Como as poltronas transformam um espaço

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Começou por vir fazer companhia ao sofá. Lá estava, imponente como sabe ser, a levar à sala ainda mais conforto, a compor-lhe o desenho. Falamos da poltrona. A poltrona que agora encontramos na sala, é certo, mas também na casa de banho. No corredor. No quarto de bebé. No recanto de leitura. E, como não podia deixar de ser, no escritório. Não há como uma poltrona. A sala pode ter um sofá do tamanho de uma piscina olímpica, mas, curiosamente, todos preferem sentar-se nela. Até o cão. Tem, assim, que ter esta peça em conta quando decorar a sua casa. Estamos convictos de que ela eleva o nível de qualquer que seja a divisão. Palavra de honra.

Pode adquirir uma nova ou reciclar a poltrona antiga que anda algures aí por casa ou na casa dos pais ou avós. Uma limpeza, um novo tecido ou umas almofadas bonitas e, ta-dan, eis a nova peça preferida da família, eis uma lufada de ar fresco de que o seu lar doce lar precisava.

Para perceber melhor o que estamos para aqui a dizer, veja as imagens que seleccionámos para si.

Um canto de leitura sofisticado

Salas de estar modernas por homify
homify

Living room

homify

Este par de poltronas em azul cinza com um suporte metálico e geométrico é o epítome do luxo e da modernidade. São duas peças que materializam uma estética moderna por excelência e que não passam despercebidas nem ao “radar” mais avariado, não fosse o lema do atelier britânico que as escolheuWN Interiors - “a desenhar interiores maravilhosos desde 2011”. Confere. A par com uma pequena mesa de centro e um também muito original candeeiro de pé com uma estrutura dourada que suporta seis abajures, as poltronas formam uma sublime zona de leitura. A improvável combinação com um tapete amarelo mostarda fá-las sobressair ainda mais. 

Perfeito, darlings!

O luxo ao acesso de alguns

Quartos modernos por LEIVARS
LEIVARS

Wimbledon

LEIVARS

Não é comum encontrar uma poltrona numa casa de banho. É, usualmente, a divisão mais pequena e não há espaço para lhe acrescentar mais uma peça. Se há, nem nos lembramos de o fazer pela estranheza da ideia. Ainda assim, estamos em crer que a tendência caminha no sentido de oposto, que as pessoas estão cada vez mais atentas ao vasto leque de informação existente no que toca a decoração e que, tendo meios, se preocupam em personalizar e tornar mais confortáveis as suas casas.

Uma poltrona numa casa de banho eleva-a esteticamente e quase a transforma num misto de casa de banho e sala de vestir. Imagine um longo banho seguido de um momento de “spa caseiro” facilitado pela existência de uma poltrona onde se pode sentar a ler um livro enquanto espera que a sua máscara facial actue? Soa bem, não soa?

Para tornar o conjunto ainda mais completo, acrescente-lhe uma fina mesa de apoio sobre a qual pode pôr velas, flores ou uma revista. Nesta casa de banho, de uma casa no Reino Unido, a poltrona em tom rubi harmoniza-se em pleno com os elementos prateados. Como diria Dâmaso, n'Os Maias, é chique a valer.

Uma poltrona no corredor?! Sim! Por que não?

Corredores e halls de entrada  por LEIVARS
LEIVARS

Wimbledon

LEIVARS

Aos corredores, costumamos encontrá-los despidos. São espaços estreitos, de passagem e aos quais as pessoas não prestam atenção. Entendemos que haja prioridades decorativas e orçamentais. Mas, por que havemos de negligenciar o corredor? Afinal de contas, também é uma parte da casa. Na fotografia, encontramos um bom exemplo para dele sabermos tirar proveito. Ao fundo, há uma janela alta que serve como óptimo pretexto para que o recanto não fique ao abandono. Foi lá colocada uma poltrona estofada com um tecido florido que revela o cuidado e atenção ao detalhe depositados na decoração desta casa. Uma esquina vazia e sem um desígnio transformou-se num canto interessante e colorido onde se pode sentar a ler um livro. Dizemos nós. O que lhe parece?

Das que nunca passará de moda

Salas de estar modernas por LEIVARS
LEIVARS

Wimbledon

LEIVARS

Aquela poltrona do escritório revestida a couro que exibe orgulhosamente as marcas do tempo e o avô lá sentado a ler o jornal. É uma imagem que vai de encontro ao nosso imaginário, um clássico que nunca deixará de o ser e que, inevitavelmente, relacionamos ao espaço de trabalho ou à biblioteca lá de casa. Por muito arrojados que sejamos, por muito que gostemos de desafiar o convencional, admitamos: uma poltrona em couro é aquilo a que os ingleses chamariam de must have. Tem classe à filme antigo, à James Dean. Veja-se a da imagem auxiliada por um ponto de luz suspenso, almofadas com motivos campestres e uma mesa de apoio. Quão bem funciona? Muito bem. E onde a encontramos? Junto da estante dos livros, claro está.

Claro que precisa de uma poltrona no quarto

Quartos modernos por homify
homify

Bedroom

homify

Colocar uma poltrona no seu quarto é como viajar em turística e passar para classe executiva. É o toque final de indulgência, conforto e luxo no quarto que também é o nosso santuário e onde podemos fazer muitas coisas para além de dormir. Por vezes, tudo o que queremos quando chegamos a casa é um recanto de refúgio, privacidade e reflexão. Encontramo-lo no quarto. O espaço que é nosso, o que não temos de dividir. Encontre o seu momento de lazer não interrompido numa confortável poltrona. Para ler, para ouvir música, para pensar, para adormecer. É sua. Disponha. Não se esqueça dela.

Para um espaço jovial

Bom, se o seu mais que tudo não larga a Playstation, então, se calhar, é melhor passar para a imagem seguinte. Não lhe queremos dar mais motivos para ficar sentado alheado a tudo menos ao jogo. Vá, vá, estamos a brincar. A fotografia vem a propósito para todos os que gostam da ideia de ter puffs em casa. Os da imagem surgem-nos em jeito de híbrido entre poltrona e puff pelo formato mais estruturado. Parecem-nos ideais para o recanto multimédia aí de casa ou, pura e simplesmente, para se sentar – deitar? – a descansar ou a ver um filme. São ideais para uma casa moderna e jovial.

O apontamento de cor

Sala Estar - Encosta do Douro: Salas de estar ecléticas por Ângela Pinheiro Home Design
Ângela Pinheiro Home Design

Sala Estar – Encosta do Douro

Ângela Pinheiro Home Design

O vermelho é a cor preferida dos clientes que habitam a casa da imagem situada em Portugal, na encosta do rio Douro. Conseguem descobri-lo na sala? É isso mesmo. Está nas poltronas. Gostamos de o lembrar, de quando em vez, que a mobília aí de casa não tem que ser toda a condizer. Prova disso é esta sala de estar em que as poltronas num vibrante tom vermelho contrastam com os sofás e emprestam ao espaço mais vida e personalidade. Considere esta sugestão. Até pode reciclar uma poltrona antiga e estofá-la com um tecido alegre que crie um ponto de vista decorativo na sua sala de estar ou noutra qualquer divisão. Alinha? Esperamos que sim. Fica, pelo menos, com a ideia da Ângela Pinheiro Home Design.

Retro

Apartamento Saldanha_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores: Salas de estar ecléticas por Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores
Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Apartamento Saldanha_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores

Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Para além de ser um objecto com design de excepção, um tanto ou quanto retro, um tanto ou quanto moderna, esta poltrona cria um espaço dentro de um espaço. Pois é. Repare bem. Tem a estante pejada de livros, uma zona de refeições e, de seguida, a poltrona – junto à janela, pois claro – com um candeeiro e mesa de apoio, compondo uma convidativa zona de leitura com direito a pousa pés a condizer e tudo. É uma peça que se evidencia, mas, ao mesmo tempo, compõe este conjunto ecléctico pontuado com elementos reminiscentes de várias épocas. Não tenha medo em apostar num tecido com um tom forte. A cor dá saúde. Só não faz é crescer.

No quarto do bebé

Se está a planear o quarto do seu bebé, não se esqueça de uma poltrona. É uma boa ideia para si e, assim, também para ele. É lá que se pode sentar enquanto embala ou alimenta o seu filho, enquanto lhe lê uma história, enquanto aguarda que ele adormeça ou para uma noite pior não parecer tão má. Tudo sem ter que sair do quarto e do ambiente tranquilo com o qual o bebé está familiarizado.

No quarto da imagem, uma delicada poltrona com riscas em tons pastel aparece complementada com uma otomana para que o conforto seja absoluto. Não se esqueça de lhe colocar uma pequena almofada e um ponto de luz ao lado para facilitar as suas tarefas. Ou o seu descanso.

A Carrie Bradshaw escolheria esta

Para uma decoração de laivos femininos e românticos, uma poltrona a altura. Desenha-se em linhas clássicas e veste-se de branco esta poltrona de uma sala nas Amoreiras decorada pelo gabinete Catarina Batista Arquitectura e Interiores. Repare na almofada cilíndrica, encostada ao espaldar, num tom coral e azul acinzentado que vai ao encontro da estética das almofadas do sofá. Um detalhe a tomar nota para que a sua poltrona se torne mais confortável e elegante.

Diga lá: tínhamos razão, não tínhamos? As poltronas destacam-se em qualquer uma das divisões que lhe mostrámos! Qual escolheria para a sua casa?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!