Uma casinha inspiradora!

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
Loading admin actions …

Nos homify 360º já nos habituámos a conhecer projetos incríveis, e neste não será exceção. Mas hoje temos uma pequena surpresa! Hoje queremos apresentar-lhe dois espetaculares projetos num só!

Num só, perguntará o leitor intrigado? É verdade, hoje apresentamos-lhe uma casa concebida para ser especial à partida, e que quando deixou de ser adequada às necessidades dos seus habitantes ficou ainda mais especial! Ou seja, à genial construção de base foi acrescentada uma extensão muito bem conseguida, cuja integração valorizou a estética da casa, ao invés de a prejudicar.

Este artigo é uma pequena amostra de um projeto genial da autoria do premiado gabinete de arquitetura de interiores ’HERVE COUEDEL’, de Sarzeau, na França. Situada numa zona rural, muito próxima do mar, a moradia é térrea, com telhados inclinados e tem um ar campestre e simples, que não faz antever a moderna tecnologia de eficiência energética utilizada na sua construção.

Venha connosco nesta visita relâmpago, conhecer esta casa contemporânea e perceber como, subtilmente, a modernidade invadiu o campo!

A fachada principal

Estamos perante uma fachada extraordinariamente simples e limpa, moderna e minimalista. No entanto os telhados escuros e inclinados e o esquema cromático em branco e negro dão um tom de dão-lhe um tom campestre que liga perfeitamente com a paisagem envolvente.

Passando as evidências exteriores, esta é no entanto uma casa muito inteligente, planeada com recurso às mais modernas tecnologias. Esta é uma casa com ITE, ou seja com isolamento térmico pelo exterior, e cumpre com todos os requisitos para ser considerada BBC (Bâtiment Basse Consommation), Construção de Baixo Consumo Energético.

Isto na prática significa que cumpre apertados requisitos da legislação francesa, e tendo em conta a sua localização em Sarzeau, tem um consumo de apenas 40 kWh/m²! Impressionante, não?

Em termos de distribuição das áreas de habitação, a casa é térrea, mas os seus telhados de grande inclinação formam um loft perfeito, onde estão situados os quartos.

Uma distribuição espacial incrível

No interior temos esta curiosa perspetiva! Consegue perceber o que é à primeira vista? Pois, trata-se do corredor de acesso aos quartos. Um uso extremamente eficiente do espaço com uma beleza marcante! 

A sua presença é aérea e não sobrecarrega o espaço térreo que veremos a seguir, tornando-o mais amplo, pois permite que as escadas de acesso à área superior fiquem encostadas a uma extremidade, junto à zona de entrada a casa, e eliminando disrupções espaciais. Um desenho prático e despretensioso, e um local muito belo de onde se pode apreciar diretamente a vida familiar no coração da casa.

A estreita ligação com o exterior

Este é o espaço mais importante da casa, a área social onde se localizava a cozinha, a zona de refeições e a sala de estar, tudo em plano aberto. 

A área total desta divisãoabrange a maior parte do piso térreo da casa, sendo que as zonas mais utilizadas têm um pé direito muito elevado, que escala até à estrutura das águas do telhado. Isto torna este espaço perfeitamente amplo, arejado e também muito moderno. 

As extensas áreas envidraçadas contactam diretamente com o exterior, numa continuidade espacial digna de figurar num qualquer livro de regras de construção de espaços modernos, e permitem uma total penetração da luz solar, um dos artifícios que mais poupa a cota da electricidade.

Podemos ainda destacar o pormenor da estrutura da casa, em madeira, que está à vista e é usada como um pormenor rústico da estética da casa, que lhe confere um ar mais aconchegante, contrabalançando a frieza das estruturas em ferro.

Um extensão perfeita!

E por fim a extensão.

Seja porque a família cresceu, seja porque nos apercebemos a posteriori de que o design e o espaço que planeámos para a nossa casa são insuficientes, o certo é que muitas vezes gostaríamos de fazer crescer a nossa casa. Claro que isso não está ao alcance de que tem um apartamento, ou uma vivenda com pouso terreno de implantação. Mas quando há espaço as soluções multiplicam-se…

Podemos optar por fazer extensas obras, acrescentando mais estruturas à construção original, ou optar por implantar extensões prefabricadas. Pode escolher materiais semelhantes ao da própria casa, ou materiais totalmente diferentes. Pode manter o mesmo esquema cromático, ou provocar uma rutura com o estilo anterior. A escolha de manter a extensão escondida e torná-la uma parte totalmente integrada a estrutura original, ou pelo contrário assumi-la integralmente, mantendo-a visível, é apenas sua, mas é imprescindível que o resultado final seja harmonioso e visualmente equilibrado.

Como esta extensão horizontal, em madeira visível, totalmente diferente da casa inicial, e que o entanto a complementa perfeitamente e a valoriza esteticamente! O seu conforto é garantido pois a extensão foi feita na largura da casa e não na altura, tornado o seu uso mais simples!

Sim é verdade, o artigo já está a acabar e nós também já estamos com saudades deste projeto e com vontade de conhecer mais desta casa tão interessante, no entanto, infelizmente, temos de ficar por aqui… Mas não se deixe ficar! Continue a ver mais casas espetaculares e energeticamente eficientes, lendo o artigo ’Casas ecológicas que inspiram’.

Das escolhas inteligentes feitas nesta casa qual é a sua favorita? A eficiência energética, o aproveitamento do espaço, a extensão?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!