10 fantásticos papéis de parede!

sofiapega sofiapega
Loading admin actions …

Com o passar do tempo, o papel de parede tem vindo a juntar cada vez mais fãs. Não é difícil de aplicar, é rápido e muitas vezes dá um efeito muito mais giro que uma simples parede pintada. Basta um padrão, uma textura ou umas cores fortes e tudo se torna muito mais original e ganha imensa personalidade. Hoje mostramos 10 exemplos de papel de parede usados em salas e vamos falar-vos em como eles se enquadram o resto da decoração. Não se esqueça de nos dizer qual o seu preferido!

Riscas clássicas

Ainda no tema das riscas, estas têm muitas diferenças em relação às anteriores. Em primeiro lugar, não são riscas regulares, pois apresentam linhas de diferentes espessuras. Em segundo lugar, não têm tons neutros mas sim uma azul esverdeado ou verde azulado! E, por último, é um papel de parede muito mais clássico enquanto que o outro é mais moderno. Este enquadra-se perfeitamente com o estilo e cor das cadeiras e candeeiros.

Riscas modernas

Paredes  por Dekoori
Dekoori

Tapeta w pasy poziome biało-czarna

Dekoori

Vamos começar por um papel de parede preto e branco às riscas. O facto de serem riscas horizontais torna o espaço maior pois aparentemente aumenta o comprimento da parede. De facto, se as riscas fossem verticais o efeito não seria o mesmo. O que pareceria maior seria o pé direito, ou seja, a altura da parede. Este papel de parede está inserido numa sala de estar com tons neutros, em que praticamente tudo é branco com excepção do tapete animalesco que tem tons de preto também.

Neutro

Agora não numa sala de estar mas sim numa sala de jantar. O atelier Laura Yerpes Estudo de Interiorismo aposto em cores muito clarinhas, branco e bege. O papel de parede tem um padrão com curvas que por serem cinzentas clarinhas sobre fundo branco ficam muito soft e não se destacam excessivamente. A mesa de jantar, as cadeiras e o tapete, que completa toda a decoração, estão em plena harmonia com o papel de parede que, apesar de simples, dá muito mais personalidade à divisão do que se tivesse apenas paredes brancas.

Divertido

Parede e piso  por MUES design
MUES design

Papier peint Geoffroy – Collection POLO

MUES design

Um pouco mais arriscado mas super divertido! Um papel de parede com palmeiras pequeninas! Não aconselharia a que este papel de parede fosse usado numa parede muito grande mas fica muito engraçado usado numa parede mais pequena, como detalhe da divisão. O facto das palmeiras serem pretas e o fundo do papel de parede branco, permite que seja mais fácil integrá-lo no resto da decoração.

Com padrão

EXPOSIÇÃO CASAVIANA 2012: Salas de estar modernas por ROSA PURA HOME STORE
ROSA PURA HOME STORE

EXPOSIÇÃO CASAVIANA 2012

ROSA PURA HOME STORE

Este papel de parede com tons amarelados ganha ainda mais destaque por fazer parte da parede da lareira. Não só o padrão chama a atenção, como a luz do fogo conjugada com as cores do papel de parede. Também apresenta tons arroxeados, que são complementados com as flores roxas e as peças de decoração que se vêem acima.

Tom de madeira

Simples e eficaz! Quase como se imitasse madeira, este papel de parede com um tom bege é muito fácil de conjugar com pequenos apontamentos de cores mais vivas. Como se vê neste projecto de Stoc Casa Interiores, utilizaram este papel de parede e complementaram com almofadas verdes e azuis e um candeeiro com tom semelhante. Para completar a parede, e não ficar apenas uma parede tão grande com um papel de parede simples bege, colocaram um espelho grande na horizontal, que ajuda sempre a que a divisão pareça maior.

Cores vivas

Ainda do mesmo atelier, neste projecto as cores invertem-se! É o azul que passa para o papel de parede e os detalhes do mobiliário são brancos e simples. Se observarmos cuidadosamente, o papel de parede apresenta uma certa textura que cria linhas muito fininhas, para que não parecesse uma mera parede pintada de azul. O tom acinzentado do chão adequa-se muito bem também.

Arriscado mas perfeito

Talvez o exemplo mais elaborado de todos. Não é qualquer um que arrisca decorar uma sala assim, mas há pessoas que acertam em cheio! Este excelente projecto da Catarina Batista mostra como misturar vários estilos, materiais, cores e padrões pode resultar muito bem deste que feito da maneira certa. O papel de parede tem cores muito neutras porque, se fosse com cores vivas e se chama-se muito à atenção, não seria possível misturar tantas coisas diferentes no mesmo espaço. Neste caso misturam-se peças mais clássicas, como as cadeiras com moldura dourada e o candeeiro, e peças mais modernas como as almofadas e o papel de parede. Sobre o papel de parede está pendurado um fantástico espelho, que serve de elemento decorativo.

Com textura

Este é um papel de parede muito texturado e é provavelmente o projecto mais moderno que mostramos. Cinzento escuro, combina na perfeição com os tons de cinzento, castanho, amarelo e dourado presentes na divisão. O que dá impacto a este papel de parede, para além da textura, é o facto de ter sido usado numa superfície muito longa. O que torna esta sala muito interessante é a mistura dos diferentes matérias, desde a alcatifa à pele dos sofás, ao tecido das almofadas, ao alumínio dos candeeiros, até chegarmos ao papel de parede. Esta sala de estar está separa da cozinha e zona de comer por uma “parede” transferente que é uma autêntica obra de arte!

Clássico e metalizado

O mais clássico e antiquado de todos. Este papel de parede com cornucópias meio metalizado é perfeito para uma sala que se pretenda que tenha um estilo mais clássico. Nesta sala, o facto de ter um chão de madeira muito escura, pedia um papel de parede mais claro e, visto que este é metalizado, acaba por “reflectir” a luz natural que incide sobre ele. O mesmo acontece com a luz artificial, como se verifica na esquina em que está o candeeiro.

Qual destes dez papéis de parede escolheria? Diga-nos nos comentários!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!