Casas modernas por Taller Estilo Arquitectura

Por fora discreta, por dentro sensacional

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Neste livro de ideias, trazemos-lhe uma casa mexicana que nos inspirou. Trata-se de um projecto residencial que foi reestruturado e construído com o objectivo de se obter um resultado mais confortável e esteticamente apelativo. 

Falamos da Casa del Árbol, localizada em Mérida, um imóvel antigo que os profissionais do estúdio Taller Estilo Arquitectura trouxeram de volta à vida optimizando o espaço, reutilizando toda a estrutura existente, reordenando áreas e criando aberturas que permitem a entrada de iluminação natural em cada área da casa. 

O resultado final é simplesmente fantástico. Venha conhecê-lo. 

Uma fachada cálida

Ao olhar a encantadora fachada da Casa del Árbol não imaginamos o que está por detrás dela. Somos recebidos por uma parede de cimento polido, na qual se destacam as linhas suaves dos contorno e relevos. A fachada tem uma pequena janela com grades de ferro forjado e uma porta de madeira iluminada por feixes proveniente de luzes embutidas no chão. É uma recepção calorosa e acolhedora.

Vamos avançar.

Espaços abertos

Para os arquitectos responsáveis, foram três as premissas mais evidentes para levar a cabo o projecto: a permanência de um Sapotizeiro centenário – vamos vê-lo mais à frente; a necessidade de maior abertura no espaço; e menor impacto no contexto natural e edificado. A estrutura que já existia não respondia às necessidades dos moradores e, por isso mesmo, era altura de mudar tudo.

Uma das características principais da casa, depois da reestruturação, é as divisões estarem abertas para o jardim principal e para o jardim das traseiras. Ambas as áreas verdes permitem que qualquer espaço da casa tenha contacto com o exterior, criando a sensação de viver fora, mas com todas as vantagens e comodidades do interior.

Combinação de elementos antigos e contemporâneos

A casa possui cozinha, sala de jantar, quartos no piso inferior e superior, além de casas de banho. Os materiais já existentes foram respeitados e a eles juntaram-se novos elementos, como por exemplo os acabamentos dos muros exteriores e a piscina feita em cimento branco polido idêntico ao da fachada. Esta é uma técnica tradicional da região e permite criar uma superfície impermeável que oferece maior durabilidade. No interior, respeitaram-se os materiais tradicionais, em alguns casos reinterpretados para irem ao encontro de uma estética mais contemporânea. É o caso dos mosaicos de cimento em cor sólida.

Fusão do interior com o exterior

O projecto da Casa del Árbol pode interpretar-se como um espaço onde os limites entre o interior e o exterior se confundem. A imagem que aqui apresentamos, representando a sala de jantar da casa, é um exemplo perfeito disso. As largas portas deslizantes de vidro permitem essa fusão de espaços, tendo sido projectadas para ser usadas tanto nas áreas sociais, como nas áreas privadas.

Luz de noite

Uma das principais características desta casa, como temos visto até agora, é a forma como a luz natural penetra o interior através das grandes portas e janelas. Todavia, também durante a noite a casa se apresenta perfeitamente iluminada: a iluminação artificial foi desenhada e instalada de forma a que os espaços interiores se tornem ainda mais acolhedores e confortáveis.

Espaços luminosos e com estilo

Como referimos anteriormente, alguns dos elementos antigos que existiam na casa fora reinterpretados: na imagem, podemos ver isso nos mosaicos e nas portas. As paredes foram pintadas de cor branca de forma a oferecer mais luminosidade aos interiores e o mobiliário foi escolhido com cuidado e detalhe, combinando diferentes estilos, de forma a oferecer um ambiente fresco e contemporâneo.

Optimização de espaços

Outro factor importante relacionado com o design de interiores esteve na incorporação perfeita do mobiliário nos diversos espaços, como por exemplo os armários nos quartos, os móveis da casa de banho e das escadas e a cozinha integral. Com esta forma de estruturação, os espaços foram optimizados ao máximo.

A parte mais moderna da casa

Passamos agora para a parte mais moderna da casa que se situa no piso superior. Aqui está localizado o quarto principal que parece flutuar sobre os ramos da grande árvore centenária.

Viver o espaço envolvente

Com a projecção deste novo piso, criou-se uma vivenda que, mais do que viver com o espaço envolvente nos permite viver nele. Não só se respeita o contexto natural, como se faz dele parte essencial do carácter do edifício. Vemo-lo nos espaços abertos e nos materiais naturais que se utilizam no quarto, onde um elemento tão nobre como a madeira se destaca sobre o branco resplandecente das paredes.

A magia

A partir desta perspectiva, vemos claramente a construção da parte mais moderna da casa, onde se encontra o quarto principal e o terraço. Para além disso, temos bem presente o protagonista e elemento inspirador de todo o projecto: o Sapotizeiro que oferece um carácter mágico à casa. Uma árvore fantástica para um projecto simplesmente genial.

O que achou deste projecto? Qual o seu espaço preferido da casa? Deixe-nos a sua opinião.
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!