Materiais de cozinha - um mundo para descobrir | homify

Materiais de cozinha – um mundo para descobrir

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
Remodelação e decoração de Cozinha Algarvia The Interiors Online Cozinhas mediterrânicas
Loading admin actions …

Temos orçamento, temos vontade, vamos planear a nossa cozinha nova! O cenário é fantástico, e muitas vezes representa o culminar de anos de poupanças e sacrifícios, em que vivemos com uma cozinha que, ou não era o que queríamos de início, ou já estava em tão más condições que tinha deixado de ser.

Mas assim que começamos a planear, a pesquisar, a pedir e a analisar orçamentos deparamo-nos com imensos materiais à escolha. Tantos e com tantos nomes que damos por nós perfeitamente atónitos perante a tarefa de escolher. As questões afligem-nos e a procura começa. O que é termolaminado e para que serve? Termolaminado é a mesma coisa do que melamina? A madeira natural pode ser usada em bancadas? 

Hoje a homify decidiu dar-lhe uma ajuda e falar um pouco de alguns materiais tradicionalmente usados em cozinhas. Não tencionamos fazer o documento final sobre materiais de cozinha, pois com a gama de opções do mercado isso seria inviável, mas sim esclarecer algumas questões e dar algumas ideias sobre os materiais mais utilizados nas cozinhas em Portugal. Esperamos que lhe seja útil!

Termolaminado HPL

Começamos com um material que deixa muitas dúvidas: – o termolaminado. 

Este material é frequentemente confundido com melamina, e muitas vezes chamado de fórmica, mas na realidade o termolaminado HPL é um material usado na construção de armários e painéis decorativos de cozinha, composto por folhas impregnadas com resina fenólica e acabado com lâmina decorativa impregnada com resina melamínica. Estas folhas são unidas, aglomeradas, através do efeito combinado entre calor e pressão elevada, resultando num produto muito resistente, normalmente de alta qualidade.

A fórmica é na realidade uma marca de termolaminado, muito conhecida por ter sido a primeira a surgir no mercado, e que acabou por dar o nome a quase todos os termolaminados. A melamina é outro tipo de material com outro método de fabricação, como veremos a seguir.

Em relação ao termolaminado preço varia bastante com as qualidade e com os fornecedores, e isso influencia bastante o preço dos elementos com ele fabricados. Um painel branco com 180X62X3 cm custa cerca de 55 Euros num retalhista de material de construção online, mas os preços diferem com os acabamentos.

Cozinhas modernas termolaminado

white kitchen Staging Factory Cozinhas minimalistas
Staging Factory

white kitchen

Staging Factory

Na sequência do que foi dito anteriormente, as cozinhas termolaminado são muito populares para quem constrói ou remodela esta divisão e quer uma cozinha moderna, de linhas direitas e muito elegante.

O termolaminado ou melamina, como irá ver de seguida, são por estas razões dos materiais que fazem mais sucesso mas o preço varia. Por isso, contrate um designer de cozinhas e consoante o espaço e orçamento de que dispõe, o profissional tratará da harmonia e equilíbrio do ambiente.

Esta imagem mostra-nos uma cozinha estreita e na impossibilidade de ter uma mesa e cadeiras no centro, estas foram colocadas junto à parede deixando caminho livre para circulação.

Saiba quanto custa ter uma cozinha nova: aqui.

Melamina

Uma atmosfera moderna num fundo antigo Architect Your Home Cozinhas modernas
Architect Your Home

Uma atmosfera moderna num fundo antigo

Architect Your Home

A melamina é também muito utilizada para a construção dos armários de cozinha, podendo ter vários tipos de acabamentos, inclusivamente a imitar a madeira na perfeição. 

As placas de melamina são constituídas por uma folha decorativa saturada com resina melamínica e comprimida a baixa pressão num suporte de aglomerado de madeira. Este material tem uma resistência inferior à de um termolaminado HPL, mas é ótimo para aplicações com requisitos menos rigorosos, que não exigem a utilização de um material mais resistente, ajudando a baixar os preços do produto final.  

Os painéis de suporte podem ser em MDF, um painel de fibras de madeira com composição homogénea em toda a sua superfície e no interior, em contraplacado ou outros aglomerados.  

Relativamente às placas melamina preços, um painel de melamina branco com 2440X395X16 mm custa cerca de 12 Euros, ou seja com as mesmas medidas custa cerca de metade do termolaminado (valores indicativos obtidos por pesquisa em retalhistas online).

Madeira natural

A madeira natural é um material milenar na construção de casas, e nas cozinhas isso não é diferente. Mas a madeira não tem de ser usada apenas nos armários (ou pelo menos nas portas ou a folhear as frentes dos armários). A madeira natural dá bancadas belíssimas, prateleiras resistentes, pavimentos perfeitos e até acessórios decorativos e utensílios de cozinha.

Pode pensar que a madeira natural é muito cara, o que não deixa de ser verdade, mas o pinho tratado não é assim tão caro como outras madeiras e dá um efeito visual muito mais credível a qualquer espaço, sobretudo os de estilo rústico.

Um painel de madeira de pinho tratado para fazer uma bancada, com 1200X800X28 mm custa cerca de 35 Euros (valores indicativos obtidos por pesquisa em retalhistas online e sites da especialidade).

Mármore

Centro Pastoral de Moscavide Plano Humano Arquitectos Cozinhas minimalistas Pedra Branco
Plano Humano Arquitectos

Centro Pastoral de Moscavide

Plano Humano Arquitectos

O mármore na cozinha não é muito consensual, embora seja muito usado. É uma pedra bastante sensível a ácidos e até a embates, ficando facilmente manchada e até lascada, sobretudo em mármores de qualidade inferior. Pode ser usada como pedra de bancada, como revestimento de paredes e até como bancos. É uma pedra de extração nacional, o que naturalmente terá um preço mais baixo, se for essa a sua escolha. 

Sendo certo que o mármore já esteve mais na moda como material de cozinhas, a verdade é que não deixa de ser muito utilizado e de permitir criar ambientes fabulosos, como este da autoria da Plano Humanos Arquitectos. 

Uma bancada de mármore branco com veios cinzentos muito simples custa cerca de 300 euros. (valores indicativos obtidos por pesquisa em retalhistas online e sites da especialidade)

Granito

O granito é uma das pedras mais utilizadas em bancadas de cozinha no nosso país, sendo que acaba por ser também bastante usado como revestimento anti salpicos, como rodapés e como placas de acabamento. 

Há muitos tons de granito, desde os mais claros, aos rosa, até aos negros profundos, mas todos têm pequenas inserções minerais brilhantes bastantes distintas, que lhes conferem um tom granuloso. O granito é um material extremamente resistente, que existe em Portugal, normalmente nas versões Ariz, Rosa Monção, Pedras Salgadas, Santa Eulália. Da Índia chega-nos o Preto Absoluto. De Espanha temos por exemplo o Branco Cristal, o Blanco Castelo, o Creme Pérola e o Cinzento Mondariz. E há muito mais variedades vindas da Finlândia, do Brasil, da África do Sul, etc. Cada variedade tem o seu preço e a escolha depende tanto do seu gosto como do seu orçamento. 

Para orientação saiba que uma bancada de granito de português Ariz de 350 cm de comprimento, 60 cm de largura e 2 cm de espessura, bordo simples reto, com os bordos ligeiramente biselados, formação de 1 abertura com os seus bordos polidos, e remate superior perimetral de 5 cm de altura e 2 cm de espessura, com o bordo reto custa cerca de 460 euros. (valores obtidos através do site http://www.geradordeprecos.info)

Microcimento

Cozinha | Depois MUDA Home Design Cozinhas modernas
MUDA Home Design

Cozinha | Depois

MUDA Home Design

O microcimento é um material relativamente novo que tem vindo a ganhar adeptos como material de cozinha. A sua resistência e impermeabilidade tornam -no um material muito apto às duras condições de humidade e temperatura de qualquer cozinha. Como não tem juntas ou soldas permite um design fluido muito homogéneo, mas o que é realmente espantoso é que pode usar microcimento para concretizar quase todas as ideias para a sua cozinha: – pode colocar no pavimento, nas paredes, no teto, e até pode fazer bancadas, mesas e cadeiras! Viva a versatilidade!

Este material custa cerca de de 58 Euros por metro quadrado. (valores obtidos através do site http://www.geradordeprecos.info)

Tijoleira

Remodelação e decoração de Cozinha Algarvia The Interiors Online Cozinhas mediterrânicas
The Interiors Online

Remodelação e decoração de Cozinha Algarvia

The Interiors Online

A tijoleira é um dos pavimentos mais usados em cozinhas, e de certeza que já a considerou para a sua! Há milhares de ideias para combinações, formatos e acabamentos usando tijoleiras na sua cozinha, mas nós apenas queremos alertar para um facto: – quando escolher tenha em conta a resistência. Há uma grande variedade destes revestimentos e alguns com preços bastante atraentes, no entanto os mais baratos têm uma resistência limitada e tendem a ficar rachados ou descoloridos rapidamente.

Um pavimento com revestimento de tijoleira tradicional, um acabamento mate ou natural, e dimensões de 24x24 cm com uma resistência mínima custa-lhe cerca de 20 Euros por metro quadrado, mas tenha em conta que se investir um pouco mais vai ter material de melhor qualidade. (valores obtidos através do site http://www.geradordeprecos.info)

Azulejos

A par das tijoleiras de diversos formatos e acabamentos, os azulejos são dos revestimentos mais utilizados nas cozinhas portuguesas, e tal como elas variam muito na qualidade e na resistência. 

Os seus preços começam em cerca de 15 euros por metro quadrado, aumentando com os detalhes, o tamanho, os acabamentos, a espessura e a resistência.

Quer muito mais sobre revestimentos para a sua cozinha? Então não perca o artigo ’7 materiais fantásticos para revestir a parede da cozinha’.

Piso laminado

Cozinha-Projecto Esboçosigma, Lda Cozinhas modernas MDF Branco
Esboçosigma, Lda

Cozinha-Projecto

Esboçosigma, Lda

Quer madeira no chão da sua cozinha, mas receia tanto os danos da humidade como o seu preço? É normal, as traves de madeira maciça para pavimento são caras mesmo. A solução mais aproximada, muito bonita e bastante credível é o piso em laminado. Sejam flutuantes ou assentes, de PVC, linóleo ou outro, os laminados são de certeza a resposta ao seu desejo de ter um chão de madeira na cozinha, sem os inconvenientes que ela traz!

Mosaicos hidráulicos

Cozinha homify Cozinhas escandinavas
homify

Cozinha

homify

Os mosaicos hidráulicos são muitas vezes confundidos com azulejos ou com tijoleiras, mas na realidade são muito diferentes pois este tipo de revestimento artesanal é feito à base de cimento e não de argila ou cerâmica. São feitos de forma manual, como antigamente.

Estes mosaicos têm grande história entre nós e têm padrões típicos, excelentes para criar ambientes de estilo rústico, campestre ou retro. 

Todo o processo manual e não standardizado faz com que os preços sejam elevados, cerca de 82 Euros por metro quadrado, mas como são muito resistentes, além de ficarem muito bonitos pode acabar por compensar, sobretudo se for um espaço relativamente pequeno, como nesta proposta da Menta, Creative Arquitecture.

Aço inoxidável

O aço inoxidável é perfeito pela sua resistência e facilidade de higienização. Tanto assim que é o material mais utilizado para cozinhas profissionais, o que também faz dele um material de excelência para conseguir um estilo industrial na sua cozinha.

Há muitas ideias boas para incluir aço inoxidável na sua cozinha, desde revestir as bancadas, fazer um revestimento anti salpicos por detrás do fogão ou fazer as faces das portas e gavetas dos armários, como nesta cozinha da Plano Humano Arquitectos.

Quartzo e Corian

Rodeados de design FABRI Cozinhas minimalistas Branco
FABRI

Rodeados de design

FABRI

Por último falamos de dois materiais inovadores, muito usados para as bancadas da cozinha: – o aglomerado de quartzo (muitas vezes chamados de silestone por inerência à marca) e o Corian (assim chamado também por causa da marca). 

As placas de quartzo são fabricadas através da aglomeração de partículas de quartzo. Normalmente este material é comercializado numa cor sólida, mas também pode ser encomendado com combinações e variações de cor. É um produto natural, durável e resistente contra arranhões e embates, mas pode ser afetado negativamente por materiais ácidos e produtos químicos.

Uma bancada de quartzo branco, acabamento polido, de 350 cm de comprimento, 60 cm de largura e 2 cm de espessura, custa-lhe cerca de 475 euros.

O Corian é um material composto por minerais naturais, acrílico e pigmentos. As bancadas feitas de Corian são conhecidas por bancadas de acrílico. Estas bancadas são bastante populares porque o Corian é um material artificial que pode ser facilmente moldado, e tem uma superfície lisa e resistente a arranhões, não porosa, o que o torna num produto higiénico e muito resistente.

Qual destes materiais faz parte da sua cozinha? E qual queria que fizesse parte?
Casas inHAUS Casas modernas

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa?
Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!