Cactos, a nova tendência em plantas!

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

A palavra cacto, deriva do grego e antigamente servia para designar uma espécie de cardo espinhoso, acabando por ser o nome escolhido para esta planta no ano de 1753. Existem aproximadamente 84 géneros e 1400 espécies diferentes e nativas das Américas, com diferentes tamanhos e formatos.

São plantas pouco usuais e ainda há muito boa gente que afirme a pés juntos que cactos não são plantas, mas são. Em vez de folhas, algumas espécies têm picos e por isso são bem conhecidos. Além disso são originários de climas extremamente quentes e secos, não necessitando de qualquer manutenção, pois tem uma grande variação anatómica com grande capacidade de armazenamento de água.

Existem cactos todos verdes, outros ainda com flores. São frequentemente usados na decoração, mas já existem espécies que são usadas na medicina, como é o caso do aloe vera e de outros casos que pelo seu suco interior afirmam ajudar a curar e a regenerar a saúde.

Deixemos-nos de paleio e venha conhecer as melhores hipóteses e soluções para ter cactos em sua casa!

um tendência, duas tendências

Paisagismo de interior  por Betonica
Betonica

Diamond

Betonica

Duas tendências num só objecto: cacto + cimento. De forma original, este vaso em forma de diamante contem um mini cacto e ainda mini pedras brancas a cobrir a terra. A sua disposição devido à sua forma é completamente enviesada mas essa característica dá-lhe ainda mais piada.

Cactos são mais vistos em ambientes de estilo escandinavo ou nórdico!

O cactos e a sociedade

Paredes  por Bureau A
Bureau A

THE APPARTEMENT

Bureau A

Talvez seja pela falta de tempo associada à sociedade actual e ao constante corre corre, que os cactos vieram para ficar, pois não precisam de atenção e continuam presentes. Vêem-se cada vez mais em revistas, blogues e nas grandes superfícies comerciais à venda em packs de 3 ou 4 unidades, com os respectivos vasos coloridos ou estampados.

Esta é o aspecto que mais associamos a cactos. Altos ou mais baixos mas sempre cercados de picos, mesmo que existam outras espécies sem eles, são estes que mais chamam a atenção.

Quer que o seu cacto cresça?

Parede e piso  por MUES design
MUES design

Papier peint Chloé – Collection LES NANAS

MUES design

Diz-se, e é verdade porque já testei. Que cactos comprados pequenos podem crescer e aumentar substancialmente o seu tamanho, mas para isso tem de o mudar de vaso e colocar terra especial para cactos. Não me pergunte como é constituída essa terra, só sei que consegue adquiri-la em floristas e se vende para esta espécie de plantas poderem crescer e se desenvolver. 

O lado sedutor

Cozinhas modernas por DAVINCI HAUS GmbH & Co. KG
DAVINCI HAUS GmbH & Co. KG

Das passende Haus zum Seerosen-Schwimmteich

DAVINCI HAUS GmbH & Co. KG

O desta imagem certamente cresceu bastante já dentro desta habitação, pois como consegue verificar ultrapassa já as vigas da mesma e é também superior à altura das janelas. Difícil será também de imaginar o seu transporte até ao local pretendido.. mas adiante. Sabia que o cacto mais alto pode ter  uma altura máxima de 19 metros e o menor de apenas 1 cm de diâmetro? 

Mas afinal o que estas plantas têm de tão especial para cativar designers, decoradores, fotógrafos… e aparecem já em tudo o que é fotografia, sejam estas de interiores ou de moda? Talvez o seu lado exótico e extremamente desafiante.

A manutenção

Como centro de mesa ou simplesmente no chão à entrada de casa é certamente uma boa hipótese para colocar o seu ou os seus cactos. Poderá deixá-los ficar no vaso em que os comprou mas poderá translada-los para outra base mais a seu gosto. Poderá ainda tapar a terra com pedrinhas. A melhor vantagem dos cactos é que não precisam de manutenção e atenção (quase nenhuma). Gostam de água, mas pouca e esporadicamente. Pode ir de férias sem se preocupar com o dinheiro que investiu nas suas plantas de varanda ou de interior, pois quando chegar, os seus cactos vão estar no mesmo sítio e bem de saúde. Isto se não decidir fazer um interrail de 1 ano…  

O centro de mesa

Salas de jantar modernas por itta estudio

Com cactos poderá também construir uma espécie de terrário com todas as espécies que mais gosta. Terrário é o nome que se dá a um é um recipiente onde se reproduzem as condições ambientais tropicais, ou seja, com humidade e temperatura alta e constante. Podem ter diversos tamanhos e serem feitos de diversos materiais, não apenas  em vidro, mas possuem sempre pelo menos uma das suas paredes em algum material transparente para facilitar a visão do interior.

O exemplo da imagem não corresponde ao descrito no parágrafo em cima mas aproxima-se ligeiramente. Como vê numa taça ou vaso com este formato será fácil compor o seu mini jardim e deixá-lo sempre em cima da mesa.

Sabia e gosta desta nova tendência?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!