Dê estilo à sua cozinha com pouco dinheiro!

Mariana Garcia – Homify Mariana Garcia – Homify
Loading admin actions …

Começarmos uma nova vida, seja sozinhos seja com outra pessoa, deverá ser sempre uma lufada de ar fresco. Independentemente do que ficou para trás, devemos enfrentar os novos desafios com força e mais ainda com força de vontade para ultrapassar obstáculos e festejar as vitórias! E para o fazermos, a nova casa deve acompanhar o nosso espírito. No artigo de hoje, focamo-nos na cozinha.

A cozinha (por ser o sítio onde a magia acontece para preencher aquele vazio que por vezes sentimos no nosso estômago, por ser um espaço de convívio permanente entre o cozinheiro de serviços e os convidados ou ainda por ser o templo sagrado daquelas excursões nocturnas para matar o ratito a seguir ao jantar) é uma divisão privilegiada com a qual temos que ser ao mesmo tempo exigentes, pois por norma passamos muito tempo nela. Tendo em conta este facto e a nova fase da nossa vida, é importante que ela esteja em sintonia connosco, que nos faça sentir bem e que nos ofereça tudo o que puder oferecer para que o nosso melhor Eu se evidencie no dia-a-dia. Assim sendo, focarmo-nos nesta divisão torna-se crucial e é por isso mesmo que a equipa homify resolveu dar-lhe alguma dicas sobre como organizar a sua nova cozinha, sem que para isso sejam precisas grandes obras ou um grande investimento financeiro no projecto. Quer espreitar as nossas sugestões?

Escolha uma ilha para a sua cozinha

Cozinha e Salinha de Refeições: Cozinhas modernas por ÀS DUAS POR TRÊS
ÀS DUAS POR TRÊS

Cozinha e Salinha de Refeições

ÀS DUAS POR TRÊS

No caso de ser uma cozinha espaçosa ou uma kitchenette bem aproveitada e distribuída, opte por ter uma ilha. As ilhas para a cozinha dão ao espaço todo um ar harmonioso, cheio de vida e são praticamente sinónimas de organização e bom gosto. Desta maneira, é impossível não incluir no projecto uma ilha, que lhe sirva da melhor maneira no seu quotidiano. Pode aproveitá-la para arrumação, para preparação e confecção dos alimentos ou ainda para que lhe sirva de mesa de refeições ou espaço de apoio nas correrias diárias. O importante mesmo é que faça parte da sua nova cozinha e que se encaixe no seu estilo, para que possa ser (sem pesos na consciência) literalmente o centro das atenções!

Reserve um espaço para as suas ervas aromáticas

Jardins rústicos por Luiza Soares - Paisagismo
Luiza Soares – Paisagismo

MÃO NA TERRA, Belo Horizonte, 2015

Luiza Soares - Paisagismo

Ter um pequeno jardim dentro de casa pode ser uma das coisas mais terapêuticas que pode ter. Se gosta de jardinagem (e leia-se aqui gosta, pois não interessa se tem queda para esta actividade ou não), pondere criar um espaço verde na sua cozinha, onde poderá ter cultivadas ervas como o manjericão, o alecrim, a hortelã ou o cebolinho (entre outras) – tudo plantas que servirão de cereja no topo do bolo no momento de preparar ou enfeitar as suas refeições! Além desta utilidade óbvia, este pequeno canto vai tornar a sua cozinha mais bonita, mais verde e mais fresca! Impossível não gostar e de não se sentir bem ao ver as suas plantas a crescerem de forma saudável. E aproveita para ainda poupar uns trocos na mercearia, pois pode colhê-las e guardá-las secas por muito tempo!

Preocupe-se em ter um bom sistema de arrumação

Moradia: Cozinhas modernas por Maqet
Maqet

Moradia

Maqet

A arrumação é fundamental em qualquer casa. Mas quando chegamos à cozinha… ! Quando aqui chegamos, é crucial termos espaço para tudo, de maneira a que tudo esteja à mão em qualquer altura! Concorda connosco? Ter uma cozinha enorme e espaçosa, mas onde para encontrar uma panela temos que ir à despensa ou para utilizarmos o robô de cozinha precisamos de subir a um escadote… é um desperdício. Portanto, preocupe-se em ter um bom sistema de arrumação, de modo a que a sua cozinha esteja sempre organizada. Mesmo com cozinhas pequenas, gavetas e armários bem divididos (assim como o aproveitamento do espaço vertical) muda completamente a visão que temos desta divisão, tornando-a apetecível e despertando em nós a vontade de lá estar. Recorra a um profissional que o oriente e o ajude a tirar o maior partido da sua cozinha!

Com pouco dinheiro, aposte no branco…

Apartment in Belém: Cozinhas escandinavas por Lagom studio
Lagom studio

Apartment in Belém

Lagom studio

Se tem um orçamento curto, não vá em grandes viagens: o branco é a cor que procura! E porquê? Para começar, combina na perfeição com qualquer outra cor (se gostar muito de laranja e quiser uma cozinha nesses tons, utilize o branco como base e deixe que os pequenos apontamentos como as cadeiras ou os têxteis tenham essa cor); depois, é uma cor que não aborrece nem cansa, pois terá sempre outros objectos por cima que dêem vida ao espaço; por último, tem a vantagem de mostrar com maior eficácia a sujidade, por isso ajuda-o a manter as bancadas, o chão e as paredes limpas. Mas no caso de achar que o branco em tudo é demais, pode optar por misturá-lo com pormenores em cinza ou com madeira, que ajuda a quebrar essa rotina e mantêm o aspecto bastante discreto.

… ou aplique papel de parede!

Cozinha em Lisboa: Cozinhas industriais por LAVRADIO DESIGN
LAVRADIO DESIGN

Cozinha em Lisboa

LAVRADIO DESIGN

O papel de parede é uma óptima escolha também para orçamentos mais baixos. Aqui tem que ter em atenção a qualidade do papel, pois o ambiente da cozinha facilmente se torna húmido e com odores fortes. Assim sendo, depois de seleccionar um papel que suporte estas adversidades, pode aplicá-lo em apenas uma das paredes ou numa parte das mesmas. O que ganha com isso? Uma cozinha mais personalizada, sem que para isso tenha que revestir por completo todas as paredes! Poupa no orçamento, mas esbanja na decoração – quer melhor que isso?

Não tenha medo de mostrar a sua cozinha!

A última dica que lhe damos é precisamente o que faz com que ela ganhe alma: mostre a sua cozinha, sem medo nenhum! O que queremos dizer com isto? Que deve deixar os seus pequenos electrodomésticos em cima da bancada, as cebolas e as batatas no carrinho dos cestos ou até as pegas para as panelas penduradas numa calha perto do fogão! E porquê? Porque a sua cozinha é para ser usada, para ser vivida – não é para ser fotografada para uma revista de arquitectura ou decoração. Por isso, faça dela algo que lhe seja útil no dia-a-dia e desfrute de todos os momentos que este espaço tem para lhe proporcionar!

Qual é a primeira dica que vai aplicar na sua cozinha?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!