Construir uma pérgola em nove etapas fáceis

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

A construção de uma pérgola no jardim é um desafio que exige habilidade, recursos logísticos, organizacionais e técnicos. No entanto, o trabalho, quando concluído, é, sem dúvida, uma fonte de orgulho e de satisfação. Se a superfície de uma pérgola, dentro da cidade, não ultrapassar os 25m² não é necessária uma licença de construção. Fora da cidade, o tamanho máximo para a construção de uma pérgola sem licença é de 35m². Normalmente, e mesmo tratando-se de um grande jardim, a estrutura não ultrapassa estas medidas. 

Para a erguer, necessita de determinados materiais e ferramentas e, já agora, de tempo livre e, claro, de entusiasmo em relação a esta coisa do bricolage. Se é uma ideia que lhe interessa, então não deixe de ler com atenção as nossas sugestões.

Onde construir a pérgola?

O local ideal para construir uma pérgola é numa zona do jardim tranquila, longe da rua e de ruídos incómodos, onde sinta que tem privacidade máxima. Num jardim com pérgola, é ela que se assume como núcleo e/ou elemento de destaque. Se puder, ornamente-a com videiras ou arbustos altos que lhe ofereçam sombra e a isolem do ruído. Se a pérgola ficar perto de casa, então escolha os mesmos materiais da casa para que os estilos se assemelhem e dialoguem entre si. Note que é uma construção de grandes dimensões pelo que se deve harmonizar com o contexto. Para uma casa moderna, pode optar por escolher uma pérgola também ela moderna, tipo cubo, plano e sem grandes adornos. Já para um estilo clássico, pode optar por um modelo de telhado com duas águas.

Material de construção

Jardim  por Ogrodowy Salon
Ogrodowy Salon

Pergola Tours

Ogrodowy Salon

Antes de mais, deve determinar o orçamento para a construção da sua cobertura Só depois pode definir o material já que a escolha deve ir ao encontro das suas possibilidades financeiras. A madeira é, normalmente, o material privilegiado. A madeira de pinheiro e de abeto é barata, mas instável. Há, porém, espécies nobres como o carvalho e o larício, menos utilizadas, mas com mais qualidade. Cada espécie de madeira requer protecção contra condições climatéricas adversas, doenças e pragas fúngicas. É, assim, essencial um acabamento protector com verniz ou impregnantes que penetram na madeira. Se escolher metal, como o ferro forjado, também deve oferecer-lhe um acabamento que o proteja contra a corrosão da pintura. Há, ainda, pérgolas em tijolo, cimento ou pedra, mais resistentes e úteis como área de armazenamento.

Ferramentas necessárias

Antes de se lançar nesta labuta, é necessário reunir as ferramentas que são necessárias durante a construção. Estas incluem: uma fita métrica, uma serra eléctrica, um berbequim, pregos, parafusos, porcas e dobradiças, chave de fendas, chave inglesa, martelos, um bom par de luvas, um simples bloco de notas e respectivo lápis, entre outras. Não precisa de materiais especializados caros. Os mais simples são suficientes.

A quantidade certa de madeira

Jardim  por Tabary Le Lay
Tabary Le Lay

Un CUBE dans mon jardin

Tabary Le Lay

A madeira deve ser de boa qualidade, bem isolada e sem defeitos. Para construir a sua pérgola deve, antes de mais, fazer um plano e calcular detalhes como a quantidade de madeira necessária para a sua construção. Calcule o comprimento das vigas para fazer a encomenda já com o corte adequado. Nas lojas de material de construção, este serviço é fornecido gratuitamente aquando da compra pelo que economiza dinheiro e tempo!

Construindo a fundação

Antes da construção, deve definir com precisão o local onde pretende erguer a sua cobertura. A maneira mais fácil de o fazer é colocar pinos no chão e conectá-los com barbante. Para dar estabilidade à construção, recomendamos que faça a fundação em cimento. Para dar apoio aos pilares de madeira, construa blocos de cimento com 5 cm de altura e com pinos metálicos de cerca de 15 cm prendem-se as toras de madeira.

A construção das paredes

Jardim  por homify
homify

Abri de jardin OUTZEN

homify

Depois de assentes as fundações, erga os postes que definam as arestas da sua pérgola. Se for quadrada, necessitará de quatro postes. Se for pentagonal, de cinco postes e assim sucessivamente. A distância entre eles, depende do tamanho da pérgola. O cimento utilizado nas fundações vai oferecer-lhes estabilidade. Agora que tem os seus postes, deverá colocar as vigas de amarração, suspensas na perpendicular entre eles. Este é um trabalho para duas ou mais pessoas. A distância entre elas depende do desenho da pérgola, em termos de tamanho, e se ela tem ou não janelas. A pérgola da imagem é um projecto da Extaze Outdoor.

Planeie a sua porta

Deve planear em que superfície pretende colocar a sua porta para a alinhar com as janelas e cortá-la à medida. Tome estas decisões criteriosamente. Ainda que seja um espaço de lazer, para usar ocasionalmente, deve ser funcional e confortável.

O telhado

Jardim  por Keir Townsend Ltd.
Keir Townsend Ltd.

Virginia Water

Keir Townsend Ltd.

Agora, o telhado. As pérgolas podem ter telhados de formatos diferentes. Os mais simples são os telhados planos, mas o acabamento não é tão impressionante como o telhado de duas águas. Os materiais comummente utilizados incluem a palha ou caniço, as telhas, as telhas de madeira e a ardósia. Lembre-se que se o material do telhado for pesado, a estrutura deve poder suportar o peso. Faça a sua matemática.

E, por fim, o piso

Jardim  por homify
homify

Abri de jardin KUBHOME

homify

Também o piso pode ser de vários materiais. Há o piso tipo deck, o piso em soalho, o piso em cerâmica, o piso em madeira, em cortiça, em pedra, entre outros. Tal como nas paredes, não se esqueça de um bom isolamento para poder usufruir em pleno da sua pérgola.

Eis as nossas sugestões. Como é evidente, estas ideias destinam-se a pessoas que percebem de bricolage e se acham capazes de fazer esta construção ...
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!