Como poupar no sistema de ar condicionado

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
Loading admin actions …

É verdade que estamos no inverno e que a esta altura quem pode tem alareira acesa com as chamas a crepitar. Mas nem todos têm essa sorte! E mesmo os que têm precisam quase sempre de um meio de aquecimento mais rápido e que deixe a temperatura ambiente mais estável.

Claro que existem aquecedores e termoventiladores… No entanto quando chega o verão, e a necessidade térmica se inverte, esses equipamentos são relegados para a arrecadação dando lugar a ventoinhas barulhentas e pouco eficazes!

A solução mais abrangente é mesmo o ar condicionado pois mantém o espaço à temperatura desejada em qualquer altura do dia e o longo de todo o ano. No inverno aquece e mantém a temperatura em valores confortáveis e no verão refresca de acordo com a vontade dos habitantes. E por muitos inconvenientes que se lhe possa apontar não deixa de ser uma opção útil e muito eficiente.

A grande desvantagem deste sistema são mesmo os custos!

Como consome bastante energia, e o preço da eletricidade em Portugal é um dos mais altos da Europa a decisão de adquirir um aparelho de ar condicionado deve ser uma decisão muito ponderada e a escolha deve ser criteriosa.

Portanto se está a pensar em adquirir um aparelho de ar condicionado, ou mesmo instalar um sistema para toda a casa, leia este artigo. Aqui vai descobrir várias sugestões para poupar dinheiro com o ar condicionado!

Escolha o sistema de ar condicionado correto

Antes de mais não se precipite. Não ceda a pressões estéticas ou ao baixo preço de imediato! Investigue e compare. Descubra qual o tipo de sistema de ar condicionado é mais adequado para a sua casa e para o espaço onde vai estar instalado.

A principal característica de um aparelho de ar condicionado é a sua potência térmica, a capacidade que possui para aquecer ou arrefecer um determinado espaço. A unidade de medida utilizada para informar da capacidade de um equipamento de ar condicionado é BTU, e caracteriza a quantidade de calor necessária para reduzir em um grau Fahrenheit (0,53 graus Celsius) a temperatura de uma libra de água (0,4536 litros). Esta medida representa no fundo a potência do aparelho.

Assim, a primeira coisa a determinar, e também a mais importante, é a cubicagem do espaço que irá ser servido pelo aparelho. Comprar um equipamento subdimensionado vai fazer disparar a conta de eletricidade pois para manter o ambiente a uma temperatura agradável e estável o aparelho vai ter de trabalhar na potência máxima. Mas comprar um equipamento sobredimensionado também tem custos… Claro que não em termos de gasto energético, pois o aparelho que serve um espaço grande também serve um pequeno, mas no que diz respeito ao preço do equipamento em si.

Mas há outros itens a considerar… Pense na população média do espaço e de como vai usar o seu ar condicionado, se vai ser mais para aquecer, ou mais para arrefecer a temperatura ambiente. Verifique quantas pessoas vão usufruir do seu funcionamento. Quanto mais pessoas mais pessoas mais fácil é fazer a temperatura subir e mais difícil vai ser fazê-la descer. Isso influencia a potência do equipamento a comprar. Considere também a exposição solar e a quantidade de equipamentos elétricos existentes no local. Se o seu ar condicionado for destinado a arrefecimento estes fatores vão fazer com que necessite de um equipamento com maior potência.

Usar uma calculadora de BTU para determinar a potencia do aparelho que vai necessitar é uma boa opção e pode consegui-la em sites da especialidade, numa simples pesquisa pela internet.

Preços e tipos de ar condicionado

Quartos modernos por Dovela Interiorismo
Dovela Interiorismo

Recámara principal.

Dovela Interiorismo

Existem vários tipos de ar condicionado, mas que se podem agrupar em três categorias:

– do tipo portátil, do tipo janela e do tipo split.

As unidades portáteis são semelhantes aos aparelhos convencionais, mas podem ser deslocados. Estes modelos ficam ligados ao exterior da casa através de um tubo semelhante aos das máquinas de secar roupa, no entanto na sua maioria apenas arrefecem.

Os aparelhos de janela são instalados numa janela aberta. O ar interior é arrefecido com um ventilador que sopra sobre o evaporador . No exterior o calor retirado do interior é dissipado para o meio ambiente como uma segunda ventoinha que sopra o ar exterior através do condensador.

Os equipamentos split dividem-se em três tipos: – split, em que a uma unidade interior corresponde uma unidade exterior; – multi-split, em que a uma unidade exterior correspondem várias unidades interiores; – sistemas inverter, que evitam grandes flutuações e moderam o consumo de energia.

Das vantagens e desvantagens de cada um destes equipamentos falaremos no ponto a seguir.

Após levar a cabo o passo anterior, calculando a potencia de que vai necessitar, torna-se mais fácil perceber o preço do equipamento que necessita, pois os preços variam em função da potência do equipamento. Existem na internet vários comparadores de preços que pode utilizar vantajosamente aquando da escolha do seu aparelho de ar condicionado.

Portáteis ou de janela?

Restyling de uma casa de Verão: Salas de estar modernas por Blanco Interiores
Blanco Interiores

Restyling de uma casa de Verão

Blanco Interiores

Antes de escolher o melhor é saber as diferenças entre eles para lá daquelas que já referimos.

Os aparelhos portáteis são unidades independentes e móveis que são fáceis de instalar e têm um preço atraente. No entanto a sua eficiência em bem menor do que a dos outros tipos de ar condicionado, o que significa maiores gastos energéticos para obter os mesmos resultados

Os equipamentos de janela são normalmente os mais baratos, e têm maior eficiência, mas difíceis de instalar, pois só encaixam em janelas de tamanho padrão. Para além disso os níveis de ruído que emitem tornam-nos pouco atraentes.

Atualmente os sistemas mais procurados são os de split. São eficientes, económicos e silenciosos, mas como implicam instalação profissional e provavelmente obras o seu susto inicial é mais elevado. A médio prazo é um investimento com retorno devido aos gastos energéticos muito mais baixos.

Inspecione as condutas

Casa de banho  por N.A. Construcción
N.A. Construcción

Aire acondicionado + placa solar

N.A. Construcción

Se já tem aparelhos de ar condicionado instalados, sobretudo modelos de janela ou split como é o caso da unidade exterior da imagem, a manutenção é muito importante. Por isso inspecione, ou mande inspecionar as condutas regularmente. Entupimentos e sujidades fazem baixar a eficiência do equipamento e disparar os custos energéticos.

Se está a pensar em adquirir um modelo deste género escolha muito bem a sua localização e se ainda não tem condutas instaladas planeie tudo para que estas tenham o menor comprimento possível. Desta forma baixa os custos de instalação, e posteriormente de manutenção e de funcionamento. Neste caso o melhor é informar-se com o profissional que vai proceder à instalação.

Feche as janelas

Feche as janelas, mas não só! Feche ou vede todas as aberturas. E sempre que o ar condicionado estiver em funcionamento não as abra. A entrada de ar frio ou quente vai fazer com que o aparelho faça um esforço suplementar para manter a temperatura, gastando mais energia. Isto é especialmente importante quando a diferença de temperaturas entre o exterior e o interior são muito grandes, como em climas muito quente ou muito frios.

Em espaços em que a incidência luminosa é muito elevada devem instalar-se cortinas ou persianas para baixar essa incidência e baixar a energia que será necessária para arrefecer o local, e manter esse arrefecimento.

Reorganize o mobíliario

MORADIA TRÓIA: Salas de estar modernas por Artica by CSS
Artica by CSS

MORADIA TRÓIA

Artica by CSS

Se vai instalar um aparelho de ar condicionado reorganize a localização dos móveis, de forma a desimpedir o caminho ao ar. Sempre que há obstáculos à circulação do ar o esforço para fazer chegar a temperatura ao nível desejado é maior, e por isso o gasto energético aumenta. Se puder coloque o aparelho no local mais arejado da casa, e de preferência numa parede desimpedida e a uma altura mais elevada do que os móveis. Os profissionais que instalam este tipo de equipamento podem e devem ajudar neste planeamento.

Se vai adquirir um aparelho portátil posicione-o de preferência num local central do espaço, desimpedindo o espaço em frente o melhor possível.

Se já tem um equipamento faça as alterações necessárias ao seu desimpedimento. Vai ver que poupa energia.

Veja o espaço da foto, da autoria do gabinete ’Artica by CSS’. A conduta de ar condicionada está por cima do sofá, num local alto e direcionada para uma área ampla, e é o exemplo perfeito de um arranjo de mobiliário perfeito para tirar todo o proveito do seu equipamento de ar condicionado.

Escolha as temperaturas corretas

A temperatura de conforto em alturas de frio, e sobretudo no inverno, situa-se entre os 18ºC e os 22ºC. Se tem um equipamento de ar condicionado que permite o aquecimento, regule-o para este intervalo de temperaturas.

No verão a temperatura indicada como de conforto ronda os 25ºC. Regule a temperatura do ar condicionado para os 26ºC e pode poupar 10% de energia. Aliás por cada grau acima deste valor de 25ºC poupa 10% de energia, por isso resista à tentação de congelar a casa! Areje a casa de manhã e à noite, quando as temperaturas são mais baixas e feche os estores para evitar a entrada de raios solares durante o dia, evitando assim um aumento da temperatura interior significativo e desnecessário.

Regras de poupança em casa

E por último um resumo do que falámos anteriormente, com algumas regras que o vão ajudar a poupar bastante energia quando usa o ar condicionado!

- Feche as portas e janelas do espaço quando o aparelho ar condicionado estiver a trabalhar.

- Resista à tentação de regular o aparelho para temperaturas muito baixas, ou muito elevadas se for o caso.

- Cumpra com o indicado pelo fabricante quanto às dimensões do espaço para a instalação de ar condicionado de janela e splits.

- Desligue o ar condicionado sempre que se ausentar do espaço por períodos superiores a duas horas.

- Sempre que possível compre modelos de ar condicionado com classificação de eficiência energética A ou B, e poderá poupar até 34% no consumo de eletricidade.

- Diminua a incidência de luz solar através de persianas, estores e cortinas.

 - Instale o aparelho de ar condicionado em local de boa circulação de ar, evitando arranjos de elementos decorativos ou de mobiliário que obstruam a saída ou entrada de ar dos equipamentos. Esta regra é também muito importante em unidades exteriores. Se comprou uma casa já com equipamentos de ar condicionado estabeleça o arranjo dos espaço para cumprir com esta regra.

- Limpe periodicamente os filtros e as condutas. Condutas e filtros sujos diminuem a eficiência dos aparelhos, aumentado o gasto energético e prejudicando a qualidade do ar interior.

Se comprou uma casa já com aparelhos de ar condicionado verifique se está a cumprir com estas regras e altere o que for necessário.

Achou estas sugestões úteis? Tem outras que gostasse de partilhar connosco? Deixe a sua opinião na caixa de mensagens!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!