O que ter em conta quando visitar um imóvel?

Mariana Garcia – Homify Mariana Garcia – Homify
Loading admin actions …

Visitar uma casa, quer seja para comprar ou para arrendar, é um passo importante na vida de uma pessoa ou de uma família. Em primeiro lugar, deve-se fazer uma lista daquilo que queremos ter na nova casa, como o número de assoalhadas, garagem, arrecadação, casas de banho, garagem, jardim; de seguida, há que procurar pela internet casas disponíveis ou então ir até a uma agência imobiliária, onde um profissional nos pode encontrar a casa dos nossos sonhos após fazer uma boa qualificação nossa enquanto clientes. Após esta fase inicial, começam os fins-de-semana ou os finais de tarde naquela maratona de ver imóveis, compará-los e perceber o que melhor se enquadra connosco. E é aqui que entra o nosso artigo de hoje.

Visitar uma casa para futura habitação é mais do que turismo imobiliário. Temos que perceber exactamente o que queremos, a que é que damos realmente valor para que as deslocações aos imóveis tenham resultados. No entanto, e porque é um passo importante, nem sempre nos conseguimos concentrar em pormenores que farão toda a diferença no nosso quotidiano, deixando-mo-nos influenciar pelo tamanho ou aspecto da casa. Assim sendo, a equipa da homify reuniu para si hoje algumas dicas a seguir para quando andar à procura de casa. Não é certo que vá encontrar o imóvel com que sempre sonhou… mas pelo menos estará mais atento para que a sua escolha não seja a mais errada!

Faça visitas durante o dia

A luz artificial é algo facilmente manipulável, portanto tente não visitar uma casa à noite ou em finais de tarde invernosos. Se não houver hipótese (por causa da conciliação de horários, por exemplo), faça uma segunda visita (durante o fim-de-semana, de manhã, num feriado… ) durante o dia, para se certificar que a casa é luminosa, onde é que recebe mais sol, que zonas são mais frias e húmidas. É bom sabermos exactamente com o que vamos contar, até porque mais facilmente nos vamos imaginando a viver naquele imóvel. 

Verifique as condições

Habitação Unifamiliar Monte dos Saltos: Corredores e halls de entrada  por olgafeio.arquitectura
olgafeio.arquitectura

Habitação Unifamiliar Monte dos Saltos

olgafeio.arquitectura

Outra coisa de que facilmente nos esquecemos, mas que tem uma grande importância no grau de satisfação aquando da aquisição de uma casa, é de verificar se está tudo em condições. Quando falamos em tudo estamos a incluir o sistema eléctrico, canalizações, fichas nas paredes, sistema de aquecimento, ligações para as máquinas, entre muitos outros pormenores. Lembre-se que é o cliente e que esta compra/arrendamento não é um passo sem importância, por isso não se preocupe se está ou não a ser chato: faça todas as perguntas que considerar relevantes para se decidir por este ou por aquele imóvel. Normalmente os profissionais do ramo imobiliário estarão mais preparados para ter esse grau de paciência, mas acredite que um proprietário ou senhorio também têm interesse em ver o negócio concluído!

Dê uma volta pelas redondezas

Hotel Sheraton, Baku (Azerbaijan): Casas ecléticas por Ferreira de Sá
Ferreira de Sá

Hotel Sheraton, Baku (Azerbaijan)

Ferreira de Sá

Outra sugestão que lhe damos é que faça várias visitas, em diferentes alturas do dia, à zona onde o imóvel se insere. O que pode parecer muito tranquilo e seguro durante o dia, pode virar zona de festa e algo perigosa à noite, portanto não se iniba de investir algum tempo a estudar a vizinhança para onde está a pensar mudar-se! Veja onde ficam os serviços mais perto, como supermercados, correios, cafés, bancos ou escolas; percorra a pé as redondezas, para ver quanto tempo demora de casa a um sítio específico; verifique as condições de estacionamento (principalmente se tiver carro e não tiver garagem); veja quais são os transportes públicos que servem essa zona específica; por último, faça uma estimativa do tempo que levará na viagem diária casa-trabalho-casa ou outras voltas que seja habitual dar.

Leve um amigo para a visita…

Levar um amigo, familiar ou o namorado para visitar um imóvel ajuda-nos em vários aspectos. O primeiro, é que é mais difícil convencer duas pessoas distintas do que uma só (ou seja, quem estiver a mostrar a casa necessitará de lidar com duas personalidade diferentes, logo será mais difícil convencer o cliente e levá-lo a escolher a sua casa); em segundo lugar, há mais do que dois olhos a observarem o imóvel, pelo que falhas e dúvidas poderão surgir em maior número; por último, depois de virem embora, terá alguém com quem falar sobre a casa, pedir opiniões e fazer comparações com outros imóveis já visitados.

… e não se esqueça da máquina fotográfica!

Será que consegue reproduzir todos os pormenores de uma casa depois de a ter visitado? Com certeza que não, por isso leve a sua máquina fotográfica ou telemóvel para tirar algumas fotos durante a visita e analisá-las melhor em casa. Muitas vezes esta sugestão é descurada, mas acredite que fará toda a diferença! Se quiser ser mais minucioso, tire alguns apontamentos, nomeadamente sobre as áreas das divisões.

Verifique os deveres do proprietário em relação ao imóvel

Aqui há alguns pormenores que não deve deixar passar em branco – porque, no final do mês ou do ano, podem representar uma fatia considerável do seu orçamento. Verifique quais são os seus deveres enquanto proprietário desta casa, como por exemplo valores de condomínio. No caso de ser arrendatário, há muitos custos que não serão cobrados a si, mas de qualquer das formas é bom que se informe antes para não ser apanhado de surpresa!

Outros aspectos relacionados com a casa

Antes de tomar a sua decisão final, faça contas à área útil do imóvel (será que vai precisar de 4 assoalhadas se não está a pensar ter filhos? ou não seria interessante ter um jardim para brincar com o seu cão?). Para além disso, faça uma comparação de preço com outros imóveis da mesma zona e com as mesmas características, nomeadamente o preço por metro quadrado. Outra coisa que deve ter em consideração é o resultado final presente no certificado energético da casa (obrigatório por lei, quer seja uma venda, quer seja um arrendamento).

Apontou todas as nossas dicas? Quais é que lhe costumavam falhar?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!