Inesquecível projecto de design de interiores de apartamento de luxo em Lisboa | homify Inesquecível projecto de design de interiores de apartamento de luxo

Inesquecível projecto de design de interiores de apartamento de luxo em Lisboa

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Apartamento | Avenida da Liberdade| Portugal Atelier Renata Santos Machado Salas de estar modernas
Loading admin actions …

É a Lisboa que hoje vamos para lhe dar a conhecer o soberbo projecto de design de interiores de um apartamento T2 – com uma área de 120m² – inserido num edifício inteiramente renovado que se situa numa das mais nobres zonas da cidade: a Avenida da Liberdade. O projecto é da autoria do atelier Renata Santos Machado cujo portefólio é revelador de uma estética depurada em que a atenção ao detalhe se evidencia e se traduz numa exímia curadoria de peças que dão forma e identidade a cada trabalho.

No que toca a este projecto, e não obstante o espaço limitado, logrou-se alcançar um resultado de excelência por via de soluções práticas e funcionais que propiciaram a utilização do espaço no máximo do seu potencial, nomeadamente através da utilização de uma porta divisória que oculta e reduz a área ocupada pela cozinha (como mais à frente iremos ver).

O cliente pretendia um ambiente em tons neutros, clássico, mas, ainda assim, muito actual. E assim foi. As peças de design contemporâneo conciliam-se com materiais nobres, como os mármores e os couros, e outros mais inovadores, como o microcimento, para criar um espaço sofisticado e sereno.

Comecemos pelo núcleo social deste apartamento urbano e sofisticado onde o estilo clássico se concretiza com peças modernas e a atmosfera transmite tranquilidade e conforto.

A materialidade rica do espaço é um dos aspectos que mais nele se destaca. A parede em mármore amaciado chama de imediato a atenção e dá o mote para a escolha dos demais elementos que compõem a sala e que fazem o contraponto à presença do mármore. Referimo-nos, claro está, aos têxteis (os estofos sofá, por exemplo, são em tecido com trama rústica e os braços têm pormenores em couro), à madeira de nogueira presente nos nichos do móvel em microcimento, aos pontos de luz minimalistas que disseminam uma iluminação quente e difusa, ao tapete que fecha o conjunto e lhe empresta aconchego e à paleta cromática que mistura castanhos e beges, cores que ajudam a aquecer o ambiente.

A sala, que não se quis com muitos objectos para que pudesse ser tranquila, prática e propícia ao convívio, acomoda dois sofás que, por terem pés e serem elevados, se tornam muito mais leves do que os tradicionais sofás assentes no chão. A mesa de apoio redonda contrasta com a mesa de centro brutalista – em pedra e com acabamento em pó de cimento – que, em virtude da assimetria e desníveis que exibe, surge como um elemento mais mal comportado que desafia as formas suaves e orgânicas presentes na decoração e enriquece a atmosfera. Um dos volumes da mesa estende-se em comprimento e acaba por servir também como apoio à Eames Lounge Chair, um cadeirão confortável que conforma um excelente recanto de leitura que beneficia da luz natural que entra pelas janelas provenientes do desenho das fachadas.

Destacamos, ainda, o quadro pousado no chão, na zona em que os sofás fazem esquina, a trazer rebeldia – e bravura! – ao conjunto.

A decoração é, como se percebe, simples (mas não simplista) e sofisticada à semelhança da zona nobre da cidade em que o apartamento se localiza!

Móvel de arrumação feito à medida

Parece uma parede, mas é, na verdade, uma falsa parede ou, melhor dizendo, um móvel que desaparece no todo e que foi criado para gerar um espaço de arrumação adicional que era importante para a cliente. O móvel, da autoria da designer Renata Santos Machado, foi acabado em microcimento e integra nichos em nogueira mate. A madeira é incontornável para afiançar o aconchego da sala e para enriquecer esta sublime peça feita à medida.

O móvel tem uma lamparina ao nível dos olhos que aquece o espaço e tem o elemento fogo que, visualmente, é muito simpático. É, sem dúvida, um sítio pouco usual para uma lareira, que costuma estar em zonas mais centrais e controladas, mas desengane-se quem pensa que esta lareira coloca algum perigo: na verdade, não liberta lixo, não precisa de exaustão, tem uma caixa com insert metálico e uma manta protectora isolante que não aquece o móvel. Além disso, por estar elevada, pode ser contemplada a partir de qualquer zona da sala. Quão engenhoso e criativo é este elemento da sala? Estamos siderados!

Zona de refeições e cozinha

Na zona de refeições, encontramos uma mesa com tampo em mármore com uma generosa largura e lugar para 10 pessoas. As cadeiras são em pele e madeira e possuem uma estrutura metálica que é, de resto, muito tendência.

A coroar a mesa está um espantoso candeeiro de tecto cujas bolas espelhadas, em vidro fumado, têm uma leitura que é, ao mesmo tempo, clássica e divertida. Os trabalhos do atelier surpreendem-nos por motivos vários, mas os bonitos e incomuns candeeiros escolhidos pela Renata são, certamente, característica distintiva dos espaços intervencionados pela designer.

Por detrás das portas de correr

Os clientes não pensavam utilizar muito a cozinha, pelo que se preferiu escondê-la por detrás de portas de correr em vidro fosco e ripado em nogueira, a mesma madeira presente nos nichos do móvel que vimos anteriormente. Considerando o ambiente elegante e cálido que se conseguiu gerar, é, efectivamente, oportuno a cozinha estar escondida. Apesar de bonita, o branco total viria, de algum modo, quebrar a harmonia do conjunto. Porém, ela pode ser facilmente aberta para a sala sempre que assim se desejar.

Corredor

O corredor era estreito e escuro, o que criava uma dissonância em relação ao resto da casa. Com vista a solucionar este problema (ou limitação), forrou-se a parede a espelho para se alterar e melhorar a percepção espacial.

A iluminar o corredor está o candeeiro 73.1 da Bocci desenhado para se criarem composições cénicas. Cada globo é soprado à mão para um recipiente de cerâmica altamente resistente para se criar a aparência de uma concha orgânica ondulante que nos lembra uma nuvem ou um qualquer ser vivo que habita as profundezas do oceano. Quem entra nesta casa, não se esquece, por certo, deste maravilhoso candeeiro.

Quarto de hóspedes

Terminamos nos quartos. O apartamento tem um quarto de hóspedes e uma suíte. No quarto de hóspedes, os tons neutros mantêm-se, estando o cinza e o branco aqui em destaque. A parede por detrás das camas foi revestida com um elegante papel de parede em tecido que contrasta com as cabeceiras que têm uma alça a atravessá-las, um detalhe refinado e diferenciador. Aos pés, as mantas de pelo longo trazem calor e textura ao espaço, mas podem ser retiradas durante o Verão para que fique só a manta branca, mais fresca, que está por debaixo delas. Entre as camas, suspendeu-se uma mesa de cabeceira em madeira clara. Tendo em conta a dimensão do quarto, as camas estreitas e a mesa suspensa são, de facto, boas escolhas para se criar leveza e tirar o máximo de proveito da área disponível.

Terminamos na suíte master onde, uma vez mais, a iluminação cria um statement e uma assimetria que concede ritmo visual ao projecto. Há pontos de luz para ler e outros que criam luz ambiente. Está tudo certo neste quarto, mas, ao mesmo tempo nada é demasiado certinho — e ainda bem que assim é! Até a cabeceira de cama tem um formato diferente com os seus gomos acolchoados em veludo. Nota, ainda, para o papel da parede que parece amachucado e que, pela textura inusitada, muda completamente a forma como se sente o espaço (se esta parede fosse branca e lisa não seria a mesma coisa!).

Em frente à cama, foi colocado um toucador de estilo mid-century, em mármore e nogueira, e um criado mudo que aparece complementado por um espelho oval. A neutralidade das cores é interrompida pelo arranjo verde que traz vida e frescura ao espaço!

Contactos

Apartamento | Avenida da Liberdade| Portugal Atelier Renata Santos Machado Salas de jantar modernas
Atelier Renata Santos Machado

Apartamento | Avenida da Liberdade| Portugal

Atelier Renata Santos Machado

Em baixo, deixamos-lhe os contactos do Atelier Renata Santos Machado:

  • Morada: Avenida de António José de Almeida, 44, 3.º Dto. – 1000 – 045 Lisboa, Portugal
  • Telemóvel: +351 93 965 707 2 | Site: www.atelierrenatasantosmachado.pt

Recomendado: Os interiores modernos e irreverentes de um duplex com uma sublime vista para o Tejo


Se hesite em contactar o gabinete para obter informações sobre os serviços disponíveis.
Casas inHAUS Casas modernas

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa?
Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!