Fantástica habitação unifamiliar

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

100 Planos é um atelier de arquitectura com sede em Vila do Conde, Portugal, em actividade desde o ano 2000. A vida dos mesmo é composta pela criação de projectos e planos em que o objectivo principal é a resposta às necessidades de outros. Cada projecto é único e é encarado com um exercício de compreensão de uma certa realidade. São fãs do uso de ironia, humor, narrativa, metáfora e analogia e acreditam que são as ferramentas fundamentais no seu método de trabalho e não têm medo de arriscar.

Casa Jorge Guedes é a prova viva disso mesmo. Com um formato fora do normal a mesma abre-se sobre a paisagem e a aproveita o que de melhor a mesma tem. Tenho a certeza que vai achar super interessante esta composição e debater-se com as suas vantagens e benefícios.

O conceito

Este projecto foi encomendado em 2004 por um jovem casal que tinha comprado um terreno em Vila Pouca de Aguiar, onde pretendia construir a sua primeira casa. Por uma questão de custos a mesma tinha de ser obrigatoriamente de um único piso, diminuindo assim consideravelmente o valor final.

O terreno tinha uma vista deslumbrante e essa mais valia tinha de ser o principio deste novo projecto e o conceito tinha necessariamente de girar à volta disso mesmo, sendo o ponto de partida de todo o projecto.

Nos primeiros esboços tornou-se evidente que a casa deveria ser uma espécie de volume lançado sobre a paisagem. Localizado no topo de um vale a Casa Jorge Guedes, surge com uma grande janela voltada sobre a paisagem.

A forma

A casa é um todo orgânico, composto por três corpos, que se estendem pelo terreno, procurando cada um dos volumes a melhor orientação solar e paisagística e dispondo em si as respectivas divisões da mesma. Na sua forma em Y,  o cruzamento dos braços é simultaneamente a entrada principal da casa e ainda o ponto de distribuição que separa os espaços públicos das zonas privadas -área de 330 m2.

Construtivamente optou-se por um sistema elementar, de estrutura em betão executada no local e paredes em alvenaria de tijolo rebocado e pintado. Os vãos vão aparecendo em todas as fachadas da habitação e este apresentam-se em diferentes formatos e dimensões: janelas estreitas e verticais e até algumas sob a superfície da cobertura.

A planificação do espaço

Antes de lhe mostrar imagens do interior gostava que tivesse mais noção da espacialidade interior. Siga os números e oriente-se:

1 – Hall

2 e 9 -Sala

3 – Cozinha

4 – Quarto

5 – Escritório

6 – Instalação Sanitária

7 – Pátio

8 – Lavandaria

A valiosiodade da vista

riqueza dos espaços interiores não é dada pela complexidade arquitectónica, mas pelas diferentes relações que são criadas entre o interior e a paisagem exterior. Esta sala de estar tem uma vista formidável sobre o vale. Ficando num terreno de certa forma elevado a perspectiva é ainda melhor. O pavimento é em madeira.

Divisões voltadas para o pátio interior

Os espaços que não estão voltados directamente para o vale, tal como a cozinha e a lavandaria são valorizados com um pequeno pátio interior pintado de laranja forte que lhes permitir beneficiar de luz natural directa sem causar qualquer tipo de desequilibro estético em relação aos alçados.

O anoitecer

Esta imagem mostra como é um final de dia, um principio de noite na Casa Jorge Guedes. O céu azul forte contrasta com o tom amarelado da luz interior e só nos faz perceber como os mesmos são confortáveis e bastante vividos e habitados. 

Por aqui me despeço e espero que além de ter gostado, me acompanhe num seguinte artigo.

Que achou do formato arquitectónico? 
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!