Casa rural transformada em casa de design

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

A recuperação de elementos antigos mediante técnicas actuais é um fenómeno muito habitual na arquitectura de interiores e exteriores. Manter a pedra, o tijolo e vigas que faz que o carácter dos edifícios perdure no tempo e depois da reforma. Elegendo bem as novas formas e materiais a utilizar pode-se ajudar a ampliar o valor do passado e até mesmo criar espaços impressionantes. 

O projecto de hoje fica no vale do rio Ulla, em plena Rias Baixas, na Galiza. Uma casa rural de estilo tradicional galego foi renovada por completo pela mão da equipa de arquitectos Sommos. Estes profissionais apostam em soluções funcionais e em materiais naturais que são capazes de dar intemporalidade aos seus projectos.

E assim começa esta viagem por esta antiga casa de pedra.

A vista exterior

Esta casa fabulosa encontrava-se num magnífico vale e precisava urgentemente de uma renovação. Com 100 anos de vida, tanto o exterior e o interior do edifício se encontravam com marcas do passado. Além disso, todos as divisões tinham deficiências que precisavam de ser resolvidas para a conseguir tornar habitável e acomodar a nova família.

Assim sendo, a prioridade do projecto foi o de recuperar os elementos de construção originais, como paredes em pedra, e criar espaços interligados que facilitassem a comunicação entre os habitantes.

Um elemento central

Entramos na casa e somos surpreendidos por um elemento central – um elemento maciço de cimento em torno do qual todas as áreas vitais da casa se localizam. Quando se entra tem-se a percepção da sala de estar, da sala de jantar e da cozinha e no cimo das escadas percebe-se que se trata da zona mais intima e privada.

Esta peça única cria espaços de duplo pé direito que garantam as exigências dos novos proprietários, assegurando a relação entre os espaços e as pessoas.

A cozinha

A partir do hall de entrada esta era o inicio da espaço que se via. A cozinha é moderna e o toque rústico mantém-se, com a parede mantida em pedra. Depois de entrarmos sentimos-nos num espaço moderno e bastante acolhedor. O design de mobiliário é branco e minimalista e não chama muito a atenção e deixa os nossos olhos se fixarem em materiais naturais como a madeira e pedra, de tanto valor estético e histórico. A primeira coisa que vemos é a mesa de madeira pousada na ilha de cozinha como se tratasse de uma extensão da mesma. A pedra está presente nas paredes e estas imprimem um carácter especial para toda a divisão.

Espaços diáfamos

Aprofundando mais neste espaço – cozinha – é fácil reparar no elemento central em cimento que falei anteriormente.

À esquerda do mesmo é a zona de entrada e a escada que dá acesso ao piso superior e à direita vê-se já ligeiramente para da sala de estar onde a pedra nas paredes continua presente. O mobiliário escolhido consegue devolver um ar moderno e industrial.

No piso superior

Depois de subir as escadas, os contrastes são notórios. Além de se ver ao fundo a parede em pedra, aqui também se vêem vigas em madeira no tecto, outro elemento que se quis manter para lembrar o passado e dar mais valor a este espaço.

O elemento central também está presente aqui, mas tem um aspecto mais quente e confortável devido às portas de madeira que dão acesso a diferentes divisões interiores.

Casa de banho funcional e futurista

Projectos que desenham espaços e conceitos que simplificam projectos, as soluções funcionais são muitos usadas por Sommos.  Neste caso, tal como na cozinha, um design minimalista e prático foi a escolha para a casa de banho. As linhas rectas combinadas com madeira e com o tom verde do armário completam o espaço e dão um ar futurista.

A entrada

De volta à entrada da casa terminarmos esta viagem especial entre paredes de materiais naturais e um elemento central novo em cimento. A funcionalidade esteve sempre presente e a presença de materiais antigos deram um toque especial quando misturados com outras mais contemporâneos e minimalistas. Mais uma vez o forte contraste foi uma mais valia projectual.

Que achou do aspecto final? Gosta de grandes contrastes?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!