Decore a sua casa com padrões

sofiapega sofiapega
Loading admin actions …

De certeza que alguma vez já sentiu que a sua casa precisa de algo que lhe dê vida. É verdade que muitas vezes pequenos apontamentos chegam, mas se gosta de dar mesmo muita personalidade a uma divisão, pequenos apontamentos não lhe bastarão.

E é aqui mesmo que os padrões nos vêm ajudar. Desde os mais coloridos, aos mais clássicos e vintage, aos a preto e branco… Há para todos os gostos! E aqui é que está a grande vantagem. A utilização de padrões apresenta-se como a melhor solução para personalizar qualquer uma das suas divisões. E onde é que costumamos ver padrões? Para além de em colchas, mantas, almofadas, tapetes, cortinados, entre muito outros elementos da decoração, costumamos ver muitas vezes nos papéis de parede!

Sem dúvida alguma que a presença de um padrão ou vários num espaço – ainda mais quando estamos a falar de padrões em papéis de parede – é um apontamento vistoso e que chama à atenção, por isso deve ser escolhido com preocupação, de forma a ficar em harmonia com o resto da decoração.

Ao longo deste artigo vamos mostrar-lhe seis tipos de padrões, que surgem em seis papéis de parede distintos. Continue a ler e inspire-se com a homify!

Pintado à mão

Paredes  por Rebel Walls
Rebel Walls

Lily Pond

Rebel Walls

Em segundo lugar, mostramos-lhe um padrão que parece ter sido pintado à mão. Parece uma folha retirada de um diário gráfico de um artista, de uma pintura a aguarela, posteriormente ampliada. Em tons de verde e azul, este toque natural e fresco torna o quarto mais acolhedor, tranquilo e sofisticado ao mesmo tempo. Este padrão ganha ainda mais impacto porque a maioria do resto da decoração é sempre e à base da cor branca. Este é o quarto ideal para um casal jovem, o quarto da primeira casa de habitam juntos.

Geométrico

O primeiro exemplo que lhe mostramos é um quarto decorado por Ana Rita Soares em que surgem dois padrões: um geométrico, no papel de parede e outro, mais abstracto, na colcha. Um quarto que, claramente, foi projectado para uma jovem. Um papel de parede amarelo e branco que reflecte alegria, bem estar, criatividade e, ao mesmo tempo, tranquilidade.

Com base nesta fotografia queremos também dar-lhe algumas dicas. A primeira dica que lhe damos é que nunca deve esquecer o equilíbrio. Não exagere nos padrões ou na mistura dos mesmos. Ana Rita Soares optou por misturar os dois padrões que foram referidos anteriormente e apenas funcionou porque tudo foi muito bem pensado. Em primeiro lugar, não são dois padrões geométricos e contrastantes cansativos, ou seja, são muito diferentes e, assim, não se torna monótono nem cansativo. Por outro lado, esta junção funciona por existe uma cor em comum, o amarelo e, para além disso, os elementos decorativos, colocados sobrepostos ao papel de parede, fazem também esta ligação de cores. As almofadas, enquanto apontamentos lisos, são só criam um visual interessante, como atenuam esta mistura de padrões.

Vintage

De seguida mostramos-lhe um papel de parede cujo padrão é mais vintage. Com um toque meio metalizado este é o padrão perfeito para criar um ambiente mais clássico mas também muito actual. O facto deste papel de parede ser metálico, faz com que a luz natural incida sobre ele e o faça brilhar ainda mais, dando-lhe um aspecto mais requintado. Pode também dizer-se que este padrão tem um efeito tranquilizador, por ser de um tom neutro claro e pelo padrão não estar exageradamente marcado.

Ao estilo dos anos 80

EXPOSIÇÃO CASAVIANA 2012: Salas de estar modernas por ROSA PURA HOME STORE
ROSA PURA HOME STORE

EXPOSIÇÃO CASAVIANA 2012

ROSA PURA HOME STORE

Este papel de parede, bem ao estilo dos anos 80, com tons amarelados, ganha ainda mais destaque por fazer parte da parede da lareira. Não só o padrão chama a atenção, como a luz do fogo conjugada com as cores do papel de parede. Também apresenta tons arroxeados, que são complementados com as flores roxas e as peças de decoração que se vêem acima. Esta fotografia remete-nos também para uma dica essencial. Os padrões devem decorar apenas uma parte moderada da divisão – neste caso foi escolhida a parede da lareira. Tal como referimos na primeira fotografia, procura o equilíbrio nos apontamentos e peças de mobiliário.

Colorido

Parede e piso  por MUES design
MUES design

Papier peint Pastrique – Collection TUTTI FRUTTI

MUES design

O penúltimo exemplo é o mais colorido de todos e está utilizado de forma muito inteligente. E porquê? Se pensar bem, este papel de parede num quarto ou sala seria um pouco enjoativo e facilmente se cansaria. Assim, o decorador optou por coloca-lo numa zona que é apenas de passagem – a zona das escadas – assegurando, assim, a fluidez da decoração. É muito original que o papel de parede passe para baixo das escadas. O vermelho forte e as melancias divertidas, contrapõem-se ao cinzento das escadas e parede de cimento.

Preto e Branco

Paredes  por Dekoori
Dekoori

Tapeta w pasy poziome biało-czarna

Dekoori

Para terminar, mostramos-lhe um papel de parede a preto e branco e às riscas. Padrões geométricos muitas vezes criam ilusões no espaço. Neste caso, o facto do papel de parede ter riscas horizontais torna o espaço maior, pois aparentemente aumenta o comprimento da parede. De facto, se as riscas fossem verticais o efeito não seria o mesmo, seria exatamente o contrário. O que pareceria maior seria o pé direito, ou seja, a altura da parede. Este papel de parede está inserido numa sala de estar com tons neutros, em que praticamente tudo é branco com excepção do tapete animalesco que tem tons de preto também e que quebra a monotonia do padrão presente na parede.

Qual destes papéis de parede escolheria para uma divisão da sua casa? Diga-nos nos comentários!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!