10 casas que usam madeira

Miguel Guimarães Miguel Guimarães
Loading admin actions …

Em casa ou no trabalho, a madeira é um material de eleição pela sua durabilidade e resistência. Com um desenho inteligente, poderemos criar vários efeitos e ambientes atractivos com esse material. Intemporal e elegante, o uso da madeira aumentou nos últimos tempos, em vários sectores da indústria criativa. Tal facto não nos surpreende, pois este material é de facto eficiente, possibilitando ambientes aconchegantes, minimizando sons e odores pela habitação. 

A madeira é naturalmente protectora, aconchegante, forte e distintiva. Não admira portanto que a construção em madeira seja algo que nunca passa de moda. Intemporalidade e carisma são precisamente os dois substantivos que caracterizam as habitações que lhe mostramos a seguir.  Esta semana na Homify exploramos os arquitectos e designers portugueses que preferem a madeira para criar exteriores e/ou interiores cheios de personalidade. Se é fã deste material fique connosco e conheça os projectos inesquecíveis que vai desejar descobrir ao vivo.

Fachadas modernas

Uma das características mais populares acerca do uso da madeira como material principal vem do facto deste material ser um excelente isolante acústico e térmico, cujos sistemas construtivos conhecidos são eficientes, quer nas estruturas internas e externas da habitação. Por exemplo, as casas de madeira pré-fabricadas poderão ser assim uma forma rápida de se conseguir uma construção num curto espaço de tempo. Desta forma, estas casas são muito quentes no inverno e muito frescas no verão.

Rústico

José Adrião e a sua equipa de arquitectos assinam este projecto num edifício pombalino, situado na histórica Rua dos Fanqueiros, em Lisboa. A herança de um tecto em saia foi exemplarmente tratada e transformada num elemento importante nesta sala. Uma conservação que respeita o antigo e a madeira, o mesmo material nobre que reveste o chão e os caixilhos das janelas. Prémio de interiorismo nos prémios FAD 2012, os importantes galardões de arquitectura da Peninsula Ibérica.

Cores que inspiram

No norte de Portugal, mais precisamente em Aveiro, os antigos palheiros eram usados para guardar os materiais de pesca, mas a tendência tem sido reconvertê-los em habitações. A GAAPE Arquitectura assina este projecto para uma academia, onde a manutenção da madeira é, mais do que uma opção estética, um sinal de respeito pela tradição, que se reinventa na decisão cromática.

Formas e geometrias

As habitações tradicionalmente construídas em madeira, associam-se à imagem de natureza e durabilidade ao longo do tempo. No entanto existem excepções à tradição e no mundo actual são cada vez mais as novidades neste campo. O uso de novos materiais ou tecnologia são uma novidade e que simplificam a vida de quem a habita.   No entanto, a ideia de usar madeira nunca se perde e mantém-se assim o espírito que nos liga à natureza do local.

No meio da natureza

Este projecto de Márcio Kogan é pensado para se interligar com a natureza envolvente. O conceito subjacente a este projecto pode ser descrito numa só imagem: um volume longitudinal com grandes portas de vidro deslizantes que sustentam uma caixa de madeira delimitada por lajes de betão. O volume engloba um programa colectivo com sala, serviços e cozinha. A simplicidade conceptual e o programa da casa fundem numa igual estrutura simplificada. Abrindo as portas de vidro do piso térreo, todo esse espaço se torna aberto e fundido com o jardim.

Minimalismo no seu quarto

O projecto das Three Snake Houses foi elaborado em paralelo com o projecto global encomendado para o Pedras Salgadas, Spa and Nature Park, resultando num desafiante projecto que tinha como ideia subjacente a criação de um objecto que pudesse recriar o imaginário das casas nas árvores. O design característico associado ás ardósias e a madeira na base, sugerem a ideia de uma cobra deslizando entre as árvores. Quase como um animal selvagem no seu habitat natural, as casas aparecem repentinamente no campo visual do observador, ligando-se com a natureza envolvente, estabelecendo ao mesmo tempo uma relação coerente e a simbiose perfeita entre as casas e o parque.

Interior que seduz

Parede e piso  por Admonter Holzindustrie AG
Admonter Holzindustrie AG

Admonter im Falkensteiner Hotel Schladming

Admonter Holzindustrie AG

A sua superfície mesclada por tons acastanhados e por vezes amarelados, representam toda a vivacidade e identidade deste material. Para criar uma singularidade e uma estética visual personalizada, procure nos elementos inerentes à Natureza, as respostas à decoração do seu lar. O uso da madeira nas paredes como material principal, garante um conforto ergonómico, uma resistência e uma durabilidade elevada tal como  uma qualidade espacial única.

Materiais e cores

Inserida num local montanhoso, encontramos esta casa camuflada e misturada no meio da natureza e conta ainda com um amplo jardim exterior. Do ponto de vista construtivo, esta casa tem um design ecológico e climático: ela é construída com uma estrutura de madeira, isolamento natural, tintas e vernizes minerais que proporcionam uma elevada eficiência energética.

Uma excelente maneira de viver próximo de um futuro mais ecológico!

Dentro do nosso bungalow

Casas de banho rústicas por Ardesia Design
Ardesia Design

Chalet Gstaad

Ardesia Design

A sua superfície mesclada por tons acastanhados e por vezes amarelados, representam toda a vivacidade e identidade da natureza envolvente. Para criar uma singularidade e uma estética visual personalizada, procure nos elementos inerentes à natureza, as respostas à decoração da sua habitação. O uso da madeira como material principal garante um conforto ergonómico, uma resistência e uma durabilidade elevada tal como  uma qualidade espacial única.  No entanto, não descarte o uso de outros materiais na decoração de cada espaço , tais como tecidos ou vidros, que criam diferentes ambientes no interior da sua pequena cabana.

Na casa de banho

Neste caso a madeira reveste quase toda a casa de banho, com excepção das zonas onde a água pode chegar. Uma solução inteligente e funcional para quem gosta de preservar a autenticidade e o charme deste material, sem por em risco a sua degradação a longo prazo. Outro pormenor interessante: a estante sem portas, a imitar um hábito rural. Para além de ser uma excelente forma de dar o seu toque pessoal, outro elemento que dá um toque rústico a um compartimento é a aplicação de mosaicos hidráulicos, seja no piso, nas paredes, ou numa pequena área da divisão.

Interessou-lhe o nosso artigo de hoje? Deixe a sua opinião na secção de comentários!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!