Todos em volta da mesa de jantar

Agata Alencoao Agata Alencoao
Loading admin actions …

É hábito português passar largas horas em torno da mesa de refeições, não é por acaso que temos aquele o velho ditado popular comida feita, companhia desfeita. Por termos tanto gosto em conviver à mesa e saborear longas refeições na companhia de quem mais gostamos, dedicamos este artigo às mesas de jantar. Sendo uma peça de mobiliário que ocupa uma área considerável, mostramos-lhe várias opções que pode ter em conta. Se acha que está na hora de mudar ou quer simplesmente estar a par das novas tendências, venha daí!

Quando a estrutura é o mais importante

Esta mesa foi claramente pensada para deixar ver a estrutura de madeira que a suporta. A nosso ver é uma opção muito interessante porque dá uma dinâmica diferente à sala uma vez que, a perspectiva que temos dela é diferente da que temos de um aparador ou armário. Um outro ponto a favor é que a base da sua mesa pode ser tudo aquilo que desejar, não há limites. Compre ou mande fazer uma base que seja do seu inteiro agrado,  coloque-lhe um tampo de vidro e voilá, terá uma mesa diferente das demais.

Mesas com muitos lugares

Salas de jantar ecléticas por t design

Na mesa que lhe mostramos há algo que lhe chame a atenção? A largura da mesa é bastante mais estreita do que é normal, se não atente na proximidade que os pratos têm entre si. Esta é uma opção a ter em conta se a sala onde a queremos pôr também for mais para o comprido, pois acaba por possibilitar que o espaço fique desafogado ainda que a refeição seja para muitos. A mesa branca com as cadeiras transparentes é uma opção decorativa muito bonita que vem precisamente reafirmar o que escrevemos acima, tornar o espaço livre e agradável.

Madeira e vidro

Apartamento Lumiar_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores: Salas de jantar minimalistas por Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores
Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Apartamento Lumiar_Reabilitação Arquitectura + Design Interiores

Tiago Patricio Rodrigues, Arquitectura e Interiores

Apresentamos-lhe agora uma mesa que conjuga de forma muito aprazível a madeira e o vidro. As mesas de vidro são uma opção muito válida quando queremos afirmar a mesa enquanto peça decorativa uma vez que, o vidro em si é sempre bastante atractivo. Com uma estrutura que a suporta pelos cantos é uma mesa muito simples que facilmente se adapta a qualquer tipo de decoração.

Aproveitar os espaços

A mesa que lhe mostramos agora é sem dúvida uma opção super inteligente no que diz respeito a aproveitar espaços. Antes de ser uma mesa é uma divisória que separa dois lados distintos: cozinha e sala de estar, sem que eles deixem de comunicar. Esta é uma solução sem dúvida muito prática, principalmente se estivermos a falar de áreas mais pequenas que acabam por ficar ganhar, claro que deixam de ser divisões independentes mas se tivermos em consideração que se tornam espaços muito mais desafogados e aprazíveis, talvez sejam a opção certa.

Mesa em concordância com a restante decoração

Ainda que  um plano recuado conseguimos ver perfeitamente a mesa que está no centro da sala. Não teremos qualquer dúvida em afirmar que esta mesa existe em concordância com o espaço, rompe com os tons verde-água e pastel que maioritariamente existem na sala e faz pandan com a mesa de bilhar que vemos em primeiro plano. Ter um ou mais elementos de cor forte que contrastem com as restantes cores do espaço é uma opção estética que resulta muito bem.

Mesas de pequenas dimensões

Nem todas as mesas de jantar têm de ser de grandes dimensões, podemos estar a procura de uma mesa para fazermos as refeições diárias e por isso mesmo colocamos aqui este exemplo, pode também ser considerada uma mesa de cozinha – já que tem vista para a cozinha – contudo, não deixa de ser uma mesa de jantar. Esta tem um pormenor relevante que é o facto de só ter duas pernas numa das extremidades, a extremidade oposta está pregada a um balcão. Em madeira e metal está é mais uma opção de bom gosto que não compromete. 

Mesas, cadeiras e bancos

Este é um set super minimalista que ganha força no seu todo. A opção de haver cadeiras individuais e um banco corrido é sem dúvida uma característica que torna este conjunto fora do vulgar. Na verdade é precisamente neste aspecto que a nossa atenção fica presa porque são as cadeiras e os bancos que nos fazem debruçar o olhar sobre a mesa. Há ideias fantásticas, não podemos negar!

Mesas de vidro compridas

Voltamos a apresentar-lhe uma mesa cujo tampo é de vidro e assenta numa estrutura maciça, mais discreta do que a primeira que lhe mostramos, um outro estilo, uma outra opção. Se prestar atenção esta é uma mesa bastante comprida que lhe permitirá usufruir das refeições em pleno entre amigos ou em família, ou por outro lado, ter um belo artigo de decoração na sua sala.

Mesas quadradas

Este é mais um formato pelo qual poderá optar na hora de escolher a sua mesa. Para um registo mais familiar, uma vez que normalmente este tipo de mesas permitem apenas que se sentem, confortavelmente, quatro pessoas. Esta é uma opção muito prática uma vez que a pode ter no centro da sua sala mas também a pode encostar a uma parede, no sentido de gannhar mais área na divisão.

Mesas redondas

As mesas redondas têm sempre duas grandes vantagens relativamente ao conforto à mesa: a primeira tem que ver com o facto de todos estarem à mesma distância do centro e por isso poderem aceder facilmente ao que desejam e a outra  tem que ver com o espaço individual de cada um, para aquelas pessoas que gostam de estar um bocadinho mais à larga é sempre importante. Há contudo um inconveniente, se quisermos ter uma mesa realmente grande, uma mesa redonda ocupa muito mais espaço do que uma mesa corrida. Nem tudo são vantagens, mas tudo são opções, faça as que melhor satisfazem as suas necessidades. 

Gostou das nossas sugestões?! Partilhe connosco as suas!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!