por BOOK A TIGER

Limpeza de casa: todos os truques para a sua casa ficar um brinco!

Sílvia Astride Cardoso – homify Sílvia Astride Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

A beleza e o conforto de uma casa não são apenas determinados pelas características arquitectónicas e decorativas da mesma. Pelo contrário, de nada serve uma casa garbosamente decorada se estiver suja e desarrumada. Na verdade, quando nos propomos a dar uma reviravolta à nossa casa, devemos começar precisamente por aí: por fazer uma limpeza e arrumação de fundo. Mas, a limpeza não se prende só com a estética. Uma casa limpa é importante para o bem-estar e a saúde de quem nela habita. Quem quer viver numa casa cheia de germes ou com pó por todo o lado a provocar alergias? Pois, bem nos parecia.

Bem sabemos que limpar a casa pode ser uma tarefa muito chata e também sabemos que os dias preenchidos nem sempre nos concedem tempo para manter tudo impecável. Para além disso, nem todos podemos empregar ajuda doméstica. A pensar nisso, decidimos juntar neste livro de ideias algumas dicas para limpar a casa e deixá-la um brinco!

Está curioso? Então, acompanhe-nos.

Quais os passos para uma casa ficar perfeitamente limpa?

Faça um plano: em primeiro lugar, organize-se. Faça um plano, pense no tempo que tem para despender e elabore uma lista do que tem para fazer. O plano não tem que dizer respeito a um dia. Pode separar as tarefas pelos dias da semana. Tudo depende do seu horário de trabalho e disponibilidade. Nesse plano, não se esqueça de incluir uma lista do que tem para comprar (se for o caso): tem panos que cheguem? E esfregões? Os seus detergentes ainda estão cheios? Ainda tem sacos para o aspirador? Pense nessas coisas para, durante a limpeza, não lhe faltar nada e ter tudo à mão de semear.

Entre no espírito: não faça cara feia só porque tem que limpar a casa. Anime-se! Ponha uma música mexida e divertida para o incentivar nas limpezas. Limpa aqui, canta acolá e, quando der por si, está tudo terminado.

Abra as janelas: nada pior do que limparmos a casa num ambiente fechado. Abre as janelas e deixe a casa arejar.

Debruce-se primeiro sobre a tralha: será muito mais fácil para si limpar um espaço sem tralha, por isso pode começar por eliminá-la. Jornais antigos, pacotes de bolachas vazios, roupa espalhada pelo chão, CDs fora das caixas, cabos dos aparelhos electrónicos por aqui e por ali: esta é a realidade de muitas casas! Deite fora aquilo de que já não precisa, recicle ou ofereça, devolva roupas e sapatos ao armário (ou ponha no cesto de roupa suja!) e vai ver como é muito mais fácil limpar.

Sacudir os têxteis: os quartos e as salas as divisões da casa onde existem mais têxteis. Se quer sacudir almofadas, capas do sofá, tapetes, mantas, faça-o antes de começar o pó. Mesmo que sacuda na varanda, o pó pode entrar na casa.

Toca a limpar o pó: as casas devem ser limpas da esquerda para a direita e de cima para baixo. De outra forma, corre o risco de espalhar a sujidade por um espaço já limpo, por isso, comece centro a limpar as divisões de dentro para fora. Aliás, diríamos que isso é senso comum e, possivelmente, toda a gente faz isto instintivamente. Para limpar o pó, privilegie panos de microfibra e não faça batota: não vale limpar apenas por onde passa a procissão. Vá aos detalhes e limpe também os pequenos objectos como molduras, jarras, e por aí adiante.

Hora de aspirar: depois estar limpo o pó, chegou a hora de aspirar. Um aspirador puxa mais se o saco estiver vazio, por isso verifique o estado do seu antes de começar a aspirar. Mais uma vez, lembramo-lo para ir aos pormenores e aos recantos. Para facilitar a sua vida, vale a pena ter um aspirador com diferentes escovas e acessórios para frestas e rodapés.

Passar a esfregona: mas é só com a água que sai aquela poeira mais fina que pensamos que não está lá, mas está! Limpe o piso da sua casa com os produtos adequados. Um piso em cerâmica não tem as mesmas características de um piso de madeira  e o produto que usa para um pode ser abrasivo para o outro.

Estes são os passos principais numa limpeza, no entanto, cada divisão tem as suas especificidades. Vamos saber mais.

De quanto em quanto tempo devo limpar a casa?

As casas devem ser limpas uma vez por semana, sendo que nem sempre as divisões precisam de uma limpeza profunda, por isso pode fazer uma geral semanalmente e uma limpeza a fundo uma vez por mês. Nesta limpeza a fundo, pode-se dedicar a limpar os vidros, o frigorífico, a organizar e a limpar gavetas, o exaustor, a parede backsplash (que é a que está entre os armários inferiores e superiores da cozinha e ganha muita gordura) ou a limpar o forno e o fogão mais ao pormenor. 

Estas tarefas não têm que se concentrar todas no mesmo dia. De dois em dois meses ou de três em três meses, lave também carpetes e as capas das almofadas dos sofás, das poltronas e das almofadas decorativas. Recorde-se, já agora, que quanto mais se organizar no seu dia-a-dia, menos afazeres acumulará. 

Dito isto, acrescentamos que a frequência da limpeza também depende do uso que tem a casa ou cada espaço da casa e da própria família (famílias com filhos e cães sujam mais).

Para que tarefas devo procurar ajuda?

Há tarefas de limpeza para as quais é aconselhável procurar ajuda. Pensemos, por exemplo, no caso das carpetes. São grandes, acumulam muito pó e, como tal, pode ser mais profícuo pagar a uma empresa para as lavar. Estas empresas têm meios adequados para o efeito que, para além de tudo, preservam as peças. O mesmo se aplica às cortinas, sobretudo se forem grandes e volumosas e às alcatifas e estofos de sofás (ou quaisquer outras peças estofadas como cabeceiras de cama).

Peça também ajuda a um profissional para limpar paredes com bolor (que devem, aliás, ser reparadas para não prejudicar a saúde dos moradores), vidros de difícil acesso ou paredes envidraçadas, fachadas, chaminés e telhados, exaustores e tubos de aparelhos de aquecimento ou de refrigeração do ar. 

Se fez obras em casa, é possível que precise de ajuda para a limpar depois. As obras geram sempre muita sujidade da qual nem sempre conseguimos dar conta sozinhos. Há, ainda, pessoas que contratam empresas de limpeza quando querem fazer limpezas muito profundas às casas, o que acontece, por exemplo, quando se acabam de mudar ou se preparam para sair.

​Como limpar as janelas?

As janelas, sobretudo do lado de fora, sujam-se muito com poeira, água da chuva, excrementos de pássaros e minerais. Pode começar por usar apenas água e uma esponja do lado macio para tirar o maior. Depois, seque e prossiga para a limpeza normal.

Para a limpeza normal, pode usar um detergente de supermercado ou uma solução caseira cuja eficácia está mais do que comprovada. Experimente misturar, num recipiente, cerca de meio litro de água com 60 ml de vinagre branco e uma tampa de detergente líquido. Se não quiser usar o detergente, não faz mal. Pode, simplesmente, misturar água e vinagre em igual medida. O cheiro não é o mais agradável, mas depressa sai e as janelas ficam a brilhar.

Se a janela em questão tiver manchas muito difíceis de remover, então use só o vinagre. Ponha-o dentro de um borrifador e borrife o vidro directamente. Deixe actuar durante 2 a 5 minutos e depois limpe. Os panos de poliéster e poliamida são os melhores para limpar os vidros. As folhas de jornal são igualmente eficazes. Evite panos que deixam pelo.  

Para além do vinagre, temos o poderoso limão que tem propriedades fungicidas, bactericidas, insecticidas e desengordurantes. Ponha cascas de limão em água quente e use essa mistura para limpar os vidros ou espelhos.

Como limpar o fogão?

O fogão suja-se facilmente pelo contacto que tem com os alimentos, sobretudo quando se usa a cozinha todos os dias ou quase. Tal como acontece no caso dos vidros, encontra nos supermercados produtos desengordurantes específicos para limpar o fogão. Esses produtos são normalmente eficazes e devem ser usados segundo as instruções. Se o fogão tiver muita sujidade entranhada, deve deixar o produto actuar durante alguns minutos antes de o remover com água. 

Os fogões de indução são mais fáceis de limpar porque têm uma superfície lisa, mas se o seu fogão tem peças que precisam de ser limpas, retire-as e coloque-as num recipiente com: 500 ml água quente, sumo de um limão, meia chávena de vinagre e solução de bicarbonato de sódio. Deixe-as de molho durante um bom bocado, depois esfregue-as e seque-as bem. Esta solução pode ser aplicada às grelhas e ao forno.

Como limpar a casa de banho?

A lógica que se aplica à casa de banho é a mesma que ao resto da casa. Comece a sua limpeza por organizar o espaço: deite fora recipientes vazios, rolos de papel higiénico que acabaram, algodões usados e ponha para lavar toalhas, tapetes e roupas. 

Depois, comece a limpar de dentro para fora com produtos para casa de banho. Não se esqueça de proteger as suas mãos com luvas. O vinagre e limão misturados com água e bicarbonato de sódio são óptimos para limpar as superfícies com calcário, manchas teimosas ou que precisam de ser polidas (como torneiras). O interior da sanita pode ser limpo com o piaçaba. Esfregue até tirar todas as manchas e o interior ficar bem desinfectado. Pode usar lixívia ou outro desinfectante para um resultado mais eficaz, mas certifique-se de que o espaço está bem ventilado. 

Volte a colocar os produtos na casa de banho e acabe com o chão. Varra-o, aspire-o ou passe-lhe um Swiffer e depois termine com a esfregona. Quando a casa de banho secar, ponha umas toalhas lavadas.

Como limpar o frigorífico?

Vamos agora ao frigorífico. Primeiro, deve retirar todos os alimentos e aproveitar para verificar os prazos de validade ou para ver se tem legumes ou frutas a apodrecer. Depois, remova todas as prateleiras e gavetas para poder lavar o fundo do frigorífico sem constrangimentos e as peças separadamente e ao pormenor. Estas peças (estantes, gavetas, suporte de ovos, etc.) podem ficar de molho em água bem quente com detergente da louça, sendo que também pode recorrer ao bicarbonato de sódio e ao vinagre para remover manchas teimosas

Se quiser ser mais rápido, em vez de as deixar de molho, lave-as normalmente como um esfregão como faz com a louça. Antes de repor os alimentos no frigorífico, retire o excesso de água com um pano seco e não se esqueça de limpar os frascos, garrafas, tupperwares, etc., à medida que os devolve ao sítio.

​Como limpar o guarda-roupa?

Limpar o guarda-roupa não é difícil. Organizá-lo é a pior parte, por isso comece logo por aí. Tire todos os cabides e as gavetas e ordene as suas roupas. Ponha de parte o que já não usa (ofereça a alguém ou venda) e abra espaço para as coisas novas. Se os seus cabides são todos diferentes, inverta essa situação. Compre cabides iguais para ser mais fácil arrumar cada peça e mexer no interior do roupeiro (cabides iguais “encaixam-se” uns nos outros e são visualmente mais apelativos). Nas gavetas de acessórios, roupa interior ou outras peças miúdas, coloque divisórias para que cada objecto tenha o seu lugar específico. 

Depois de retirar tudo do interior, limpe as superfícies com um pano do pó. Pode usar um aspirador para chegar aos recantos. Termine com um pano semi-húmido (com ou sem detergente consoante o material do roupeiro) e seque antes de voltar colocar as roupas e acessórios no interior.

​Dica adicional

Depois de limpar a casa, acenda umas velas de cheiro para o ambiente ficar perfumado. Dá trabalho limpar, mas é uma sensação óptima quando terminados e podemos, enfim, desfrutar e descansar numa casa limpa e cheirosa.

De que profissionais precisa para limpar a casa?

Aqui na homify, reunimos uma vasta lista com profissionais de todas as áreas. Se procura uma empresa para lhe limpar a casa, experimente procurar uma na nossa base de dados. Basta abrir a categoria Limpezas de Edifícios e escolher uma na sua área de residência. Na coluna do lado esquerdo, tem outras categorias com profissionais de outras especialidades. 

Recomendado: 10 truques simples para ter a casa sempre limpa e ordenada

Habitações  por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Peça a sua consulta grátis

Encontre inspiração para casa!