Design de varandas pequenas

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

O Verão encontra-se em pleno, os dias longos e as temperaturas fazem transpirar e ansiar pelo dia seguinte. Querem-se dias ao sol, na praia, no jardim, alturas à sombra outras simplesmente de baixo dos raios solares. Todas as soluções são viáveis e apenas é necessário ter consciência e proteger-se nas horas de maior calor. Hidratar-se durante todo o dia irá fazê-lo sentir-se melhor fisicamente. Ao final do dia, ou em dias de muito calor durante a semana em que o tempo corre contra relógio nem sempre é possível ir ver o mar ou comer um gelado numa esplanada, por isso, inspire-se no artigo de hoje e arranje a sua pequena varanda!

Varandas em todas as estações!

Varandas pequenas é o tema de hoje e como deve ser o género de varanda que mais existe, queremos dar-lhe as melhores dicas para as deixar confortáveis e funcionais o ano todo. Dicas para as noites geladas de Inverno ou ainda para a tórridas noites de Verão! Existem técnicas, materiais e mobiliário que conseguem transformar por completo o espaço e deixá-lo mais apelativo independentemente da estação do ano!

Por norma o revestimento das varandas são cerâmicos que devem pouco à beleza, uma vez que todas as varandas do prédio foram aplicadas com o mesmo e por norma é sempre um pouco à base do mesmo.

Se não gostar e o achar desconfortável ou até inestético opte por colocar uma carpete que tape todo o espaço ou apenas parcialmente. Primavera e Verão pedem tecidos frescos e naturais e as peles e lã ficam para outras alturas. Numa varanda pequena e se simplesmente quer aproveita a vista, nada melhor que apenas colocar um conjunto de cadeiras ou poltronas e algumas flores. Aposte em cor nos tecidos e coloque velas!

Varanda que virou marquise

Terraços  por Lo. interiores

Existem apartamentos sem a sorte de terem varanda ou na realidade um espaço ao ar livre, mas existem sempre maneiras de contornar a situação! Existe ainda quem tenha varanda e opte por fechá-la com o sistema de vidros e superfícies transparentes, tipo marquise. Na nossa opinião preferimos sem dúvida as varandas! São mais exterior do que as marquises e consegue-se ter sol directo, já para não falar que exteriormente, a fachada do prédio fica com ar de remendo, já que alguns proprietários adirem e outros não.

Neste exemplo aconteceu isso mesmo! A varanda foi transformada em marquise com a colocação de janelas de correr e pavimento revestido a deck de madeira. Um sofá de verga e almofadas confortáveis fizeram o resto.

Com vista de cor a respiração!

De maior escala do que as anteriores e com melhor vista também, este varanda foi aproveitada ao máximo e aqui consegue-se desde apreciar a vista, a beber um refresco ou simplesmente fazer uma refeição!

O pôr do sol deixa o céu com um misto de cores e a varanda foi preenchida com mobiliário leve e moderno. Uma churrasqueira apoia esta zona e permite a qualquer hora colocar algo na brasa!

A mesa totalmente em vidro ou acrílico aumenta visualmente a zona e a vista sobre a cidade. Os bancos de lata azul turquesa dão a cor ao espaço e ainda são bastante funcionais e móveis!

Leve e versátil

Numa estreita e pequena varanda deverá aumentá-la visualmente o mais possível. para isso técnicas como pavimento igual em todo o piso, espelhos grandes colocados nas paredes laterais ou paredes verdes aumentam significativamente o espaço. Não abuse na quantidade de mobiliário já que depois será difícil mexer-se no pequeno espaço.

Aposte em cadeiras e mesas leves e de fácil manuseamento, pois só assim conseguirá mudar com facilidade o aspecto da varanda consoante a sua disposição.

Varanda de cidade

Se a sua varanda for mesmo estreita e se lamentar intermediário que tem muita pena que ela assim seja, faça algo que se orgulhe e que venha a usar muito!

Olhe como esta varanda ficou inteligentemente projectada. Com pouco mais de 1.50 m de largura, esta varanda foi aproveitada claramente da melhor maneira possível. Uma zona de banco em madeira ladeou todo espaço e tornou possível sentar a toda à volta. Fazer uma refeição rápida ao ar livre é agora possível nesta varanda de cidade. As almofadas confortam as costas e aumentam a sensação de comodidade no espaço.

Uma rede de descanso

Dá valor à leitura e adora uma bela tarde à sombra numa esplanada ou de baixo de uma árvore no parque mais próximo de si? Que tal comprar uma rede de descanso e aplicá-la na sua varanda? Visto só precisar de ganchos na parede, poderá colocar e retirar sempre que desejar e sem esforço nenhum. Em noites muitos quentes poderá ser na realidade a cama ideal. Eu já me estou a imaginar a dormir uma sesta depois do almoço, lembrando a minha infância mais agitada em que a rede era só para balançar e baloiçar a grandes velocidades.

A luz de Lisboa

Double bedroom marquise: Terraços  por Home Staging Factory
Home Staging Factory

Double bedroom marquise

Home Staging Factory

Um exemplo português, que apesar de não ser uma varanda quase faz jus ao nome. A zona é super iluminada e as janelas podem ser abertas. A mesa em madeira e as duas cadeiras possibilitam horas na zona fresca deste apartamento e aproveitar a vantajosa luz de Lisboa e a vista sobre os telhados da cidade das 7 colinas. O pavimento em cerâmica hidráulica de estampado interessante é o responsável por esta viagem rápida ao passado.

Precisa de mais ideias para varandas e terraços? Veja este artigo!

Que achou das nossas dicas? Deixe-nos um comentário!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!