Solicitar cotação

Número incorreto. Por favor verifique o indicativo do país, da cidade ou número de telefone.
Ao clicar 'Enviar' eu confirmo que li os Política de privacidade e aceitei que a minha informação seja processada para responder a um pedido.
Nota: Poderá anular o seu consentimento enviando email para privacy@homify.com com efeito futuro.

Barato e moderno: 6 materiais para construir a sua casa

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

A evolução nos sistemas de construção teve a sua origem na descoberta de novos materiais. Para a construção de casas de baixo custo, mas de excelente qualidade, existem materiais disponíveis no mercado nacional qualificados para ser usados na construção actual. Quando, por exemplo, se falava no uso do piso em cimento, só se tinha em mente pisos para casas de família com pouca capacidade económica. Hoje em dia, esse material é usado nas grandes cidades em edifícios modernos com qualidade, design e estilo. O mesmo se pode dizer sobre os blocos de betão que são deixados à vista criando efeitos realmente surpreendentes. As estruturas em aço já vão sendo utilizadas há mais tempo, sendo elas a base dos grandes arranha-céus que impressionam o mundo com o seu desenho atrevido.

No livro de ideias de hoje, deixamos-lhe um resumo sobre materiais económicos para construir casas maravilhosas. Tome nota.

Estrutura em aço

Casas  por Boué Arquitectos
Boué Arquitectos

Casa Ixtapan de la Sal – Boué Arquitectos

Boué Arquitectos

A estrutura em aço é de rápida montagem, um dos motivos que faz com que os custos sejam reduzidos. O aço pode-se preparar e cortar à medida consoante o volume da construção, fazendo-se a montagem in loco. Dependendo do uso que lhe for dado, eleger-se-á o perfil adequado segundo as especificações do projecto estrutural. O seu acabamento é feito de forma a que possa permanecer à vista só com uma pintura anticorrosiva e posteriormente da cor que o proprietário escolher. O aço é um material duradouro e resistente. Entre as suas propriedades, está a sua forma, o seu peso, particularidades e composição química. Nesta bonita casa, um projecto do gabinete Boué Arquitectos, pode ver como a estrutura em aço foi deixada à vista pintada a negro, uma cor que fica sempre bem.

Blocos de betão à vista

Casas  por Revah Arqs
Revah Arqs

Habitación con terraza volada. Muros de concreto aparente entintado

Revah Arqs

Este é um material que se começou a desenvolver nos anos 1950 e tem sido chamado de bloco de betão ou tijolo de betão. Usa-se, principalmente, em paredes exteriores divisórias e em paredes estruturais. Estes blocos são peças modulares pré-moldadas que se usam para a construção de paredes em de diferentes tipos. São compostos por areia, pedra partido, cimento Portland classe 1 e água limpa. A sua elaboração deve ser monitorizada para se regular a resistência e a qualidade de cada um. As medidas padrão são: 40cm de comprimento e a largura pode variar entre 10cm, 15cm ou 20cm. Tudo depende da parede. As propriedades enquanto isolante térmico são boas. É capaz de armazenar calor durante as altas temperaturas e libertar calor quando a temperatura cai, melhorando as flutuações térmicas dentro de casa.

Sem cobertura – utilize este material bem trabalhado numa parede exterior. O final terá uma textura muito interessante, economizando os custos adicionais de acabamento e pintura.

Piso de cimento polido

O piso em cimento polido com um acabamento liso é um dos mais económicos no mercado devido à sua fácil e rápida construção. Este material usa-se com frequência na remodelação de edifícios com muito movimento devido às suas características físicas e no interior das casas. Actualmente, nos projectos modernos e elegantes, o cimento polido é usado amiúde.

E quais são as vantagens deste tipo de piso?

1. Durabilidade – garantia de pelo menos 10 anos

2. Resistência – aumenta ao ser polida, duplica a qualidade

3. Manutenção mínima

4. Fácil de arranjar ou modificar depois de construído

Inspire-se no exemplo que lhe deixámos desta agradável zona de exterior.

Telhados de zinco

Passemos ao zinco. Este material em branco azulado encontra-se na natureza como óxido de zinco e usa-se como capa protectora ou galvanizador para ferro e aço.

Para se usar em coberturas, o zinco é transformado em lâminas leves que podem ser sustentadas por uma estrutura de madeira ou metal. Os materiais da cobertura em zinco devem ser leves. A medida normal de uma lâmina galvanizada pode ir de 1m83 até 7m32 e desde 1m00 a 15m de comprimento. São montadas umas sobre as outras com uma sobreposição de 10cm, sendo que cada chapa tem três pregos.

Esta cobertura metálica é popular devido ao seu baixo custo comparativamente a outras coberturas. A isso juntam-se as indiscutíveis vantagens construtivas. Por ser um excelente condutor de calor, nos climas mais quentes e húmidos não é a melhor opção. Porém, este problema pode ser resolvido através da construção de uma câmara de ar que funcione como isolante do calor no interior da casa.

Se quer usar zinco, aproveite o seu baixo custo. Trabalhe o desenho de um tecto falso como câmara de ar, dando um detalhe adicional ao estilo da sua casa.

Usar Drywall

O Drywall ou placa de gesso é um sistema construtivo que substitui as vedações internas usuais de edifícios. Consiste em placas de gesso aparafusadas em estruturas de perfis de aço galvanizado.

Para utilizar gesso acartonado, percorra os seguintes passos:

- Estrutura de base: primeiro, colocam-se as guias metálicas do piso até ao tecto. São elas que suportam os montantes verticais de aço. As chapas são aparafusadas nesses perfis.

- Cobertura das divisões: de seguida, trata-se as juntas, as mais permeáveis a fissuras. Nestes pontos aplica-se massa e fitas apropriadas duas vezes. O propósito é deixar a superfície plana.

-  Finalização aprimorada: como a massa contrai devido à secagem, deve-se aguardar um dia antes de se fazer o acabamento. Se a junta estiver funda, repita a dose. Senão, é suficiente lixar.

E quais as vantagens da Drywall?

Tem propriedades anti-sísmicas melhores do que as construções tradicionais. É económico, rápido de instalar, leve, resistente ao fogo e oferece bom isolamento térmico e acústico.

Chapas OSB

Casa DL: Corredores e halls de entrada  por URBAstudios

A chapa OSB (Oriented Strand Board) é um painel derivado da madeira com propriedades estruturais muito usado na construção. Pode ser fixado com parafusos, pregos ou grampos, cortado manualmente ou com serra eléctrica. Trabalha-se como se trabalha normalmente a madeira.

As placas OSB são utilizadas amiúde como revestimento estrutural do esqueleto metálico dos edifícios pelo que não assumem unicamente propriedades decorativas. A elas juntam-se funções estruturais.

É importante escolher com rigor as placas OSB. O manuseamento e aplicação das chapas deve também ser feito com extremo cuidado. Como este revestimento é considerado parte integrante da estrutura está sujeita a legislação prevista no Eurocódigo.

Este material é altamente sustentável. Para além de se despender pouca energia no seu fabrico e de ser totalmente reciclável, é uma alternativa muito menos custosa do que a madeira maciça e diminui as alterações climáticas por armazenar carbono.

Seis sugestões, seis ideias económicas. Desconhecia alguma delas? Tem mais alguma dúvida? Não deixe de nos perguntar! 
Casas  por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!