Espaço pequeno, apartamento fantástico | homify | homify
Error: Cannot find module './CookieBanner' at eval (webpack:///./app/assets/javascripts/webpack/react-components_lazy_^\.\/.*$_namespace_object?:3646:12) at at process._tickCallback (internal/process/next_tick.js:189:7) at Function.Module.runMain (module.js:696:11) at startup (bootstrap_node.js:204:16) at bootstrap_node.js:625:3

Espaço pequeno, apartamento fantástico

Mariana Caldeira Mariana Caldeira
Remodelação T2. Anos 70. Lumiar por BL Design Arquitectura e Interiores
Loading admin actions …

Se é um apaixonado por apartamentos bonitos nas grandes cidades então irá certamente apreciar este projeto. Resultante de um trabalho de remodelação numa zona maioritariamente residencial da cidade de Lisboa, apresentamos-lhe uma transformação fantástica de um apartamento construído na década de setenta num espaço super moderno.

A equipa responsável pela obra, BL Design e Arquitetura de Interiores, é liderada por Cecília Banito e Pedro Lourenço que desenvolveram vários projetos interessantes ao longo dos últimos anos. Venha connosco e descubra como é possível alterar consideravelmente a qualidade de uma habitação numa série de  intervenções muito simples.

Contexto

Situado na zona norte da capital portuguesa, o Lumiar desenvolveu-se sobretudo durante a segunda metade do século XX. Outrora ocupada por quintas nobres afastadas do centro urbano, esta zona apresenta atualmente uma localização privilegiada graças ao prolongamento do eixo norte-sul em 2007. Construído na década de setenta, o apartamento encontrava-se bastante desatualizado e precisava de uma intervenção que explorasse o verdadeiro potencial dos espaços, adaptado-os aos dias de hoje.

Intervenção

Tratando-se de um apartamento com apenas setenta e cinco metros quadrados, o trabalho desenvolvido pela equipa focou-se na criação de estratégias que alterassem a espacialidade da casa tornando-a mais ampla. Sendo assim, as divisões que sofreram mais alterações foram sem dúvida a cozinha e a casa de banho que incluíram a destruição de uma parede. As restantes intervenções incidiram sobretudo num trabalho de acabamentos e outros elementos que favorecessem o sistema funcional.

Cozinha

A grande transformação da cozinha focou-se na tentativa de atribuir um pouco mais de espaço a esta divisão. Sendo que a casa já apresentava uma varanda na fachada oposta, optou-se por destruir a parede que dividia a cozinha da sua marquise libertando um pouco o espaço. Mais do que dois ou três metros quadrados, a divisão ganhou uma nova iluminação natural garantida por duas grandes janelas quadradas. As restantes intervenções procuraram sobretudo complementar esta nova luz com a introdução de materiais leves e claros. 

Sala

A separação entre a sala e a cozinha é garantida por um elemento maciço em pedra que além de assumir um papel preponderante na decoração da casa incorpora um espaço para a televisão e outros objectos, potenciando ao máximo o aproveitamento do espaço. De forma a permitir uma maior fluidez da luz, foi integrada uma pequena porta de vidro junto às janelas entre a sala e cozinha. Assim além de se facilitar o sistema de circulações entre estas divisões favorece-se a quantidade de luz em cada espaço.

Arrumação

Apesar de não haver um elemento estrutural que separe a zona de entrada da habitação dos espaços de convívio foram desenhados dois elementos verticais que além de conferirem um carácter mais intimo à sala incorporam mais espaço para arrumação numa casa pequena. 

Casa de banho

A casa de banho também foi totalmente reorganizada incorporando materiais mais modernos. Enquanto nas paredes foi mantido o cinzento utilizado nas outras divisões, aqui ele é contrastado pela escolha de azulejos claros para as loiças. Outra decisão inteligente foi a integração de um grande espelho numa das paredes que altera totalmente a sensação espacial desta área.

Transformação

Mais uma vez o atelier BL Design e Arquitetura de Interiores voltou a surpreender-nos com as suas soluções espaciais realizadas através de pequenas intervenções. A forma como estudam os espaços procurando responder às necessidades de quem os habita revelam uma profissionalismo excepcional. 

Este projeto é a prova viva de que não são os metros quadrados que influenciam a forma como vivemos mas sim a qualidade da organização do espaço e forma como este é tratado. De facto, é possível transformar setenta e cinco metros quadrados de confusão num apartamento fantástico que desafia qualquer limitação espacial.

O que achou deste apartamento? Diria que tem 75 m2?
Casas modernas por Casas inHAUS Moderno

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa?
Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!