portuguesas, como a Bioma, encontra uma grande variedade de plantas organizadas por categorias (de interior, de exterior, pet friendly, fáceis de cuidar, etc.).

8 – Crie uma decoração acolhedora no quarto

É no quarto que repomos energias e é lá que encontramos, tantas vezes, o silêncio de que precisamos quando a vida se torna complicada. Invista em bons têxteis de cama – num edredão fofo e com uma capa bonita, em almofadas decorativas e numa mantinha para pôr aos pés – coloque candeeiros, aos lados da cama, com lâmpadas de temperatura de cor quente e decore com plantas, molduras, tapetes e um espelho de corpo inteiro.

9 – Foque-se nos detalhes

Foque-se nas pequenas coisas que vão, realmente, preencher os espaços: jarras, vasos, molduras, caixinhas, velas, candeeiros, coffee table books, bandejas decorativas, cestos, almofadas e pufes. Com peças bonitas, aquilo de que menos gosta na casa passará, certamente, despercebido! 

Esperamos que estas dicas lhe sejam úteis! Que outras ideias acrescentaria à nossa lista?

Precisa de ajuda com um projeto em sua casa?
Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!