Qual é o melhor pavimento para a sua casa de banho?

Mariana Garcia – Homify Mariana Garcia – Homify
Loading admin actions …

O pavimento é um dos acabamentos que mais nos ajuda a manter a casa limpa. E porquê? Simples: quanto mais o ajudar a criar a sensação de limpeza, melhor. Um chão que facilmente se mancha, apresenta pegadas ou denuncia os pêlos do cão espalhados pela casa é uma dor de cabeça total para qualquer pessoa que se importe minimamente com a limpeza da casa. Além da questão da limpeza, temos as questões de segurança, pois um chão demasiado polido pode provocar quedas, muitas delas sérias e graves. Outro ponto fulcral é o aspecto que dá a cada divisão: materiais menos resistentes em sítios de muita passagem apresentarão riscos, nódoas, desgaste óbvio, perda de cor, etc. – e nada disto é bonito quando toca a levar amigos lá para casa!

No artigo de hoje, como já deve ter ficado claro, vamos falar sobre pavimentos, mais especificamente do pavimento ideal para a sua casa de banho! A oferta no mercado é enorme, mas aqui vamos apresentar-lhe as vantagens e desvantagens de 7 tipos de pavimento e ainda dar-lhe uma dica quentinha, para que a sua casa de banho se torne ainda mais confortável, principalmente nos dias frios que já chegaram! Posto isto, sugerimos-lhe apenas que, no caso de estar indeciso entre duas ou mais opções, faça um estudo de mercado para avaliar preços e a dificuldade de aplicação (se estiver a pensar aplicar sozinho, sem a ajuda de profissionais). Muitas vezes facilitamos por um milhão de razões, por isso pense bem e boas obras!

Pavimento aquecido

O estilo vintage de Hackney: Casas de banho modernas por MOSAIC DEL SUR
MOSAIC DEL SUR

O estilo vintage de Hackney

MOSAIC DEL SUR

E a cereja no topo do bolo: pavimento aquecido! Esqueça a sensação de frio quando sai do banho: com um sistema de aquecimento do chão, poderá caminhar livremente na sua casa de banho sem ter frio nenhum!

1. Linóleo

  por B.W.D. Sanierungs-Systeme GmbH
B.W.D. Sanierungs-Systeme GmbH

Flexi-Tile, Anwendungsbeispiel 2

B.W.D. Sanierungs-Systeme GmbH

O linóleo é um material sintético usado há já várias décadas no revestimento do chão e que se apresenta como sendo um tecido impermeável. Devido à sua constituição, caracteriza-se por uma enorme flexibilidade e durabilidade (pois é untado em óleo de linhaça, o que se traduz numa camada de desgaste transparente), é extremamente confortável e funciona como isolador acústico e térmico. Quando exposto à luz directa, a agentes químicos (como os detergentes) e a altas temperaturas mantém-se inalterável. É à prova de água, pelo que qualquer derrame neste tipo de chão é facilmente limpo. Além de tudo isto, é um material amigo do ambiente! No entanto tem as suas desvantagens: é desaconselhável instalá-lo directamente por cima do betão, devido à possibilidade de criar humidade entre este e o primeiro. Em termos de preço, apesar de não ser o mais caro, tem um valor superior ao vinil. Antes da aplicação, aconselha-se deixar as placas de linóleo ambientarem-se à temperatura do sítio onde serão instaladas, para que não haja surpresas de aumento ou diminuição do tamanho.

2. Flutuante

piso flutuante apresenta-se como uma solução simples, eficaz e com uma variedade de preços (e, consequentemente, de qualidades) extensa. É um material laminado que tem como grandes vantagens a manutenção da temperatura (sem nunca ficar demasiado frio ao toque, o que os seus pés descalços agradecem!), o isolamento acústico (devido à tela que é colocada entre a superfície do chão e as placas de flutuante) e a rápida e fácil instalação, que não representa grande sujidade nem dificuldade para mãos minimamente habilidosas. No entanto, se está a pensar aplicá-lo na sua casa de banho, é necessário que tenha em conta características como a impermeabilidade e a resistência à humidade, o que pode encarecer o material.

3. Cerâmica

O pavimento em cerâmica é o mais comum em espaços onde a humidade ou os acidentes com líquidos acontecem com maior frequência. E não é à toa que isto acontece: este material é altamente resistente (quer a agentes químicos, quer ao uso) e absolutamente impermeável. As grandes desvantagens são a sua aplicação mais complexa e produtora de resíduos e o seu preço é mais elevado que as opções anteriores. Além disso, é um piso frio e que necessita de não ter características que o tornem escorregadio. Para além do que já foi referido, é importante escolher uma cor e/ou uma textura que lhe permitam manter a aparência limpa (cores muito claras podem ser ingratas, já que denunciam a presença de cabelos, pêlos, cotão e outras sujidades). Caso opte por este pavimento, não se esqueças de reservar alguns mosaicos para o caso de os aplicados se partirem ou lascarem.

4. Pedra

A pedra é um material mais tradicional no que toca à sua utilização no pavimento. Apresenta uma variedade estética enorme, além do que tem uma grande durabilidade e resistência ao desgaste. Em termos de desvantagens é similar à cerâmica: complexa aplicação, preço e possibilidade de rachadelas ou quebras.

5. Madeira

A madeira é um material poroso, pouco resistente à humidade e bastante absorvente. Se a quiser aplicar na sua casa de banho, considere dar-lhe um tratamento de impermeabilização para a proteger. Não obstante, é um tipo de pavimento muito confortável, que possui excelentes qualidades de isolamento térmico. Uma óptima escolha para casas de banho sociais, com um uso menos frequente. Caso contrário, é necessário ter cuidado para não molhar demasiado o chão. 

6. Borracha

O pavimento em borracha, para além de um excelente isolador térmico, tem a grande vantagem de ser completamente anti-derrapante! Nada melhor para as nossas casas de banho, para evitar acidentes. O material não mancha, é antialérgico, com grande resistência e durabilidade, não faz barulho ao andar e apresenta-se em várias cores e formatos. No entanto já sabe: quanto mais qualidade, mais o preço sobe. Mas aqui convém investir. Até porque este tipo de pavimento pode degradar-se facilmente em ambientes húmidos ou na presença de móveis pontiagudos (que o podem rasgar ou riscar).

7. Alcatifa

Provavelmente, o piso menos indicado para a sua casa de banho! É super confortável, é um piso super seguro, anti-derrapante, quando bem aplicado as suas emendas ficam invisíveis, reduz o impacto de possíveis quedas e é um excelente isolador acústico. Mas as suas desvantagens são grandes: em primeiro lugar, o excesso de água (directa ou humidade) pode criar mofo na alcatifa. Além disso, não é muito recomendado em sítios onde haja muito pêlo ou cabelos, pois dificulta a sua limpeza.

O artigo ajudou-o a decidir qual o pavimento a aplicar na sua casa de banho? Diga-nos qual foi a sua escolha!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!