7 ingredientes para ter um quarto vintage

Ida Gaspar – homify Ida Gaspar – homify
Google+
Loading admin actions …

Pensar que o vintage é coisa do passado será sem dúvida uma ideia errada, pois é um estilo antigo que é hoje em dia revisto, atualizado, com mais personalidade e bem tendência no mundo da decoração de interiores. E nós hoje escolhemos uma divisão de casa, para vos mostrar o que deve fazer para ter um quarto ao estilo vintage do século XXI, já que este tem conquistado cada vez mais admiradores. 

Quando falamos em decoração vintage, falamos num estilo que é delicado, romântico e cheio de personalidade, com referências ao passado. Os espaços de estilo vintage, nomeadamente os quartos são bastante charmosos, atrativos e não são demasiados ornamentados, querendo dizer com isso que não necessita de despender grandes valores para criar um ambiente vintage no seu quarto. Consegue obter uma decoração rica, apostando nas peças e detalhes-chave que são capazes de contar histórias, aquelas que nos fazem sonhar. E é precisamente através deste artigo que vos contamos uma história – a do quarto vintage.

Era uma vez…  

Escolha a cama

Quarto de Casal: Quartos clássicos por Stoc Casa Interiores
Stoc Casa Interiores

Quarto de Casal

Stoc Casa Interiores

…  uma cama

Sim esta é a peça central de todos os quartos e de todos os estilos, como tal o vintage não é exceção. Na hora de escolher a sua cama, escolha uma que tenha as características do estilo vintage, isto é, que tenha um ar romântico e materiais nobre, esta de veludo cor-de-rosa entra na perfeição no ambiente. Camas que tenham uma cabeceira e a traseira forrada com um tecido, de cor delicada, enquadrar-se-á num quarto vintage, como aquelas camas com capitone. A roupa da cama que irá escolher terá um papel fulcral, uma vez que reveste a cama e traz o seu toque decorativo também.

Porém, não é o único modelo de cama que caracteriza um quarto vintage, pode procurar aquela cama de ferro que está no sótão nos vossos avós e trazê-la até ao seu quarto, uma bela forma de recuperar, para dar-lhe uma nova oportunidade de brilhar e de contar outras histórias. O seu ar velho e usado será sem dúvida ouro sobre azul, não necessita de retoques, ficará perfeita assim, bem ao estilo antigo. 

Concentre-se na lareira

A lareira. Haverá detalhe mais romântico do que este? Para nós não. A lareira é sem dúvida um elemento marcante numa decoração de casa e então no quarto, é o rubro. É claro que o que confere todo o cenário de romantismo à lareira é a sua chama a arder e vê-la a mover-se. 

Se quer o seu quarto com este espírito vintage, este elemento não poderá faltar, é claro que poderão surgir questões de logísticas, mas hoje em dia existem soluções que contornam a situação, de modo a poderem ter uma lareira em casa, sem recorrer a obras. Descubra este profissional português e tenha uma lareira de etanol, uma perfeita substituta da lareira tradicional. Assim não há desculpas para não ter a lareira no seu quarto e criar uma atmosfera super romântica e delicada. 

Apostar no papel de parede

O terceiro passo que deve anotar, é escolher um papel de parede para o seu quarto. Não poderíamos falar em vintage sem este detalhe a revestir as paredes ou apenas uma das paredes, como a da cabeceira da cama. 

De facto, o que nos vem à memória ou que marca fotografias dos anos vintage ou retro, é aquele papel de parede com padrões florais, padrões geométricos ou com ar um pouco hippie. Como tal, escolha um que tenha estas características, além disso está tão na moda o papel de parede, que não terá dificuldades em encontrar modelos. 

Quanto às cores, pode sempre optar por aquelas que mais caracterizam o vintage, como o rosa claro, azul claro, verde, amarelo, vermelho e dourado.

Evite carpetes

Apartamento Saldanha_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores: Quartos ecléticos por Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores
Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Apartamento Saldanha_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores

Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Como já referimos o estilo vintage, é um estilo que tenta simplificar na composição do ambiente, ou seja, quanto menos detalhes invasivos melhor será. Neste sentido, prefira tapetes pequenos invés das carpetes. Embora elas eram usadas na época retro, hoje em dia, o estilo vintage atualizado dispensa delas. Ficando assim o chão nu e visível, sem dúvida que um pavimento em madeira traz o aconchego e a decoração perfeita a este estilo. 

Reparem como o arquiteto português Tiago Patrício Rodrigues decorou este quarto, com linhas vintage. Manteve o simples, apostou em elementos e peças-chave, centrando-se nelas e não retirando o seu protagonismo. Falamos das duas cadeiras vintage, que servem de mesas de cabeceira, do candelabro ou ainda dos frisos no teto. Só podemos dizer com este exemplo… Inspire-se!

Tenha um tocador

Vestiário  por Loaf
Loaf

Nellie dressing table

Loaf

Se estamos a falar para uma leitora mulher, que gosta do seu cantinho beauté, ao mesmo tempo que segue a tendência vintage, então não poderá dispensar do seu tocador! Sem dúvida um elemento bastante característico nestas decorações mais antigas. Esta peça é tão linda, como delicada e romântica, traz à memória aqueles filmes, onde a mulher está sentada nesse lugar a cuidar de si. 

Não há nada melhor do que tratar de nós mesmas, pelo menos alguns cuidados são sempre necessários. Tratar do cabelo e de uma limpeza/hidratação básica ao rosto, são os mínimos que podemos fazer e se for num lugar que é só nosso, em que temos sempre lugar marcado, melhor ainda, não acham? 

O armário

Quarto  por Loaf
Loaf

Haybarn wardrobe

Loaf

Vimos que o quarto vintage precisa de uma cama, como é óbvio, de um toucador, mas também de um armário para guardar parte dos seus trajes. Na hora de escolher estas peças de mobiliário de estilo vintage, tenha sempre cuidado de os comprar com aquelas linhas antigas, de forma a se enquadrarem dentro do ambiente pretendido. Este armário, da Loaf, poderia ser uma excelente opção, a madeira que parece envelhecida, o design do móvel, dividido por duas portas, duas gavetas por baixo e os pés finos e elegantes que sustentam o móvel, marcam com todo o cuidado a memória do passado. 

É um móvel que conta histórias.

Tenha móveis distintos

Agora só tem de rematar a decoração vintage com um móvel ou outra peça distinta. Será esta que marcará a decoração do seu quarto, um pouco como a sua marca ou assinatura pessoal. 

Pode as procurar em feiras ou dar uma vista de olhos aos sótãos dos avós ou dos pais, talvez haja por lá um tesouro escondido! ;)

Gosta do estilo vintage? Ou será que pensava que era retrógrado? Conte-nos tudo!! 
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!