Dez pequenas casas em estilo minimalista

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Na construção de uma casa, uma das coisas mais importantes é o gosto pessoal de quem a constrói. Todavia, as condições da área onde pensamos construir também desempenham um importante papel. Como nas áreas muito urbanizadas o espaço é reduzido, pareceu-nos oportuno criar este livro de ideias com dez projectos que mostram a mestria de trabalhos desenvolvidos em terrenos que não se destacam pelo seu tamanho. 

Prepare-se para ser surpreendido por projectos que, embora pareçam pequenos quando comparados a imóveis de grandes dimensões, são um bom exemplo em termos de aproveitamento de espaço. 

Vamos começar?

1. Com grandes janelas

Quando se tem exteriores como o desta casa projectada pela Artspazios, o melhor a fazer é construir de forma a afectá-los o mínimo possível pois que é um luxo sair para o jardim ou para o terraço e desfrutar de um panorama tão agradável.

Se, juntamente com isto, a construção for de encontro a uma linguagem simples – mas não simplista -, não restam dúvidas de que se consegue um projecto digno de ser utilizado e, obviamente, admirado.

2. Ceder espaço ao exterior

Casas minimalistas por C95 ARCHITEKTEN
C95 ARCHITEKTEN

Privathaus bei Berlin

C95 ARCHITEKTEN

Outra razão pela qual o projecto de uma casa pode ser de dimensão reduzida – mesmo que exista muito espaço na área de construção – é a vontade de dar importância e protagonismo à natureza e ao ar livre. Isso acontece especialmente quando se tem jardins exuberantes como o da imagem, proposta do gabinete C95 Architekten.

Uma forma eficaz de obter espaços funcionais é optar por secções modulares visto que estas representam, de certa forma, a disposição mais optimizada de cada espaço da casa.

3. Um cubo que inclui tudo

Casas minimalistas por arQing
arQing

Casa residencial en Lomas de la Rioja.

arQing

Quando se tratam de casas que se localizam em áreas muito urbanizadas, os edifícios vizinhos influenciam o estilo de design que define o projecto. 

Neste caso, a empresa Arqing criou um projecto que não sendo muito apelativo em termos visuais, cumpre perfeitamente a sua função que passa por fazer com que cada um dos espaços seja eficaz. A estrutura em forma de cubo encontra-se numa pequena zona verde onde ainda existe uma área para o estacionamento de automóveis.

4. Fabulosas linhas

Pelas mãos da Alonso Arquitectos, temos a sugestão desta casa que corresponde a todas as necessidades da família que nela habita, mas que também se adequa perfeitamente ao espaço disponível, destacando-se pelo estilo minimalista em que a simplicidade é apanágio. 

Aqui, as necessidades são satisfeitas através de uma construção de dois andares e de um design com linhas horizontais cujo principal propósito é o de aproveitar os espaços da melhor forma possível. A fachada combina texturas e materiais tais como a madeira e o cimento.

5. De ângulos diferentes

Casas minimalistas por RTstudio
RTstudio

Fachada Principal Opción A

RTstudio

A Rtstudio apela, neste projecto, a uma casa que inclui, na sua estrutura, um espaço especial para guardar o automóvel sem que este esteja visível numa zona pública. Assim, o exterior e o interior juntam-se na mesma área que só é diferenciada pelos pisos designados para cada uma delas. O piso inferior é destinado ao carro e ao pequeno jardim e o primeiro piso aloja várias divisões.

6. Com telhado de duas águas

Sob o lema de que menos é mais, a empresa Mullers Buro construiu esta casa original que integra todas as divisões necessárias para que quem lá viva aproveite ao máximo o espaço, tanto pela maneira eficaz como está construída, como pelo seu estilo minimalista que destaca cada um dos elementos construtivos.

7. Perfeita para uma família moderna

A empresa Milla Architects projectou esta casa que combina o branco com pormenores de pedra e madeira, resultando num estilo elegante e vanguardista.

O projecto deste edifício foi concebido para satisfazer as necessidades de uma família de quatro pessoas. Essas necessidades passam pela privacidade para cada um dos habitantes e pela obrigatoriedade de espaços para desfrutar em família. Essas áreas não têm, necessariamente, que ser muito amplas.

8. Economizar e inovar espaços

Casas minimalistas por Ferraro Habitat
Ferraro Habitat

Loft-Container 20'

Ferraro Habitat

Quando a prioridade é economizar, devemos pensar, antes de mais, que a estrutura da casa importa para sustentar todos os elementos que visam a criação de uma eficiência excepcional. 

A ideia e a projecção é da empresa Ferraro Habitat e partiu da premissa de que a casa é um contentor onde cabem todas as coisas necessárias para tornar a estadia agradável, sem que se desperdicem qualquer tipo de recursos.

9. Viver num edifício suspenso

Neste projecto, Maxim Lyubetski brinda-nos com mais uma maneira sublime de respeitar um cenário natural de cortar a respiração. Criou-se, então, um projecto de linhas minimalistas que responde à necessidade de não desperdiçar espaço. Repare na base em forma de V que sustenta todo o edifício. É uma solução engenhosa e estratégica visto que, por não assentar no solo, preserva-se a natureza.

10. Formas surpreendentes

Assim como a extensão do terreno influencia as características que uma casa pode ter, também a escolha de tamanho resulta de uma decisão que depende, em grande medida, do número de pessoas que vão habitar a casa e da composição que lhe queremos dar. Um claro exemplo disso é este projecto de Taller Adc.  

Como viu, não é preciso muito espaço para se construir uma bela casa. Qual a sua preferida?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!