Jardins modernos por Helwig Haus und Raum Planungs GmbH

12 bonitos jardins para adornar a fachada da sua casa

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Do um ao doze, estes são os passos a percorrer para criar um jardim na fachada da sua casa do qual se poderá orgulhar e que, com certeza, lhe proporcionará agradáveis momentos de tranquilidade e de conforto. 

Independentemente do estilo, da personalidade, do espaço e da forma, é sempre bom, na nossa casa, mantermos o contacto com a natureza. 

Veja com atenção os projectos que integram este livro de ideias. 

Passo 1 – defina bem o lugar

Determinar com exactidão as dimensões do local que cobrirá com o jardim dianteiro não é só importante: é indispensável. A dimensão engloba a altura e a largura que terá esta área. Por exemplo, se neste primeiro exemplo a vegetação fosse demasiado exuberante, eliminaria por completo a utilidade da janela.  

Passo 2 – Seleccione o número preciso de plantas

Agora que já tem o espaço, importa determinar as plantas. Defina muito bem a quantidade de plantas de que necessita, tudo mediante as dimensões que tem no jardim.

Passo 3 – determinar o espaço para cada planta

Já tem todas as plantas escolhidas? Cada planta tem uma característica diferente. Umas são mais frondosas, outras mais pequenas e delgadas. Assim, deve organizá-las segundo a sua aparência e local que ocupam: plantas mais baixas à frente de uma janela e plantas mais altas ao lado, por exemplo. 

Passo 4 – começar a criar uma composição

Este ponto está estreitamente relacionado com o anterior, pois ao acomodar cada planta deve ter uma perspectiva do seu jardim enquanto paisagem no geral. Lembre-se de que estamos a falar de um jardim para adornar a fachada, a primeira parte que se vê ao chegar a casa.

Passo 5 – Jogue com a cor

Jardins mediterrânicos por Vivero Sofia
Vivero Sofia

Jardinera en esquina L

Vivero Sofia

Recordamos que os verdes das plantas variam de umas para as outras. Logo, deve considerar toda a gama de cor para o seu jardim para obter uma composição coesa. 

Passo 6 – contemple a colocação de um revestimento no solo

Não se esqueça de inserir uma área pavimentada para facilitar a circulação e o acesso à sua casa. De outra forma, acabará por pisar e devastar a relva/vegetação.

Passo 7 – pense se haverá móveis

Os móveis oferecem conforto e pode incluí-los no exterior da sua casa, se espaço para isso tiver. Um par de cadeiras num alpendre ou uma pequena mesa serão sempre úteis. 

Passo 8 – contemplar a luz e a sombra

Há plantas que aceitam bem a luz directa do sol. Outras há que sobrevivem melhor com luz indirecta. Deve, assim, considerar de forma meticulosa a exposição solar e a planta para cada área.

Passo 9 – manutenção

Este passo é crucial para toda a vida útil do seu jardim. Regar e nutrir a terra é essencial para as plantas prosperarem.

Passo 10 – decorar

Depois das plantas e dos móveis estarem escolhidos, pode incluir ornamentos de decoração ao seu gosto, como estátuas, fontes, vasos, entre outros.

Passo 11 – nem tudo é relva

Ainda que a relva não possa faltar, se a colocar em todas as áreas, é muito possível que não suporte a circulação constante. Por que não as pedras? Contemple-as como alternativa. 

Passo 12 – está completo

No último ponto, queremos reforçar a ideia de que todo o jardim deve ir ao encontro do estilo da fachada para alcançar absoluta harmonia.

Vai seguir as nossas propostas? De qual destes projectos mais gostou?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!