Antes e depois: celeiro convertido em habitação especial

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

O projecto que estamos prestes a apresentar faz parte da nossa secção de Antes e Depois e de certeza que o irá seduzir! Um simples olhar sob a primeira foto é suficiente para dar livre curso à sua imaginação! Hansel e Gretel? Os Três Porquinhos? Uma casa de hobbit? De maneira alguma! Consegue adivinhar onde vamos?  Nós dizemos… Reino Unido.

Foi nesta antiga quinta do século 17, que o seu proprietário decidiu transformar esta pequena estrutura em um estúdio e espaço especifico para exposições de artistas conceituados. O gabinete que foi capaz de um resultado é simplesmente impressionante foi, Modal Architecture. A identidade secular do edifício original foi mantida, enquanto habilmente foi redesenhado o interior. Criou-se uma atmosfera muito especial sem perder de vista um dos principais objectivos…

Curioso? As imagens falam por si! 

Antes: um celeiro cheio de potencial

Aqui está uma visão geral do pequeno celeiro que sofreu uma intervenção enorme, especialmente ao nível dos interiores. A persistência da pedra será mantida, maioritariamente devido às tempestades do oeste, por ser um material resistente e de características isoladoras. Com base na perfeita vegetação que o rodeava, era óbvio manter tanto quanto possível a aparência exterior do edifício. 

No entanto, algumas mudanças foram feitas, como a criação de uma abertura maior na fachada, cujo trabalho foi realizado por artesãos locais – os mais conceituados para trabalhar com este tipo de material.  

Vamos dar uma olhada no interior?

Antes: a destruição

Esta fotografia mostra-nos o estado em que os especialistas encontraram o lugar. À esquerda, ainda era possível observar a manjedoura ou uma prateleira alta onde os camponeses/ agricultores colocavam o feno para alimentar os animais. 

A madeira aparece aplicada em toda à parte, desde vigas, a tábuas e a móveis. O espaço estava bastante degradado e um enorme trabalho de reabilitação era esperado, começando com o reforço da estrutura e do isolamento e posteriormente a um novo pavimento. Seria uma intervenção quase a 100%.

Depois: wow!

A metamorfose é impressionante e em nada se parece ou faz lembrar com o passado. O trabalho realizado pelos profissionais foi gigantesco. Comparando uma imagem e outra, podemos comprovar que apenas as vigas em madeira do tecto foram mantidas e agora encontram-se pintadas de branco.

O piso foi revestido a cimento auto-nivelado e as paredes e tecto caiadas de branco, aumentando a sensação de espaço e brilho interior. A madeira que agora aparece aplicada é em contraplacado e ocupa toda uma área de parede, contendo arrumação interior e fazendo parte da zona da cozinha. A multiplicidade de armazenamento é uma mais valia, visto a casa não ser de grande dimensões. O desenho em estrela, esculpido nas portas permite a abertura das mesmas sem a necessidade da colocação de puxadores ou maçanetas.

Pela janela é possível ver a parede e a pedra que compõe a estrutura e o revestimento exterior e verificar a largura da mesma.

Depois: Arte como paixão!

Na imagem vemos uma prensa de gravação, uma das ferramentas essenciais no trabalho de artista do proprietário – a sua grande paixão.

 A sua presença enfatiza o lado artístico que se queria presente deste inicio. O contraste coexiste no mesmo espaço, ora atente: interior de linhas limpas e contemporâneas e porta original do celeiro, que foi preservada como sendo um tributo ao passado!

Depois: uma perspectiva diferente

O escritório de canto tem uma fantástica perspectiva sob a zona arborizada do exterior. Mais uma vez, sabia-se que era importante valorizar o vista para a natureza impulsionando a luz natural para os interiores. Assim sendo, a zona de trabalho ficou valorizada e tem o formato de L. A prateleira possibilita a colocação de obras de arte em exposição acentuando o culto à arte.

A cadeira de baloiço em madeira preta é o local ideal para umas horas de leitura e ainda o local correcto para apreciar as obras colocadas na prateleira.

Depois: À noite

A imagem exterior foi completamente mantida e apenas se percebe de tamanha intervenção devido aos novos vãos colocados e à fantástica luz interior que convida os transeuntes a espreitar.

As várias aberturas são o suficiente para perceber com um viste olhar, que os interiores são modernos e atractivos e em nada de parecem com a estrutura e arquitectura exterior. Pode-se mesmo concluir que a carapaça foi deixada e todo o interior foi modificado e alterado, satisfazendo as necessidades no novo proprietário. Agora o espaço tem a sua própria identidade – é contemporâneo e serve a arte!

No mesmo espírito, recomendamos a leitura deste livro de ideias:

Antes e depois: espetacular transformação de celeiro

Que achou desta remodelação?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!