Salas de jantar minimalistas por Nan Arquitectos

Casa projectada para o futuro: habitação de baixo custo

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Durante a primeira reunião com o cliente, a ideia para a casa era simples. Deveria ser moderna. Porém, este conceito é vago para começar um projecto. Por este motivo, o gabinete optou pela construção de uma casa low-cost que pudesse satisfazer as necessidades do utilizador a longo-prazo. Com efeito, priorizou-se a simplicidade no design, execução e construção.

As casas que rodeiam esta moradia são muito diferentes em termos de forma e de tamanho. A primeira prioridade era abrir a casa para Sul e manter a fachada discreta. A casa foi desenvolvida através de uma laje de betão que parece “flutuar” sobre a fachada Sul a fim de proteger as grandes janelas do sol de Verão.

Em termos de design, a casa utilizou dois conceitos: foi construída para um ocupante e deveria ter espaços abertos. Assim foi. Os espaços são fluidos e as grandes janelas nas traseiras comunicam com o exterior. Vamos ver como ficou?

Um projecto do gabinete Nan Arquitectos

Fachada

Nesta fotografia, vemos a fachada principal que, como mencionámos, é simples e minimalista. Não tem nada que deslumbre, nem nenhuma abertura que deixe entrar luz natural. Desta forma, resguardou-se a privacidade dos moradores. A entrada é espaçosa e permite o estacionamento de um carro, um aspecto cómodo para os proprietários.

Mas na parte de trás…

(… ) mas na parte de trás, a conversa é outra. A fachada traseira é completamente envidraçada, ao contrário da frontal quase toda fechada. Esta é uma ideia que pode reproduzir na sua casa se uma das fachadas for virada para a rua, por uma questão de privacidade e de segurança.

A ampla área envidraçada deixa passar luz natural e permite aos moradores desfrutarem da paisagem nas traseiras. Como, no interior, os espaços comunicam uns com os outros, a luz flui com facilidade entre eles.

Boas soluções

Dispensar as paredes e optar por espaços integrados é a solução ideal, sobretudo para casas pequenas. A casa fica, de imediato, a parecer maior. Imagine se, nesta moradia, se tivessem erguido paredes para separar cada uma das divisões? Ia-se tornar escura e pouco prática. Observe esta imagem: parece-lhe uma casa de 50m²? Não! Para além disso, desta forma é muito mais fácil mobilar os espaços. Neste caso, optou-se por uma decoração moderna e minimalista, de linhas simples e com muito conforto.

Três coisas no mesmo espaço

Na homify, são várias as casas que lhe mostramos que incluem planos abertos. Este espaço resume a cozinha, um pequeno armário e, mesmo ao lado, a casa de banho. A opção pelo branco oferece homogeneidade e continuidade entre cada área, fazendo com que pareça apenas uma coisa. O branco é a cor ideal para espaços de dimensões limitadas. 

Um quarto distinto

No quarto, procuramos intimidade e privacidade. Não é uma área social, é uma área que só a nós pertence. Neste caso, o quarto está semiaberto em relação à zona social. A separação faz-se por via de uma parede que não se estende até ao tecto e abriga uma confortável lareira que funciona enquanto elemento neutro, aquecendo ambos os lados.

Luz, uma lareira confortável e uma paisagem natural. Acordar aqui deve saber bem.

É a casa ideal para uma pessoa solteira ou para um jovem casal. O que achou deste projecto?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!