Voltar aos anos 70! 7 ideias de interior

Ida Gaspar – homify Ida Gaspar – homify
Google+
Loading admin actions …

Vintage ou retro, palavras bastante em voga e usadas no mundo da moda e da decoração…

Mas afinal será que sabemos bem a que corresponde este estilo? Será que usamos a palavra para o mood certo? Será que dizemos que não gostamos sem perceber mais sobre o assunto? Por estas e todas as outras questões que possa ter, decidimos hoje apostar num artigo que fala inteiramente dele. Nele abrangemos dicas, sugestões, inspirações, imagens fantásticas para copiar, mas também através de cada fotografia iremos perceber um pouco mais sobre o vintage… Não perca nem por nada esta viagem ao passado, com sabor ao presente… Amantes ou não do antigo, vejam e inspirem-se, porque há imagens que valem mais do que mil palavras…  

Inspire-se nesta bonita viagem!

Definição do estilo vintage

O estilo vintage de Hackney: Salas de estar modernas por MOSAIC DEL SUR
MOSAIC DEL SUR

O estilo vintage de Hackney

MOSAIC DEL SUR

Antes de mais vamos definir o estilo vintage, para ficarmos logo a tratá-lo por 'tu'… Ora vejamos…

É uma arquitetura que incide no período dos anos 1920 à 1980. Neste sentido um estilo vintage tem de ser decorado com móveis recuperados do passado ou novos, mas com o design de outrora. Por exemplo, para retratar os anos '20/30 prefira móveis escuros, com elementos barrocos. A década de 50 e 60 sobressaia mais o romantismo e a elegância, enquanto que entre 1970 e 1980, as linhas são maximalistas e de cores vibrantes. Pode optar por um mistura de épocas, junto com a atualidade, a ideia principal é perceber e deixar claro a presença do passado. 

As cores dominantes e mais utilizadas num estilo vintage são o azul claro, o verde, o rosa claro, o amarelo, o dourado ou ainda o vermelho. É claro que estas são as cores principais, não quererá dizer que se tem de cingir apenas a estas, pode perfeitamente mesclar com outras cores, como o castanho, por exemplo. Tenha atenção que os móveis em madeira são fulcrais para se alcançar o objetivo de uma decoração vintage. Mobiliário com um design retrô na marcenaria, de cor castanha ou então bem colorido, com algumas cores mais vibrantes.

Para um resultado mais arrojado e mesmo correspondente, o melhor será mesmo de recuperar algumas peças antigas, que possa ver em feiras, na casa dos avós ou em sites de venda, aí poderá encontrar grandes achados. 

De facto, a decoração vintage é bastante charmosa e sem muita ostentação, é ainda romântica, delicada e sem dúvida cheia de personalidade, pela sua referência ao passado e por alguns elementos terem aquele lado histórico e vivido. Para criar um ambiente vintage não é preciso despender muito, a riqueza fica por conta de detalhes e peças-chave que são capazes de contar histórias.

Sala de estar vintage

Apartamento A3_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores: Salas de estar ecléticas por Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores
Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Apartamento A3_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores

Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Quer toda a sua casa baseada neste estilo? Apenas apontamentos? Ou será que prefere apenas uma divisão? Temos solução para todas as questões… Ora comecemos pela sala de estar…

Uma sala retro relembra-nos imenso os filmes mais antigos, mas também as fotografias dos nossos avós e pais, onde de facto os elementos são bem característicos. Optar por decorar um espaço ou sua casa com este estilo, é uma questão de gosto, de atitude e sobretudo diferenciar-se do que é mais comum. Talvez para si as linhas retas, super modernas e cores neutras nada lhe dizem, prefere as cores e a sinuosidade desta decoração. 

Para decorar uma sala de estar ao ambiente vintage pode optar por quadros com imagens antigas, de filmes, fotografias de família, jornais daquela época, com o aspeto amarelado, emoldurados num quadro dourado. O soalho de madeira confere um ar mais retro. Escolha uma peça antiga – um baú, um aparador, um sofá, uma mesa de centro… que seja daquele tempo ou atual, mas que respeita as linhas do passado. 

Para rematar o look, decore a sua sala vintage com vinis, gaiolas ou livros antigos. Objetos simples, que todos temos e que marcarão o mood, sem dúvida alguma!! 

Cozinha vintage

Cozinha  por La Florinda
La Florinda

Cocina Vintage

La Florinda

É para a cozinha que vamos agora! Ela também merece respeitar o estilo e ganha todos os dias mais adeptos, tem o lado antigo, que nos remete para boas memórias – a da infância. Além da moda ser cíclica e o que podia parecer há uns tempos démodé é hoje revista, melhorada e já perfeita, para ser protagonista. 

A base de uma cozinha retro deve ser branca, para depois jogarmos com a cor nos acessórios e decoração (amarelo, cor de laranja… ou tons clarinhos). Hoje em dia, consegue encontrar vários modelos de eletrodomésticos com as linhas arredondadas e um design bem retro, para além da diversidade de cores, pode descobrir esta marca da Kitchen Aid, que tem peças ideais para este estilo.

Escolha cortinas, toalhas de mesa, panos de cozinha com padrões florais, pois são sem dúvida um marco do estilo vintage. Os azulejos básicos e os hidráulicos decoram também a cozinha nessa linha. Mobiliário como uma vitrina são também elementos essenciais. Finalmente, não descuide da loiça, com bordados ou florida, dará o toque perfeito à cozinha vintage.

Quarto vintage

Apartamento A3_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores: Quartos ecléticos por Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores
Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Apartamento A3_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores

Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

O quarto também não perde a opotunidade de viajar… bem pelo contrário, ganha vida especial. Um belo lustre no teto, uma cama de metal ou de madeira escura, recuperada no sótão dos avós, com uma colcha patchwork ou de outra cor, apetrechada com umas almofadas com padrão florido ou de cor viva. Um baú nos pés da cama ou uma mala velha de lado, umas cadeiras vividas a servirem de mesa de cabeceira, um despertador com o numerário vermelho e do outro lado um rádio antigo… Tudo é possível, o importante é surpreender e deixar-se levar e criar algo de pessoal, simplesmente a contar uma nova história, a sua agora. 

O arquiteto de interior português Tiago Patrício não descuidou nenhum lugar deste belo apartamento de Lisboa, ao estilo vintage, mas sob o desenho contemporâneo. É possível misturar gostos, culturas e épocas, isto num só lugar. 

Decoração

Casa  por Martina Vintage
Martina Vintage

ESTANTERIA VINTAGE

Martina Vintage

A decoração vintage talvez seja a mais fácil de retratar, é antiga, mas não assim tanto, para não conseguir ter objetos daquela época. Encontra-os em feiras de rua, na internet, na casa dos pais ou dos avós e até na rua, dita como lixo por alguém. 

Televisões com antenas, volumosas, com ecrã ou não. Rádios, móveis bastante esbeltes, livros antigos, malas de viagem, vinis, gaiolas, quadros, relógios, fotografias antigas… São imensas as possibilidades, por isso toca a encontrar várias hipóteses, pois é uma bela decoração retro que ornamenta os espaços, procure elementos que carreguem a memória do passado. Outra dica é fazer arranjos de flores do campo, fica uma decoração perfeita e delicada. 

Cuidado para não exagerar e criar um cenário demasiado pesado, é claro que não há regra a seguir, mas o equilíbrio e o bom senso é sempre bem-vindo. Pode suavizar o visual, misturando peças mais modernas e minimalistas, dando o toque atual. Assim fica mais divertido, agradável e harmonioso!

Não se esqueça do papel de parede – ele é o elemento chave do vintage.

Vintage moderno

Coleção Vintage - BORGILLIO: Casa  por EGLO PORTUGAL ILUMINAÇÃO
EGLO PORTUGAL ILUMINAÇÃO

Coleção Vintage – BORGILLIO

EGLO PORTUGAL ILUMINAÇÃO

Sem dúvida que a moda é cíclica, vem e volta… mas nunca da mesma maneira e ainda bem! É melhorada, aperfeiçoada e sobretudo atualizada. 

Pode criar uma decoração moderna na sua casa, com peças de mobiliário ou de decoração com estilo retro, mas já com outro look, mais modernizado. Por outro lado, pode criar um misto de estilos, apontamentos vintage dentro de uma decoração mais moderna ou outra, nomeadamente se tiver uma ou outra peça herdada que não se quer desfazer, pode a adaptar e encaixá-la dentro do cenário!

DIY vintage

Sala de estar  por Noelia Ünik Designs
Noelia Ünik Designs

Salón de estilo vintage.

Noelia Ünik Designs

E porque o DIY são as palavras mágicas, terminamos o artigo com magia! Podemos criar os nossos próprios móveis ou decoração recorrendo à nossa inspiração e mãos! Yupi!!

As paletes são as melhores amigas do DIY, são tão versáteis que conseguimos fazer com elas, tudo o que a nossa mente nos deixar criar. Uma mesa de centro, prateleiras, estantes… pode lixar, montar, pintar e novamente lixar para dar um envelhecido e vivido. Super barato e super vintage, só pode ser super BOM!

E agora acha que é um craque do estilo vintage? Gosta dele?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!