Maneiras eficazes de disciplinar filhos preguiçosos

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
Loading admin actions …

Está farto de ver os seus filhos sem fazer nada lá por casa? Tem de repetir vinte vezes o mesmo pedido de ponham a mesa e mesmo assim ajudar não é com eles? Já não pode ouvir o som da consola de jogos ou o riso tolo dos desenhos animados? Os miúdos estão sempre a queixar-se de que não têm nada para fazer, ou só fazem tolices quando chegam a casa?

Se mentalmente se reviu nestas situações não se sinta mal, nos dias que correm estas situações são comuns a muitos pais, embora obviamente ninguém as deseje. E não pense que a culpa é só sua…

Uma sociedade que impõe aos progenitores horários desregrados, correrias sem fim e pressões diárias também não ajuda nada, e torna a tarefa de disciplinar as crianças particularmente desagradável… Afinal passamos tanto tempo sem elas que depois é difícil ou cansativo contrariá-las!

Mas há que fazer um esforço acrescido. Afinal ouvir um não, ou cumprir regras, só lhes vai trazer benefícios no futuro, assim dizem os especialistas em psicologia infantil. No entanto invariavelmente damos por nós sem ideias para impor um pouco de disciplina sem recorrer a castigos ou chantagens. E isso é especialmente acutilante durante as férias… As de verão estão aí à porta!

Bem, estamos aqui para ajudar. Neste artigo vai encontrar algumas ideias com provas dadas para disciplinar os seus filhos lá em casa, e transformar os seus lindos monstrinhos aborrecidos em anjinhos motivados! Só não garantimos que os anjinhos não voltem a diabinhos de tempos a tempos. Afinal eles são crianças!

Restrinja o acesso à internet para reforçar as atividades em família

Vamos lá! Respire fundo e prepare-se para muita contestação. A ideia é restringir o acesso ao mundo virtual e trazê-los de volta à realidade. Sim, nós sabemos que a internet é um instrumento de aprendizagem valioso, mas também pode ser uma fonte inesgotável de problemas. E a ideia também não é privar as crianças e adolescentes do acesso à rede. Nos nossos dias seria quase impossível!

Então o que podemos fazer? Exercer o nosso poder parental e limitar o tempo que os miúdos passam on line. Controlar os sites que consultam e as ferramentas que usam durante esse tempo. Se forem crianças muito pequenas não permita a utilização das novas tecnologias.

A internet é uma realidade falsa, que causa alheamento social e reduz a interação interpessoal. Os amigos virtuais não passam disso e muitas vezes nem têm correspondência na vida real. E nem vamos entrar no tópico dos perigos que uma utilização desregrada da internet tem para as crianças, que por si só merecia um artigo completo.

Estabeleça um horário para aceder à internet e negoceie-o com os seus filhos, sem nunca ceder no tempo limite. Os especialistas recomendam que nunca se ultrapassem as duas horas de contacto com as novas tecnologias, e isso já inclui internet, televisão, tabletes ou telemóveis.

Depois promova atividades em família, ou entre amigos. Ensine-os a brincar, se forem pequenos… A internet não o fará, e pelo contrário vai limitar e esmorecer a sua criatividade natural.

Proponha-lhes projetos DYI

Quarto de criança Matosinhos: Quartos de criança modernos por Kohde
Kohde

Quarto de criança Matosinhos

Kohde

DYI – do it yourself, ou faça você mesmo, em português.

Não há nada que desenvolva mais a autoconfiança, a disciplina e a perseverança do que fazer algo com as nossas próprias mãos! E a indescritível sensação de realização quando finalmente contemplamos a nossa obra acabada?

Claro que as atividades devem ser adaptadas à idade da criança, mas quanto mais cedo começar mais simples será manter a disciplina e a concentração necessárias à realização das tarefas.

Poderá começar por intervir e ajudar, mas evoluindo no sentido da autonomização das crianças. Aos poucos poderá deixá-los voar com as próprias asas. No fundo, vamos ser honestos, crianças ocupadas são crianças mais bem comportadas!

Está com falta de ideias? Então vamos a sugestões… Tem uma pequena princesa? Façam coroas em papel e purpurinas, colares de contas ou personalizem peças de vestuários com brilhantes.

Lá em casa habita uma fada? Que tal começar com a varinha de condão, como a que se vê na imagem do quarto acima, da autoria dos designers de interiores Kohde, da Maia?

É um rapaz irrequieto? Que tal construir um papagaio de papel ou uma pista de carros com fita-cola colorida no chão?

Aproveitem agora os benefícios do tempo gasto em internet! Procurem, juntos, um projeto que lhes agrade, da imensidão de ideias que se encontram on line, e comecem a trabalhar!

Envolva as crianças na hora de cozinhar

Todas as crianças adoram esta ideia. Nunca conhecemos nenhuma, das mais pequenas às mais velhas, que não adore ajudar os pais na hora de cozinhar. Mas não resuma estes momentos a tardes esporádicas fazendo biscoitos, por mais deliciosas que sejam. Envolva as crianças na experiência de preparar os alimentos para a família diariamente. Eles vão dar valor ao seu trabalho e aos alimentos que têm à sua frente. Garantimos que é mais fácil convencer um menino de quatro anos que odeia vegetais a comer a salada se tiver sido ele lavar o tomate!

Claro está que não vai colocar uma faca nas mãos de uma criança de três anos, mas escolher folhas de alface bonitas para a salada, ou colocar os ovos cozidos na travessa, está ao alcance até de crianças mais pequenas. E depois, à medida que eles crescem (e eles crescem tão rápido!) pode ir aumentando as suas responsabilidades. Vai ver que será mais simples ter um adolescente a descascar as batatas ou a grelhar a carne se o ensinar de pequenino, do que se lhe pedir que o faça pela primeira vez aos treze anos!

Faça-os arrumar uma divisão da casa

Quartos de criança modernos por Stúdio Márcio Verza
Stúdio Márcio Verza

Sala de brinquedos

Stúdio Márcio Verza

O quarto das crianças é o seu espaço e o seu mundo, pois é lá que estão as coisas que lhes são mais queridas. E por isso, no que toca à arrumação de espaços por crianças, normalmente começam pelo seu quarto, para estimular a organização do próprio espaço e materiais. Mas não tem necessariamente de ser assim… Pode ser o quarto dos brinquedos, ou a roupa no roupeiro, ou as gavetas, ou qualquer outra divisão mais simples de organizar. 

Ajude estabelecendo regras de arrumação, como gavetas próprias para cada tipo de brinquedos, cabides com cores, espaços reservados para atividades específicas, ou qualquer outra. E não ceda! 

Se for preciso faça um contrato com eles, estabelecendo regras de arrumação e periodicidade, metas e objetivos, regalias e penalizações. Pode ser por escrito, ou sob a forma de uma tabela colada na porta do quarto. O importante é que eles conheçam as regras de forma clara e que a rotina se mantenha! 

Um espaço organizado estimula um raciocínio organizado, e isso vai ser-lhes precioso para o futuro.

Dê-lhes tarefas de jardinagem para estimular o contato com a natureza

Jardim  por Mundo Garden
Mundo Garden

Huerta horganica para niños

Mundo Garden

Cultivar é gratificante, tanto para os adultos como para as crianças. Colocar a semente na terra, esperar e vê-la crescer, colher as suas folhas ou frutos… É regressar às raízes humanas do contacto com a natureza. É estimulante, mas ao mesmo tempo calmante. É divertido e didático! E haverá alguma criança que não goste de pôr as mãos na terra e ficar toda suja?

Então toca a pôr a criançada a plantar alfaces e tomates, ou a semear ervas aromáticas! Ponha-os a limpar as pragas dos canteiros, ou adubá-los com composto. Não tenha medo da sujidade, ele não vão ficar contaminados com qualquer bactéria estranha, pelo contrário está a estimular as suas defesas!

Vive num apartamento e a terra está bem longe? Traga um pouco dela para dentro de casa. Coloque vasos no interior ou no pouco espaço de exterior que lhe sobrar da varanda. E hoje em dia há imenso projetos de mini-estufas para crianças que podem bem ser a sua solução!

Quer ver boas ideias para fazer um jardim num apartamento? Então leia o artigo ’7 ideias para fazer um jardim de ervas num apartamento

Torne as crianças responsáveis por tarefas específicas

Cozinha  por Urban Myth
Urban Myth

Pull out waste bins

Urban Myth

Uma última sugestão: – responsabilidade! Torne-os responsáveis por tarefas quotidianas que contribuam para o bem-estar de toda a família em casa.

Como qualquer mãe ou pai sabe, a lista de coisas a fazer todos os dias numa casa é enorme, por isso delegue algumas. Faça-os levar o lixo ao contentor. Estabeleça que é ele ou ela a pôr a mesa. Encher ou esvaziar a máquina da loiça. Apanhar a roupa. Qualquer uma serve!

Quando são muito pequeninos podem participar, e aos poucos serão eles os responsáveis pela realização completa da tarefa.

Sabemos que estas medidas vão requerer constância, tato, negociações e até algumas alterações de atitudes da sua parte, mas garantimos que os resultados serão muito satisfatórios!

Os seus filhos cooperam consigo ou são peritos em desarrumação? Tem mais ideias para os manter ocupados? Partilhe tudo connosco!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!