Design de interiores para novatos: 6 dicas que deve saber

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Quem deseja abordar, sem conhecimento prévio, a decoração ou remodelação de algum espaço da casa, é natural que se depare com uma série de dúvidas: por onde começar? Como organizar o espaço? De que forma distribuir objectos e móveis? Quais os revestimentos mais adequados? Que cores, texturas e tecidos escolher? Estas dúvidas sugerem a necessidade de conhecer algumas bases da decoração de interiores e dedicar algum tempo ao seu estudo. No princípio necessitamos de uma série de passos que são os mesmos que um decorador profissional utiliza para realizar os seus projectos. Quer dar esses primeiros passos pela mão da homify?

O que é o design de interiores

Salas de estar modernas por Oito Interiores
Oito Interiores

Vivienda unifamiliar, Ourense, Galicia.

Oito Interiores

Design de interiores refere-se ao desenho de um espaço que foi criado a partir de uma construção existente, assim como à interacção humana no seu interior. Também se pode referir a uma ideia inicial de desenho arquitectónico que é redesenhada para dar vida a novos usos, ou pode ser ainda a avaliação de um projecto arquitectónico aplicando a reutilização adaptativa num edifício. Esta última é parte das práticas da arquitectura sustentável que se baseia em conservar recursos mediante a reciclagem de uma estrutura, adaptando um novo desenho.

Tradicionalmente, começou por ser uma arte especial do desenho de ambientes. No entanto, o design de interiores é um processo através do qual o interior dos edifícios é pensado e projectado levando-se em consideração todos os aspectos da relação humana com os espaços e, por isso mesmo, incluindo a decoração.

Na imagem que apresentamos é possível ver um exemplo de design de interiores bem conseguido. Um projecto do estúdio Oito Interiores.

Entender a linguagem de cada espaço

Conhecer um espaço a fundo é ter a consciência da sua natureza, da sua forma e ordem. Na expressão arquitectónica isto é o que se revela o espaço, é a sua forma de existência que mostra uma expressão onde existem conteúdos comuns. Os caracteres expressivos da obra surgem na forma como são tratados esses conteúdos que determinam a matéria, a expressão e a fisionomia do objecto que os expressa.

A forma da expressão actua como uma síntese dos conteúdos, dos conhecimentos e dos conceitos que intervêm no projecto de arquitectura.

Dar personalidade ao espaço

Salas de jantar minimalistas por ELIX

O espaço é a matéria prima da decoração, já que é a partir dos elementos físicos que o compõem originalmente que começamos a trabalhar, adequando-nos a ele ou decidindo modificá-lo. As primeiras decisões serão influenciadas pelo espaço em si, incorporando numa etapa posterior, a escolha e a combinação da cor, das texturas, dos revestimentos e a distribuição de móveis, de objectos e de fontes de luz artificial. 

Nesta primeira etapa, será prestada especial atenção a cada um dos elementos do espaço. É o momento de observar e registar as dimensões do local, a existência de escadas ou desníveis, o posicionamento de portas e janelas, a localização das fontes de luz natural, os elementos existentes, a existência de problemas de humidade e o tipo de revestimento existente nas paredes e nos pisos. A observação correcta do espaço é a chave para o sucesso da sua decoração e o registo de tudo o que se vê é extremamente importante, pelo que devemos anotar tudo e criar um plano simples com medidas e detalhes. 

Não é preciso ser arquitecto para criar um plano: desenhe simplesmente as paredes, marque os detalhes, assinale os pontos de entrada de luz natural, a altura das janelas, portas e outros elementos da obra.

Proporção, equilíbrio e uso específico

O correcto desenho de um espaço deve prepará-lo para o uso que lhe queremos dar. Saber, por exemplo, que actividades se desenrolam habitualmente nele, que tipo de uso a família faz dele, quais os costumes dos moradores, que necessidades físicas existem e quais são as prioridades funcionais é extremamente importante para o resultado final do projecto. Do uso que se faz de um espaço e das nossas necessidades nele, dependerão a grande parte das decisões práticas e decorativas que vamos tomar. Não devemos esquecer que uma casa bem decorada, mas que não seja prática e funcional, mais não é do que uma habitação mal projectada e que não proporciona conforto ao dia-a-dia de quem lá vive, ou seja, um projecto falhado.

Definir gostos e afinidades

Podemos definir a decoração como um processo de criação de ambientes com recursos estéticos à medida de quem os habita ou frequenta. Para elaborar um projecto decorativo necessitamos de ter em conta questões relativas à nossa personalidade e desejos: como somos, o que esperamos do espaço, o que nos faz sentir bem, quais os nossos gostos pessoais, as nossas aspirações, os nossos passatempos e actividades, ou qualquer outra questão relacionada com o nosso modo único e pessoal de viver a vida. 

A decoração não trata apenas de elementos estéticos, tendo também como base o compromisso com a nossa qualidade de vida, o nosso bem estar, os nossos desejos e expectativas. Pergunte a si mesmo e a quem consigo vai partilhar o espaço que cores o inspiram, que objectos gostaria de ter, que estilo combina mais com a sua personalidade.

Se, por exemplo, quiser decorar um quarto deve-se questionar sempre: gostava de ter uma cama maior do que a actual? Gosta de ver televisão todas as noites? Espera compartilhar o quarto com alguém? Desta forma vai obter pistas muito importantes sobre o que realmente deseja para a sua casa ou para um espaço desta em particular.

O trabalho de casa

Terraços  por CID DELTA, SA
CID DELTA, SA

Terraza solarium

CID DELTA, SA

Não podíamos acabar este mini-curso sobre design de interiores sem lhe propor algumas tarefas. Seleccione um espaço da homify, analise o sua decoração interior, o seu desenho, a sua distribuição e o seu estilo e envie-nos os seus comentários sobre ele. Este será o seu primeiro exercício como decorador.

O que achou das dicas que lhe oferecemos? Ficou com alguma dúvida sobre o tema? Deixe as suas questões.
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!