Antes e depois: do antigo ao estilo escandinavo

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

Edifícios antigos, abandonados e negligenciados contêm muitas vezes um enorme potencial encoberto e quando remodelados é possível obter novos espaços, com amplos interiores de atmosferas únicas.

Tal como aconteceu no edifício de metamorfose incomum que vamos mostrar hoje. Em conjunto com os edifícios adjacentes, este edifício tornou-se o objecto de transformação. O gabinete Loft Szczecin (originário da Polónia) foi o autor de tamanha transformação e os mesmos são os responsáveis por diversas mudanças e alterações de espaços incomuns e especiais.

Prepare-se e veja os fenomenais resultados que foram conseguidos!

Antes: ferraria mais de 100 anos de idade

O edifício antes da renovação estava como a imagem revela – a necessitar de um grande e rápida intervenção. Tinha sido autrora uma fábrica e agora a ideia seria ser tranformada em habitação. A sua fachada exterior não era nada apelativa e devia muito à beleza. Os tijolos apareciam já por trás do gesso das paredes junto às janelas e portas e era este aspecto que caracterizava o seu layout – sombrio e de aspecto industrial.

Depois: casa de encanto único

Após a renovação, o edifício assumiu uma nova vida. Fachada renovada, paredes pintadas de branco foram as responsáveis pelo seu novo ar fresco. Além disso, foram criadas mais aberturas de janelas e portas, aumentando a ligação para o exterior e injectando mais luz natural no interior.

Antes: construção crua

A velha arquitectura estava escondida num monte de elementos estruturais que tornaram o edifício único e cheio de potencial para uma possível intervenção.

Portanto, o arquitecto decidiu mante-los, tornando-os na base para a construção da nova casa. Um deles era o pátio, localizado entre os prédios da antiga fábrica.

Depois: paáio

As zonas exteriores encontravam-se negligenciadas mas o pátio depois da remodelação apareceu como um lugar fantástico para passar noites quentes de Verão, desfrutando da paz e da tranquilidade. Foi criado aqui um verdadeiro oásis de relaxamento, composto apenas pelo piso de madeira e pela vegetação. A luz filtrada através das grandes janelas e portas de correr, banham este espaço com um brilho subtil numa noite escura.

Antes: gruzowisko

O espaço que olhamos nesta imagem é difícil de identificar – um jardim, um pátio, um aterro? 

Cercado por paredes, este espaço com terra não estava a ser devidamente utilizado, pois encontrava-se degradado e cheio de lixo, mas a transformação final é arrebatadora!

Depois: jardim secreto

Estranhamente, como adorável está agora em ruínas no início deste espaço! Branco, verde e madeira são a combinação perfeita, dando-nos uma antecipação do clima escandinavo, que encontramos no interior da casa. Pranchas branqueados no terreno, bem como o transporte porta distintivo nos para um outro mundo, como o romance O Jardim Secreto. Este lugar é ideal não só para relaxar, mas também para trabalhar nas flores do jardim, horta ou plantar.

Depois: os interiores

Depois da intervenção os interiores ficaram banhados de muita luz natural o que reforçou e intensificou o brilho interior. As paredes brancas foram pintadas com tintas laváveis de carácter ecológico, oferecendo um cenário perfeito para organização deste espaço amplo e aberto. Ganhando não só pela combinação de diferentes áreas num mesmo espaço, mas também por se abrir para o segundo andar. Através das grandes janelas ficou garantida toda a  iluminação interior adequada e suficiente durante todo o ano.

Depois: a sala de estar

O elemento central da sala de estar é um poste/pilar de metal, que faz lembrar a idade e a história do edifício que outrora foi ocupado por uma fábrica. Sofreu de uma ligeira remodelação, tendo sido inteiramente pintado de branco. Não é apenas de efeito decorativo, mas também funcional, dividindo o interior em áreas com características diferentes e ainda ajudar a suster o piso superior.

De um lado, a zona de jantar para os hóspedes e do outro a sala de estar com sofá, mesa de café e TV. Deste lado também o tecto original em madeira foi mantido, introduzindo mais uma vez uma atmosfera única e especial. Assim, se tiver atento será capaz de ver diferentes materiais aplicados nas paredes, quebrando o branco monocromático e introduzindo contrastes. Repare no chão em madeira antiga em oposição aos armários de acabamento liso e brilhante.

Depois: o mobiliário

Os interiores foram preenchidos com mobiliário e peças bem ao estilo nórdico bem famoso e desejado por todos.

Alguns móveis, especialmente cadeiras e mesas, foram comprados em lojas de antiguidades ou lojas de artigos em segunda mão que posteriormente foram ligeiramente alterados, dando-lhes uma nova vida. Sendo assim garantido por completo, um espaço interior único e exclusivo.

Além do desenho do mobiliário, também as cores e materiais fazem parte das características principais do estilo nórdico/escandinavo – tons brancos, madeira, vários tons de cinza, tecidos naturais e macios…

Depois: a cozinha

A cozinha branca impressiona com instalações funcionais e modernas, mantendo o carácter escandinavo.  A sua área, embora de espaço aberto, é separada através da utilização de piso branco de pedra natural. Inúmeras superfícies de trabalho foram criadas, bem como espaço de arrumação, dos quais o mais interessante é a alta estante que toca o tecto.

Depois: o quarto

No piso térreo também está localizado um quarto. A sua decoração é altamente minimalista e o elemento principal é uma cama de madeira. A parede de tijolo foi mantida e caiada de branco de torna interessante e original, referindo-se e lembrando o passado.

Depois: o escritório

O quarto está em ligação directa com a zona de escritório. Aliás, o mesmo ocupa o espaço do quarto junto à janela, permitindo desfrutar dos benefícios da luz natural. A grande janela tem cortinas de material translúcido que não restringir o acesso à luz solar aos interiores, mas também fornece o nível necessário de privacidade e intimidade. Com mobiliário e decoração delicada, a presença desta zona de trabalho no quarto não incomoda e até é uma mais valia.

Depois: o acesso, a escada

É a partir do piso térreo que uma escada branca foi colocada para dar acesso ao piso superior. Lá localizam-se os outros quartos e divisões mais privadas. As escadas foram colocadas junto à parede lateral, de forma discreta e de maneira a não ocupar grande quantidade de espaço e ao mesmo tempo ser eticamente harmoniosa e um elemento de design.

Vista da sala de estar

Do cimo das escadas é esta a perspectiva que podemos admirar. A sala de estar, a sua área aberta e a sua composição ao nível de decoração. Engraçado é observar os modernos e elegantes candeeiros pendurados no tecto sob longos cabos, parte do projecto de iluminação interior. Visto de cima, vemos o quão brilhante ela é devido à quantidade de luz que entra pela grande janela.

Depois: Um oásis verde

Para terminar este passeio pelo interior de um projecto de remodelação, voltamos-nos novamente para oexterior e cheios de vontade, já que o mesmo é tão querido e simpático.

Daqui vê-se a sala de estar e a cozinha e percebe-se facilmente que para Primavera e Verão este é o local ideal para refeições ao ar livre, um lugar perfeito para reunir familiares e amigo.

Que achou do artigo/projecto? Deixe-nos a sua opinião!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!