Construir uma casa de raiz ou optar por um pré-fabricado?

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Neste livro de ideias vamos fazer uma comparação entre as casas pré-fabricadas e as construídas de raiz num terreno. O dilema de construir uma casa de raiz ou optar por uma pré-fabricada é bastante legítimo, já que ambas as opções apresentam riscos e vantagens.

Antes de mais esclarecemos que uma casa pré-fabricada não é uma casa móvel, nem mesmo uma roulote, pois a sua estrutura é permanente. Podem também ser chamadas de casas modulares porque são criadas dentro de uma fábrica e não no terreno. A diferença está na construção que é levada a cabo por módulos que serão posteriormente montados no local da obra.

Este é um tipo de construção menos tradicional, mas não é por isso que devemos descartá-lo pois ele oferece vários benefícios. Trata-se fundamentalmente das necessidades de cada um, sobretudo ao nível de orçamento e de tempo.    

Do lado das semelhanças, sabemos que ambos os tipos de construção pagam os mesmos impostos, sendo que, pelo menos por esse lado, não existe uma poupança significativa que incline a balança para um dos lados.

Construindo do zero

A principal variável que devemos ter em conta ao tomar a decisão de construir uma casa de raiz é o tempo que demorará o projecto. É evidente que o projecto de construção irá demorar muito mais, irá ser necessária mais mão de obra e as condições climatéricas podem afectar a construção, danificando material e provocando atrasos na obra.

Riscos da construção de raiz

Enquanto alguns riscos são comuns a ambas as opções, a escolha do arquitecto ou empresa de construção adequada pode ser muito importante para o factor temporal que falamos anteriormente.

Quanto mais tempo demorar a construção e mais complicados forem os processos, mais existirão riscos de acidentes, de um aumento do preço dos materiais, de uma maior probabilidade de problemas com a mão de obra e de enfrentar por mais tempo as condições climatéricas e as suas consequências que por vezes podem ser nefastas.

Vantagens e desvantagens

A vantagem mais evidente de construir uma casa desde o zero é que podemos pedir ao arquitecto responsável exactamente o que desejamos, sem tem que fazer cedências. Se temos uma ideia muito exacta da casa dos nossos sonhos, seguramente que a opção da construção de raiz é a que mais satisfaz as nossas necessidades.

Uma vantagem deste tipo de construção será a possibilidade de examinar mais de perto o processo de construção e poder fazer algumas mudanças enquanto ela está em marcha visto que teremos o tempo a nosso favor para tomar decisões com calma.

Claro que tudo isto se pode converter numa faca de dois gumes porque teremos que viver com a incerteza de não saber o resultado final, o que pode representar uma desvantagem significativa.

Comprar uma casa pré-fabricada

Casas modernas por forma

Se o atrai a ideia de construir a sua própria casa, mas no mínimo de tempo possível e com as responsabilidades todas nas mãos do arquitecto ou empresa de construção contratada, esta pode ser a opção mais segura para si.

As construções de casas pré-fabricadas são consideradas mais ecológicas, já que sendo fabricadas em espaços fechados, a poluição sonora e de qualquer outro tipo é bastante mais limitada.  

É importante mencionar que as casas pré-fabricadas se desvalorizam exactamente da mesma forma que as que são construídas de raiz, pelo que este factor não o deve preocupar.

Na imagem mostramos um exemplo de uma casa pré-fabricada, um projecto do estúdio Forma

Riscos de casas pré-fabricadas

Casas modernas por Ecosa Institute
Ecosa Institute

Container home front street view

Ecosa Institute

As casas pré-fabricadas partilham com as casas construídas do zero, o risco de contratar o arquitecto ou empresa de construção errada. Claro que, neste caso, temos menos desculpas pois existe a possibilidade de examinar de perto as casas modulares na fábrica onde são construídas e avaliar os processos de construção.

Outro factor a ter em conta é que há menos construtores de casas pré-fabricadas e, devido à oferta mais reduzida, vamos ter necessariamente menos opções.

Vantagens e desvantagens

Uma das desvantagens das casas pré-fabricadas é que o sistema eléctrico e as canalizações não são incluídos no orçamento inicial, pelo que temos que fazer muito bem as contas ao que estamos a pagar de entrada, sabendo que vamos ter sempre que acrescentar a esse valor pelo menos mais 20%.

Outra desvantagem é que, embora os desenhos das casas sejam bastante engenhosos e personalizáveis, como prova esta casa de paredes em madeira, as opções são mais limitadas. Mas, se nos deixarmos levar pelo espírito e não formos de ideias fixas isso acabará por não ser um problema maior.

O tempo de construção é uma vantagem importante por todos os motivos que falamos anteriormente e a hipótese de poder conhecer o resultado final desde o inicio do projecto é, claramente, outro ponto extra evidente. Digamos que, se não gostarmos de surpresas, a opção de uma casa pré-fabricada tende a ser mais atractiva.

Ficou esclarecido sobre as duas opções de casas? Já chegou à conclusão sobre qual seria a melhor para si?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!