Misteriosa habitação no meio das montanhas

Catarina Rodrigues – Homify Catarina Rodrigues – Homify
Google+
Loading admin actions …

É em Lustenau, numa calma vila situada no estado austríaco de Vorarlberg no distrito de Dornbirn, que se localiza a habitação uni-familiar que lhe iremos mostrar hoje.

Esta habitação destaca-se pela sua linguagem arquitectónica e de design extremamente clean, e pela utilização de materiais diversos como o betão, o vidro e o cobre. Na fachada conseguimos percepcionar uma clara separação entre o bloco principal e um outro lateral, que está subentendida, na óbvia e clara diferença de materialidade.  A área útil é de 290 metros quadrados e a área construída de 360 metros
quadrados. O volume total de construção, 929 metros cúbicos.

Este projecto do atelier Früh Architekturbüro ZT GmbH, teve início em Janeiro de 2005, sendo a sua construção iniciada imediatamente no Outono de 2005. A conclusão da construção desta habitação, remete-nos ao final do ano de 2006; podemos assim concluir, que todo o processo, desde a fase de concepção até à efectiva construção, foi conseguido num curto espaço de tempo. E o resultado? Fantástico!

Ficou curioso para ver os interiores desta habitação?

A fachada principal!

Esta é a fachada principal desta habitação moderna. É nas linhas rectas, que o design moderno se afirma, contudo, o contraste com a vegetação envolvente não é escondido, pois esta casa afirma-se por si só! Destacamos as caixilharias pretas e os grandes vãos, que contrastam com o branco utilizado no exterior.

Ao abrir-se, o portão de cobre, revela a zona da garagem da habitação!

O jardim tardoz

E agora damos uma volta de 180º e vamos para o jardim tardoz, onde se encontra a zona da piscina. É de uma forma única e até divertida que este edifício se apresenta, abrindo praticamente todas as divisões da casa para este jardim.

O nosso destaque vai precisamente para o volume de cobre perfurado, garantindo no seu interior, uma iluminação natural difusa, durante o dia, e uma interactiva e distinta, durante a noite. Este volume brilhante, contraria a forma rigorosa e metódica dos restantes volumes, estando estes principalmente revestidos com vidro.

Os vãos, seguidos e abertos desde o chão até ao tecto, acentuam a horizontalidade plana do conjunto geral, fazendo uma suave transição entre o espaço interior/exterior.

Um espaço para relaxar

É neste jardim que os habitantes desta casa poderão desfrutar de um autêntico lugar perfeito para descontrair, apanhar sol ou até banharem-se nesta piscina. É interessante observar como os volumes se intersectam criando um jogo volumétrico distinto, no qual a diferença dos pés-direitos, também é visível no exterior.

No interior

Esta é a zona de estar do piso térreo. Uma abordagem ao estilo open-space conforma todo este espaço, que se encontra apenas dividido por uma lareira moderna central. Esta lareira funciona não só, enquanto objecto de aquecimento mas também, enquanto divisória espacial distinta! A forma da lareira moderna, adapta-se à restante linguagem do espaço, assumindo uma presença extremamente pura no lugar.

Toda esta zona encontra-se orientada para sul, neste sentido, este bloco, que alberga também os quartos num piso superior, beneficia de uma iluminação natural imensa e brilhante! Também o pavimento, cuidadosamente revestido com pedra polida, amplia e reflecte toda a iluminação abundante desta sala.

A sala de jantar

Precisamente por trás da lareira moderna que acima observámos, situa-se a sala de jantar onde uma longa mesa rectangular surge alinhada com oito cadeiras brancas. 

É interessante vermos como os arquitectos optaram por não utilizar nenhuma cor neste projecto. Recorreram apenas a materiais que se distinguem pela sua intemporalidade, como é o caso da madeira. Um móvel alto de madeira, serve de divisão entre a zona de jantar e de estar, oferecendo também, aos moradores, bastante espaço de arrumação com o objectivo de complementar o estilo minimalista.

A escadaria minimalista

E como já temos vindo a comprovar com outros projecto igualmente fantásticos, o que os torna especiais é precisamente a capacidade de não esquecer áreas menos vividas da casa, como é o caso dos lugares de passagem. Esta escadaria, orientada para Norte, poderia sofrer de falta de iluminação, mas através dum grande vão com duplo pé-direito, este espaço é amplamente iluminado e brilhante.

O forte contraste este os materiais escuros, como a madeira, e o espaço branco minimalista, animam toda esta zona de transição entre alturas.

Na cozinha

Localizada no mesmo volume do que a sala de estar e jantar, surge a cozinha. Um espaço essencialmente marcado pelo branco, pela madeira e pelas linhas rectas funcionais, minimalistas e modernas. O branco garante um design limpo e contemporâneo, ao mesmo tempo que reflecte brilho e luz por todo o espaço envolvente.

Gostaria de ver outros exemplos de cozinhas modernas? Confira aqui, cada cozinha uma alma!

Do balcão para o exterior!

Terminamos este artigo com uma vista do balcão da cozinha para o volume de cobre, para o qual a cozinha se abre. Podemos ver que este volume, serve essencialmente, enquanto complemento da cozinha (um terraço ao ar livre ideal para fazer fazer refeições no exterior) ou poderá também servir de apoio à zona da piscina, com uma zona exterior molhada.

Os quartos estão localizados no primeiro andar desta habitação uni-familiar, e o estilo do piso superior segue as mesmas linhas estéticas dos restantes: minimalistas, brilhantes e bastante iluminados! Deliberadamente os pés-direitos mais baixos são os  das áreas de passagem ou transição.

O que achou deste fantástico projecto de Arquitectura?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!