De casa em más condições a vivenda com encanto rural!

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

Una casa reabilitada transmite, na opinião de muitos, uma sensação de lar muito mais intensa que uma vivenda nova e moderna, em que a sua explicação não é tão simples e óbvia assim. As casas centenárias conservam um carácter duplo intrínseco: por um lado são testemunhos valiosos de um mundo em que se vivia e se construía de maneira diferente e por outro, são lugares muito mais aptos para a vida moderna e que podem resolver todas as necessidades actuais.

O lema de Fernando García Molino, o arquitecto da FGM Arquitecto é ’vida nova para as casas velhas’. E com a ajuda dos proprietários, procedeu-se à reabilitação deste edifício em Chelva, Valência.

Antes: a fachada abandonada

  por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -01

FGMarquitecto

Depois de permanecer desabitada durante algum tempo, esta casa em Arrabal de Chelva encontrava-se em muito más condições.

Os muros encontravam-se danificados pela humidade e as vigas de madeira estavam podres em algumas partes, por isso existiam uma grande necessidade em reforçar a estrutura.

Depois: a fachada restaurada

Casas rústicas por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -04

FGMarquitecto

nova fachada é uma perfeita introdução para a mudança que existiu no interior. Tal e qual como vemos na fotografia de Ben Lustenhouwer, o branco foi eleito como a cor principal, e com muito gosto, foi combinado com um azul lilás em molduras à volta de portas e janelas.

Uma das aberturas foi ampliada o que ajudará à iluminação natural dentro da habitação.

Antes: a cozinha

  por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -03

FGMarquitecto

Nesta imagem é possível perceber o estado da cozinha antes da reforma e perceber-se claramente que a vivenda há bastante tempo que não era habitada.

Atras do revestimentos das paredes é visivel uma estrutura sólida e ainda um grande potencial que nas fotos seguintes perceberá como foi bem aproveitado.

Depois: a cozinha

Cozinhas rústicas por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -08

FGMarquitecto

A mudança na cozinha foi impressionante! Os móveis da zona de preparação de comida foram recuperados tal como a janelas e são eles próprios que transmitem um toque rústico a esta casa. 

Não esquecendo é claro, as grandes vigas de madeira no tecto também se mantiveram presentes e as mesmas reforçam mais ainda este estilo. À direita, as escadas foram renovadas mas ainda mantêm a sua essencia original.

Depois: uma sala de leitura

Salas de estar rústicas por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -07

FGMarquitecto

Os proprietários da vivenda fizeram parte integrante na reforma e apostaram grande parte da sua força e trabalho na evolução construtiva da mesma. Esta zona com tecto ondulado e vigas de madeira à vista, conseguem ser os responsáveis por um sentimento de conforto interior, propicio a tardes de leitura e paz, muita paz.

Depois: o quarto

Quartos rústicos por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -11

FGMarquitecto

Quem é que já se surpreendeu em como as casas de cimento ou pedra são frescas durante o verão e no inverno com uma boa lareira se conseguem interiores bem confortáveis?

Esta habitação tem agora todas as características para manter uma boa condições climatérica nos interiores apesar da construção ser a original e apenas ter existido uma manutenção económica e certeira. É portanto, uma arquitectura muito eficaz e com soluções muito válidas do ponto de vista ecológico e de eficiência energética.

A janela deixa entrar luz natural e a parede de cabeceira de cama não ser até ao tecto, reforça a sensação de união de todos os espaços.

Antes: a cobertura do tecto

  por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -02

FGMarquitecto

Como é fácil comprovar, o telhado e a cobertura do mesmo estava péssima e a implorar por uma intervenção rápida e urgente. Entrava chuva no interior devido à falta de um revestimento de cobertura correcto. Nas paredes zonas irregulares mostravam a idade e o avançado estado de degradação.

Depois: um quarto nas alturas/mezzanine

Salas de estar rústicas por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -12

FGMarquitecto

altíssimo pé direito existente na habitação podia e devia ser aproveitado da melhor maneira. Assim sendo, esta zona foi toda remodelada em grande escala. O tecto é agora muito idêntico ao anterior, mas agora encontra-se em bom estado. Na janela foram mantidas bem visíveis as vigas em madeira. As paredes foram tratadas e agora apresentam  um acabamento liso e limpo. O toque rústico continua sempre muito presente, ou não fossem as vigas e as superfícies em madeira terem sido remodeladas e mantidas com todo o seu poder construtivo e estético.

Depois: um cantinho especial

Salas de estar rústicas por FGMarquitecto
FGMarquitecto

La casa de Karen -12

FGMarquitecto

Neste andar junto ao telhado, o acesso é feito por umas escadas estreitas e aqui é o local perfeito para relaxar, seja num noite de verão ou de inverno. O lado oposto ao quarto é uma sala com pouco mobiliário em que a lareira/recuperador de calor é o centro das atenções.

Deste lado, as paredes foram deixadas mais irregulares, reforçando com toda a franqueza o passado do edifício. Numa reentrância na parede foi colocada uma grinalda de lâmpadas dando um efeito especial e bem mais contemporâneo.

Que achou deste projecto? Deixe-nos a sua opinião!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!