Vários projectos:   por Green Soul, Lda

6 boas razões para contratar jardineiros profissionais

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY

Solicitar cotação

Número incorreto. Por favor verifique o indicativo do país, da cidade ou número de telefone.
Ao clicar 'Enviar' eu confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação seja processada para responder a um pedido.
Nota: Poderá anular o seu consentimento enviando email para privacy@homify.com com efeito futuro.
Loading admin actions …

Cansado de tentar ter um jardim aprumado sem sucesso? Aquela arvorezinha que tanto estimava morreu algum tempo depois de a podar? Quer ter um jardim de sonho, mas não tem tempo, nem vontade, de jardinar? Gostaria de misturar várias espécies de flores para ter um jardim colorido, mas sempre que tenta há uma espécie que não nasce ou que não dá flor? O seu jardim é tão grande que não consegue fazer a manutenção nos seus tempos livres? Tem uma empresa e quer que a imagem exterior das instalações seja o espelho do cuidado que põe nos seus negócios?

A simples resposta a todas a estas questões é a contratação de um jardineiro profissional! Mas se mesmo assim está com dúvidas sobre avançar, ou não, com a contratação, nós damos-lhe aqui seis boas razões para o fazer.

Ter um jardineiro profissional ou uma empresa de jardinagem a cuidar do seu projecto de paisagismo é de certeza o caminho certo para ter um jardim de sonho. Venha descobrir porquê!

1 – Relação custo/benefício

Vários projectos:   por Green Soul, Lda
Green Soul, Lda

Vários projectos

Green Soul, Lda

Embora pareça algo simples, fazer a manutenção de um espaço exterior não é uma tarefa fácil e está longe de ser isenta de gastos, seja em tempo, seja em dinheiro.

É preciso sólidos conhecimentos na área e uma profunda dedicação para semear, plantar, ajudar a crescer e manter os vários tipos de plantas, com as suas flores, folhas e características diversas. É fundamental uma grande disponibilidade, com gasto de bastante tempo, para que o trabalho possa ser contínuo e dar frutos, e embora a manutenção dos espaços verdes possa não requerer um trabalho diário, ela exige uma planificação escrupulosa e calendarizada.

A contratação de um profissional qualificado ou de uma empresa qualificada vai de certeza representar um custo (é um trabalho e precisa de ser remunerado), mas vai trazer-lhe muitos benefícios em comparação com a contratação de curiosos que podem ter boa vontade, mas a quem faltam conhecimentos, ou de um cuidado pessoal, que lhe leva muito do seu precioso tempo livre.

Para garantir a excelência do serviço é preciso garantir a qualidade dos profissionais contratados! Para fazer uma escolha informada deve ver o portefólio da empresa ou do profissional, e se possível espreitar outros jardins por eles mantidos. Deve também exigir que os profissionais tenham formações e experiência na área antes de lhes confiar o seu jardim, assegurando-se de que sabem seguir à risca o projecto paisagístico estabelecido.

Lembre-se de que o exterior é a cara da sua casa, aquilo que todos vêem de si. No caso de um negócio este factor é ainda mais importante porque afecta a credibilidade e a imagem da própria empresa. Os benefícios do investimento em cuidados de jardinagem vão sempre compensar, seja em beleza ou em boa imagem!

2 – Equipamentos de jardinagem

Uma das grandes vantagens de contratar um jardineiro profissional ou uma empresa de jardinagem é a facilidade de ter os melhores serviços, e as melhores tecnologias e equipamentos para deixar o ambiente do seu jardim com um aspeto mais profissional, sem ter de investir nesses equipamentos.

Normalmente estes profissionais são prestadores de serviços, que possuem os seus próprios equipamentos, devidamente mantidos em boas condições de funcionamento, trazendo consigo tudo o que é necessário para nesse dia para cuidar especificamente do seu jardim.

Tesouras da poda? Aparadores de sebes? Ancinhos e corta-relvas? Diga adeus a tudo isso e ao gasto que representa, e limite-se a ter um pequeno armário para guardar aquilo que utiliza pessoalmente, ou os produtos de que mais gosta. Só por não ter de investir nos equipamentos já estará a poupar!

3 – Os serviços extra

Contratar um serviço de jardinagem profissional pode ir muito para além do simples cultivo e manutenção de plantas e flores.

Normalmente estes profissionais oferecem os seus serviços numa grande variedade de áreas, que vão desde a manutenção de lagos e piscinas, à instalação e manutenção de sistemas automatizados de rega, passando pelo controlo de pragas e pela limpeza e decoração do jardim, assegurando o tratamento dos resíduos gerados. Tudo isto para além das tarefas de jardinagem propriamente ditas! Há até empresas que oferecem pacotes muito completos de criação e manutenção total dos espaços exteriores.

Isto significa que pode negociar boas condições contratuais, agregando serviços e acabando por poupar dinheiro!

4 – Profissionais assegurados

Jardim Particular Maia: Jardins  por Marcos sousa
Marcos sousa

Jardim Particular Maia

Marcos sousa

Actualmente é cada vez mais difícil encontrar profissionais de jardinagem, com qualificações e empenho. Infelizmente, em Portugal, as tarefas manuais ainda são ainda vistas com alguma displicência, o que afasta muitas gente deste sector, tornando a contratação directa pouco eficiente, ou mesmo bastante complicada.

Por outro lado é comum encarar este tipo de tarefas como uma actividade temporária, a ter enquanto não se encontra outro emprego. Isto acaba por dificultar a aquisição das competências e da experiência adequadas a uma boa prática da jardinagem. 

Tudo isto pode resultar em profissionais pouco preparados e na potencial ruína do seu jardim! Não estamos a ser dramáticos. Lembre-se de que basta uma sementeira feita na altura errada para ter um jardim a nu na estação seguinte!

A contratação de um profissional devidamente credenciado ou de uma empresa ajuda a minimizar estes riscos. O trabalhadores autónomos têm um contrato de prestação de serviços consigo, e devem apresentar as credenciais solicitadas por si, e uma empresa é obrigada a ter profissionais devidamente formados, ajudando a que prestem um serviço de qualidade. 

5 – Gestão de activos assegurada

Trabalhos / Ideias : Jardins  por Francisco jardinagem
Francisco jardinagem

Trabalhos / Ideias

Francisco jardinagem

Já passou pela incómoda situação de ter de encontrar alguém para arrancar as ervas daninhas do seu jardim? Parece impossível, mas como já referimos, actualmente é quase preciso pedir muito por favor para conseguir alguma ajuda externa nesta área. E depois ainda tem de ficar por perto a coordenar e a supervisionar para que o serviço fique bem feito (ou pelo menos, minimamente bem feito)!

Ao contratar um profissional ou uma empresa especializados este problema desaparece. No caso de um profissional autónomo, com as devidas credenciais e um contrato, ele saberá o que fazer e quando, podendo isso até fazer parte do contrato estabelecido. No caso de uma empresa de jardinagem além de não ter de se preocupar com disponibilidade de funcionários qualificados (é responsabilidade da empresa providenciá-los), também não tem de se preocupar com o planeamento das actividades quotidianas ou com a seupervisão do decorrer dos trabalhso. Em qualquer dos casos é sempre importante, no entanto, ter algum controlo sobre o resultado final para poder ajustar ou dar feedback. 

Assim poupa, não só dinheiro e tempo, mas também umas valentes dores de cabeça!

6 – Um serviço de excelência

Vários projectos:   por Green Soul, Lda
Green Soul, Lda

Vários projectos

Green Soul, Lda

Experiência e qualificações são normalmente associados a serviços bem prestados. 

Os jardineiros verdadeiramente profissionais têm formações contínuas em diversas áreas, e são capazes de interpretar e executar sem falhas o plano de um arquitecto paisagista. Até podem saber planear ou consertar o jardim quando algo no plano falha. Sabem quando semear, quando podar, quando adubar e quando regar. São capazes de estabelecer quantas vezes por ano o solo deve ser adubado, o que cortar e o que manter. Têm sentido estético e sabem formar conjuntos de plantas e flores equilibrados, e apoiar na escolha dos complementos decorativos, para que tudo tenha a sua lógica, o seu lugar. 

Se gosta de topiaria, ou seja a arte de dar formas aos arbustos podando-os, não pode deixar esta tarefa nas mãos de qualquer um. Um serviço mal executado vai fazer com que, na terceira poda, a planta comece a ficar com um formato feio.

E, muito importante, um jardineiro profissional tem a formação de segurança do trabalho necessária para executar o trabalho com todas as medidas de segurança essenciais para si e para os outros! Normalmente estes profissionais têm de ter assegurado o seu próprio seguro de acidentes de trabalho e de responsabilidade civil. Não se esqueça que esta área é bastante fértil em acidentes de trabalho que podem custar milhares de Euros e vidas humanas, se as medidas de segurança não forem acauteladas, e que esses custos podem recair sobre si!

Agora já sabe as vantagens de contratar um jardineiro profissional, mas se pretende algo mais simples e faça você mesmo, sem investimento ou necessidade de grandes áreas leia também o artigo 16 jardins de interior pequenos e fáceis de fazer’!

Já ponderou esta solução para a manutenção do seu jardim?
Casas  por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!