O trabalho doméstico pode melhorar a sua vida!

Ida Gaspar – homify Ida Gaspar – homify
Google+
Loading admin actions …

Geralmente, quando falamos em tarefas domésticas torcemos o nariz, é ou não é verdade? Nunca é algo de muito apelativo e se pudéssemos fugir delas, como o diabo foge da cruz, seria o caso, todos fugiríamos e eu seria a primeira! Mas, infelizmente, não podemos, temos de assumir estas rotinas, para o nosso bem-estar, conforto e também sobrevivência. Há sempre tarefas domésticas que gostamos menos do que outras, para uns passar roupa será o pior, mas para outros será lavar a loiça ou limpar as casas de banho. Cada um com a sua sentença, não é? 

Hoje, decidimos partilhar boas notícias com os nossos leitores, pois vai ficar radiante ao saber que afinal cumprir com o trabalho doméstico, poderá melhorar a sua qualidade de vida! Incrível, não é? Mas é verdade, afinal lavar pratos, jardinar, fazer a cama, cortar a relva e tantas outras tarefas, fazem-nos bem, só que até agora não o sabíamos… e por isso, a partir, de hoje, vamos vê-las com outros olhos e vamos assumi-las como sessões terapêuticas. 

Ora veja o resto do artigo para crer! Depois disto acreditamos que em casa todos vão querer trabalhar!!

Lavar pratos reduz a ansiedade

Lá em casa quem costuma ficar no castigo da loiça? É a máquina? É você? Ou é à vez? Bom, talvez depois de saber os benefícios de lavar a loiça vai querer poupar a sua máquina e preferirá cumprir a tarefa! 

Um estudo recente do departamento de Psicologia da Universidade de Flórida (uma amostra de cinquenta e uma pessoas) demonstrou que quem costuma lavar a sua loiça minuciosamente (focam-se no cheiro do detergente, sentir a temperatura da água e o toque dos pratos) consegue reduzir o seu estado de nervosismo em cerca de 27%. Porém, quem não se empenhou no estudo não obteve resultados semelhantes, como a baixa de stress e a sensação de calma. 

Por isso, já sabe quando lavar a loiça, faça-o com toda a calma do mundo e vai sentir-se menos stressado! 

Fazer a cama aumenta a produtividade

Grecia . Interdesign: Hotéis  por Interdesign Interiores
Interdesign Interiores

Grecia . Interdesign

Interdesign Interiores

Já fez a sua cama hoje?…

A sua mãe estava certa: começar bem o seu dia é com uma cama arranjada, feita, bonita e lençóis esticados. Tal como confirma Charles Duhigg, o autor de The Power of Habit, que nos diz que é um keystone habit, ou seja, um efeito cascata que gere outros bons comportamentos. No seu livro, Duhigg lê-se que ao fazer a cama todas as manhãs gere maior produtividade, uma sensação maior de bem-estar e maior força nas habilidades. Os fabricantes das camas também conferem que quando a cama fica feita, a noite de sono será melhor, ao contrário do que aqueles que deixarão os seus lençóis confusos pela manhã, segundo uma pesquisa da Fundação de Sono. 

E diga-lá se o seu quarto não fica logo com um ar arrumado, hum?!

Jardinar pode ajudar a prevenir ataques cardíacos

Precisa de motivação para pegar no aspirador ou noutro objeto para tratar da sua casa? É que temos boas notícias…

As pessoas que passaram uma vida a trabalhar nas lidas domésticas têm 30% de probabilidade a menos de ter problemas cardiovasculares, como ataques cardíacos ou acidentes vasculares, comparados com aqueles que foram mais sedentários. Um resultado feito a partir de um estudo sueco realizado em 3800 pessoas de idade avançada.

Agora já sabe toca a mexer e mesmo em casa, para prevenir problemas de saúde!

Limpar a cozinha ajuda a perder peso

Um estudo recente mostrou que as pessoas com as casas super desordenadas tinham setenta e sete maior probabilidade te ter excesso de peso ou ficar obeso. Incrível, não é verdade?! E a razão mais provável, é a dificuldade em fazer as escolhas alimentares certas e saudáveis dentro de uma cozinha caótica. O guru Peter Walsh e autor do livro Cut the Clutter, Drop the Pounds  diz que é um problema que existe em centenas de casas de família. Também refere que quando as pessoas estão finalmente organizadas, tendem a vivenciar uma série de vivências positivas e inesperadas, como perda de peso, sem por isso ter feito uma dieta rigorosa. 

Como tal, é importante ter uma casa e sobretudo uma cozinha arrumada e clean, inevitavelmente irá incidir sobre o nosso psicológico. Bora lá pôr ordem na cozinha, para (re)começar com bons hábitos.

Cortar a relva faz senti-lo mais alegre

VILAMOURA . INTERDESIGN: Piscina  por Interdesign Interiores
Interdesign Interiores

VILAMOURA . INTERDESIGN

Interdesign Interiores

Quem não gosta do cheiro à relva cortada… É tão agradável! Quando se cheira é mesmo daqueles cheiros que nos remete logo para o efeito: humm cheira à relva cortada!

A verdade é que pesquisadores australianos descobriram que é liberada uma substância química quando a relva é cortada, que faz as pessoas sentirem-se mais relaxadas e felizes. 

Se tem a sua relva por cortar não perca mais tempo e toca a agendar essa tarefa para o próximo fim de semana, vai ver que sentir-se-á mais alegre, além de que estará a trabalhar o físico!

Cultivar plantas e vegetais pode reduzir o risco de depressão

Jardim  por BACSAC®
BACSAC®

Le carré potager BACSAC : outil pédagogique

BACSAC®

Para um estudo realizado na Noruega escolheram pessoas diagnosticadas com diferentes tipos de depressão e tinham como objetivo passar seis horas por semana a jardinar. Depois de alguns meses, elas apresentaram uma notável melhoria nos seus sintomas depressivos, e a sua boa disposição continuou depois do estudo acabar. 

Fazer uma nova atividade e estar em contacto com a natureza ajuda, com toda a certeza, a melhorar o bem-estar emocional. Alguns especialistas acreditam que a terra só por si é um agente depressivo, de acordo com o site Health.com. Por outro lado, o professor Doutor Christopher Lowry, da Universidade do Colorado tem injetado em ratos uma bactéria comum e inofensiva, encontrada no solo. O Professor descobriu que os ratos manifestavam um aumento de produção de serotonina, em partes do cérebro que controlam as suas funções cognitivas e de disposição, da mesma maneira que os anti-depressivos baseados em serotonina atuam.

Já tinha ouvido falar sobre isto? Gostou de descobrir?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!