Buracos nas paredes: como os tapar e ficar com uma parede nova! | homify Buracos nas paredes: como os tapar e ficar com uma parede nova!
Error: Cannot find module './CookieBanner' at eval (webpack:///./app/assets/javascripts/webpack/react-components_lazy_^\.\/.*$_namespace_object?:3648:12) at at process._tickCallback (internal/process/next_tick.js:189:7) at Function.Module.runMain (module.js:696:11) at startup (bootstrap_node.js:204:16) at bootstrap_node.js:625:3

Buracos nas paredes: como os tapar e ficar com uma parede nova!

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
Renovação de Fachadas / Reparação de Fendas Casas rústicas por RenoBuild Algarve Rústico
Loading admin actions …

Situações de pânico real vividas em várias casas algures por esse mundo fora:

Cenário 1: Vai mudar a decoração da parede. Um prego, dois ganchos, meia dúzia de parafusos… Cuidadosamente, remove todos os ornamentos de parede e prepara-se para pintar. Mas, ups! A parede está cheia de buraquinhos!

Cenário 2: As crianças, animadas, brincam no quarto. De repente, há um avião que voa de forma muito real em direcção à parede! Você corre, mas não chega a tempo de evitar um buraco de dimensões consideráveis no estuque da parede.

Cenário 3: Aspira a casa com pouca vontade e muita obrigação. Vê algo que precisa de ser removido por baixo do móvel de televisão, junto à parede de nichos. Baixa-se, não consegue à primeira e insiste com um pouco de violência devido ao mau-humor. Bate com força no drywall e faz um belo buraco na parede falsa! Amaldiçoa a falta de jeito e a má vontade e pensa quanto lhe vais custar reparar aquilo (cenário remoto, mas bem real).

Identifica-se com alguma destas situações ou tem outras? É normal. Os materiais de revestimento das paredes são relativamente frágeis e, por vezes, quanto mais bonitos, mais frágeis. Amolgar e danificar uma parede de estuque é muito fácil, os furos nem sempre os fazemos no local exacto e os acidentes acontecem. 

Reparar estes danos não é tão difícil como possa parecer e é algo que pode fazer sozinho. Hoje, a homify veio ajudá-lo nesse dilema. Neste artigo, explicamos-lhe como tapar buracos e como reparar fissuras nas paredes interiores. Nao perca!

1 – Tapar pequenos buracos

A Casa da Catarina e do Miguel Salas de estar escandinavas por Homestories Escandinavo
Homestories

A Casa da Catarina e do Miguel

Homestories

Há várias formas de reparar pequenos buracos nas paredes causados por decorações ou mobiliário fixado à parede. Como estes buracos são pequenos, por vezes nem precisam de pintura por cima, sobretudo em paredes muito claras. Mas o mais normal é que após a reparação do orifício sejam precisas uma ou duas demãos de tinta. Estes métodos são adequados para estuque e gesso, pladur e drywall.

Método 1 – Com pasta de dentes, em buracos mais pequenos

A pasta de dentes é um grande aliado na reparação de pequenos buracos nas paredes! Parece-lhe estranho? É verdade, mas não vale usar daquela com riscas coloridas! Ao endurecer, a pasta de dentes adquire uma consistência que preenche o buraco na parede e até permite um alisamento suave, disfarçando os danos, mas não lhe garante um resultado profissional. É bom para paredes brancas com rugosidades que disfarçam, e em buracos muito pequenos.

Método 3 – Com sabonete branco, em buracos pequenos

É um método de disfarce, mais do que de reparação, e pode usá-lo até ter tempo de fazer o conserto final. Preencha o buraco com uma massa de sabonete amolecida com as mãos e alise com a própria barra de sabonete.

Método 4 – Com giz escolar

O giz tem bastante gesso na sua composição, embora não tenha elemento adesivo. Em buracos pequenos vai garantir-lhe um acabamento bastante uniforme que até permite pintar por cima. Só tem de molhar o pau de giz e pressioná-lo contra o buraco até se desfazer numa massa e preencher o espaço aberto. Alise com os dedos e pinte.

Renovação de Fachadas / Reparação de Fendas Casas rústicas por RenoBuild Algarve Rústico
RenoBuild Algarve

Renovação de Fachadas / Reparação de Fendas

RenoBuild Algarve

Método 5 – Com massa de reparação de bisnaga, para buracos mais largos

Actualmente, há no mercado uma grande variedade de massas de reparação e betumes fáceis de aplicar e que garantem bons resultados. Estes produtos para tapar rachaduras aparecem sob a forma de bisnagas que facilitam muito a tarefa de inserir a massa no buraco e permitem uma maior durabilidade do mesmo, pelo que pode tê-lo sempre à mão para reparar as pequenas desgraças do dia-a-dia das suas paredes. Só tem de tirar uma pequena quantidade de massa e inseri-la no buraco usando uma espátula (as espátulas ou os pauzinhos de tratamento de unhas são perfeitos para este trabalho, sobretudo em buracos mais pequenos). Preencha o buraco na parede, alise com um pano húmido e deixe secar bem. Só depois de seco pode pintar, se for necessário. 

Método 6 – Com gesso, para buracos mais largos

O estuque é feito de gesso, o pladur tem muito gesso e o drywall também, por isso usar gesso para reparar buracos e fendas nestas superfícies não é descabido. É uma técnica simples, muito utilizada por profissionais, e que permite acabamentos por cima. Compre gesso comum, misture-lhe um pouco de água até fazer uma pasta, aplique-a no buraco, alise com uma espátula e depois com um pano húmido. Faça toda esta operação rapidamente pois o gesso também é rápido a secar. Se for preciso pode lixar para uniformizar, depois de seco.

2 – Reparar buracos e fendas de maiores dimensões, lá dentro ou lá fora

Recuperação Quintal por Paulo AFonso
Paulo AFonso

Recuperação Quintal

Paulo AFonso

Por vezes, os danos são mais extensos e requerem uma abordagem mais profissional, mas, ainda assim, com algum jeito é possível repará-los você mesmo. Se não se sente confortável para fazer este tipo de trabalhos e pretende um acabamento sem falhas é melhor contratar um profissional de restauro e renovação.

Método 1 – Com massa de reparação 

À semelhança da massa de reparação em bisnaga, também esta vem já preparada. Aliás, a substância é a mesma, simplesmente vem em maiores quantidades para reparações mais extensas. Vai precisar da massa de reparação, ou betume, uma talocha de pedreiro e uma espátula, e lixa com grão 120.

No interior da casa, deve delimitar a área a tratar com fita-crepe, no exterior este passo perde alguma importância, mas deve escolher massa acrílica que é mais resistente. Preencha o espaço com a espátula e com a talocha, alise a superfície, deixe secar e passe a lixa para obter um acabamento bem uniforme (em superfícies polidas, este passo deve ser bem executado para a reparação não ficar visível).

Pintura de uma Quinta por Propaint Lda
Propaint Lda

Pintura de uma Quinta

Propaint Lda

Método 2 – Com cimento

Por vezes os danos não são de molde a serem reparados com betume ou massa corrida. Nesta altura, entra em acção o velho cimento, e aqui o trabalho complica-se um pouco.

Para fazer uma reparação interior ou exterior com cimento, vai precisar de cimento, areia, cal e aditivo, e dos mesmos materiais de aplicação referidos atrás.

Delimite a área com fita-crepe. Faça a massa, misturando o cimento, a areia, a cal e o aditivo nas proporções indicadas pelo fabricante do cimento, com água até obter uma pasta homogénea. 

Com a ajuda da espátula e da talocha aplique o reboco de cimento sobre a área do buraco, até cobrir uniformemente toda a superfície. Aplique, depois, estuque, massa de reparação ou massa corrida sobre o reboco procurando nivelar para evitar que a reparação fique com relevo e se note. 

Após a secagem, passe uma lixa, 150 ou 120, sobre a massa de reparação pela superfície, até obter um efeito liso. Pode no fim aplicar a nova pintura, que nestes casos e imprescindível.

3 – Reparar buracos em pladur ou drywall

Sala de estar | Detalhe dos nichos Salas de estar ecléticas por The Interiors Online Eclético
The Interiors Online

Sala de estar | Detalhe dos nichos

The Interiors Online

Estas paredes são bastante sensíveis e facilmente ficam com inestéticos buracos, bastando para isso um impacto mais forte. Aqui estão duas metodologias de reparação pensadas em função do tamanho do dano.

Método 1 – Para um buraco até ao tamanho de uma bola de ténis

Vai precisar de um remendo para paredes de pladur ou drywall, que pode encontrar em lojas da especialidade, massa de reparação (betume ou massa corrida) e lixa de grão 120. Em substituição do remendo, pode usar fita-crepe humedecida ou uma tampa adaptada, mas o resultado não fica tão bom.

Aplique o remendo sobre o buraco. Cubra com massa de betume, alise muito bem e deixe secar, pelo menos, durante 24 horas. Depois, lixe bem até fazer desaparecer o pouco relevo que posa ter ficado. Pinte por cima para terminar.

5 – Como consertar rachaduras em paredes externas?

De um modo geral, quando as fissuras são pequenas, a solução é recorrer a argamassa ou a massa acrílica para retocar o reboco. No entanto, deve, ainda, passar uma tinta elastomérica na superfície danificada. Esta tinta é feita à base de resina acrílica com propriedades elásticas que se adequa tanto a pinturas externas como internas de alvenaria e cimento. A tinta é usada para cobrir fissuras que tenham até 0.3 mm. Se as fissuras forem maiores, devem ser previamente tratadas antes de se aplicar a tinta. A tinta elastomérica apresenta uma excelente durabilidade e é muito boa para proteger as superfícies da acção do sol, das chuvas, dos ventos e de outras intempéries. A tinta deve ser aplicada consoante as indicações do fabricante, mas, por norma, são necessárias, pelo menos, três demãos que criam uma espécie de película que protege a parede.

Recomendado - Como reparar um soalho envernizado: um guia completo

Remodelação de escritório em Vila Nova de Gaia - Divisórias em Pladur por PROJETARQ Moderno
PROJETARQ

Remodelação de escritório em Vila Nova de Gaia – Divisórias em Pladur

PROJETARQ

Método 2 – Para um buraco maior

Esta reparação é mais extensa e pode não ser muito fácil. O nosso conselho é que contrate um profissional qualificado para a fazer. Mas se, mesmo assim, decidir avançar, vai precisar de um serrote para drywall, um pedaço de drywall (ou pladur conforme o material da parede) para fazer o remendo, um xis-acto, fita para drywall, massa de reparação e lixa. A espessura do pedaço de material deverá ser idêntico ao da parede a reparar. Comece por cortar uma secção à volta do buraco usando a serra. Corte até às vigas dos dois lados, para que seja possível ali a nova secção de pladur ou drywall (veja o um exemplo nesta imagem da Projetarq). Corte uma nova secção à medida e faça os afinamentos com a faca, encaixe-o no buraco. Faça uma fina camada de massa de betume nas junções para servir de base para a aplicação da fita humedecida. Aplique a fita e faça nova camada de massa. Deixe secar por 24 horas. Lixe bem e pinte por cima. Conhece as potencialidades das paredes de pladur?

Lembramos que a massa de acabamento para parede há à venda em qualquer loja de bricolagem, construção ou de tintas. As massas de acabamento para parede são, também, muito usadas para melhorar o rendimento da pintura.

4 – Tapar buracos na parede e rachadura com casca de ovo

Construção de Novo Ambiente em Remodelação Total por Congrau Engenharia Moderno
Congrau Engenharia

Construção de Novo Ambiente em Remodelação Total

Congrau Engenharia

Sabia que pode usar casca de ovo para tapar uma fissura ou buraco na parede? O método é muito simples: só precisa de cascas de ovo, de um almofariz (ou de outro recipiente do género) e de cola branca. No almofariz, misture as cascas de ovo esmagadas com a cola branca até obter uma consistência de estuque. Quando a mistura estiver pronta, aplique-a na superfície em questão e lixe com uma lixa fina.

Qual destas técnicas já utilizou em sua casa?
Casas modernas por Casas inHAUS Moderno

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa?
Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!