Casas minimalistas por Stefan Brandt - solare Luftheizsysteme und Warmuftkollektoren

Uma nova e inteligente forma de vida

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Desde o início dos tempos que os seres humanos tiveram que recorrer à criatividade para encontrar abrigo. E da mesma forma que um país integra uma variedade de culturas, também as casas variam consideravelmente.

No século XXI, surgiu o moderno conceito da casa contentor. Embora esta ainda seja uma ideia relativamente nova, não há como negar as vantagens que esta opção nos traz. Mesmo que não seja a melhor solução aos olhos de toda a gente, não descartemos esta ideia por falta de informação.

Hoje, na homify, vamos conhecer o projecto de uma casa contentor da autoria do designer alemão Stefan Brandt. Trata-se de uma solução elegante, simples e ecológica.

Compacta e contemporânea

Imagine ter uma casa completamente auto-suficiente com as dimensões médias de um contentor. Inclua-lhe, porém, uma componente estética significativa que o leve a considerar esta opção para habitação.

O nosso arquitecto incluiu, no casa contentor que hoje vamos conhecer, janelas e portas de vidro. O metal não foi completamente removido para dar lugar aos elementos transparentes; em vez disso, os cortes de metal foram ligados a um sistema automático de roldanas que pode ser visto na imagem superior.

Para ter mais impacto visual, um deck de madeira foi criado ao longo do contentor, criando um espaço de convívio ideal.

Forte e duradouro

As casas-contentor são feitas de aço de alta resistência. São, portanto, feitas para durar e resistir à erosão própria das condições climáticas. Por serem compostas por este material forte, muitos tenderão a assumir que é difícil alterar um contentor, mas, surpreendentemente, não é. O aço pode ser facilmente cortado através de uma variedade de métodos, e retendo, na mesma, a sua integridade estrutural o que significa que as aberturas podem ser feitas sem muitas restrições. Este projecto é disso exemplo e mostra-nos a liberdade de que o proprietário de um contentor usufrui no que às alterações diz respeito, podendo personalizar o design para criar algo único.

Plano

Antes de entrarmos na casa contentor, vejamos o plano. A partir da imagem, constatamos que tudo aquilo que consideramos essencial numa casa está presente, incluindo um local para descanso, para cozinhar e para a higiene pessoal. Embora as dimensões sejam limitadas, o espaço foi organizado da melhor forma. Podemos também ver que o deck acrescentou uma quantidade significativa de espaço no chão.

Dentro do contentor

A configuração no interior da casa desafia as suas dimensões. É-nos transmitida uma sensação de abertura e as áreas são bem iluminadas. A proeminência do revestimento de madeira fornece um quadro leve e natural para a decoração de interiores.

A partir desta fotografia, vemos a cabine de duche envolta em vidro. O mobiliário reduz-se ao essencial para que o espaço não fique excessivamente apertado. A cama esconde-se na parede e cede o lugar a uma poltrona ao longo do dia. A transição para o exterior, através das portas envidraçadas, é funcional.

Popularidade crescente

Pode parecer demasiado perfeita, mas não se deixe enganar pela parte estética. Esta é uma casa completamente funcional e tem tudo aquilo que é preciso para uma vida confortável. Isso inclui circuitos eléctricos, sistema de aquecimento e isolamento. Em jeito de conclusão, diríamos que a Pocket Container Home não é ideal para todos, mas é uma alternativa para os que procuram uma casa económica. Com o custo da habitação a aumentar, há cada vez mais pessoas de várias faixas etárias a abraçar um estilo de vida mais alternativo.

Consideraria viver numa casa contentor? Sim? Não? Diga-nos porquê.
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!