Homify 360º – Casa no Gerês

Rita Paião – Homify Rita Paião – Homify
Google+
Loading admin actions …

O destaque de hoje no artigo Homify 360º recai sobre profissionais portugueses, mais propriamente para o gabinete de arquitectura portuense, Correia/Ragazzi. O gabinete é dirigido por Graça Correia e Roberto Ragazzi e uma equipa de colaboradores. Acreditam que a arquitectura é constituída por um processo de síntese, razão pela qual muitos dos seus projectos reflictam uma linha arquitectónica simples e minimal. A equipa caracteriza todo o processo de arquitectura como algo extraordinário e trabalhoso. Desde o 1º contacto com os clientes, com as ideias, com o terreno, onde intervêm factores de ordem material e imaterial, como a interpretação de um lugar, a identificação de um problema de escala, ou a intervenção de materiais cuja plasticidade tem uma grande importância na obra. 

Neste artigo iremos dar-lhe a conhecer, numa volta de 360º um dos seus projectos: Casa no Gerês. Esperemos que seja do seu agrado.

O enquadramento

O projecto desta casa consistiu numa reconstrução e ampliação a partir de uma ruína existente. O objectivo era transformá-la numa habitação que funcionasse como um retiro de fim de semana onde o enquadramento paisagístico e as suas características morfológicas servissem como chamamento ao local.

A casa está inserida num terreno de 4 mil m² e está inserido numa área natural protegida que reúne as condições específicas para uma construção em betão e para a preservação de toda a sua flora com o Rio Cávado a fazer companhia.

A forma .. segue a função!

De volume longitudinal continuo, dependendo da perspectiva, a casa aparece de um lado submersa no terreno, e noutro de modo altiva e completamente enquadrada no meio da vegetação.

Quando vista a partir do rio destaca-se subtilmente no meio das árvores. A ruína  é um elemento que faz parte de todo o projecto arquitectónico, relacionando-se com ele. O contraste existente neste projecto cria uma relação determinante entre a forma, o volume e a materialidade. Ao mesmo tempo existe equilíbrio, tanto do lado exterior como interior. Foi em cimento e em madeira de bétula que se revestiram os grandes volumes interiores.

A paisagem

Os clientes deste projecto tinham como principal objectivo um projecto de arquitectura que valorizasse as vistas e que ao mesmo tempo lhes fosse permitido gozar o terreno envolvente.

Para os arquitectos também era essencial relacionar a morfologia exterior do edifício com a interior e com o próprio uso da casa, fazendo-a destacar-se na imensa paisagem verde. 

Outra das solicitações que de projecto era conter um quarto de casal e de criança, assim como um quarto de hóspedes, preferencialmente afastado do volume da casa, e um anexo de apoio às actividades de esqui que tanto são fãs.

As vistas

A sala de jantar tem uma vista magnífica sobre a copa das árvores e sobre o rio Cávado. A janela é de grandes dimensões e transporta toda a paz e serenidade do exterior para o interior.

Um jogo de cheios e vazios

Se lhe disser que este cubo em madeira tem no seu interior a cozinha e que o mesmo se abre para o espaço acreditaria? Pois bem, é mesmo isso que acontece. Na foto seguinte conseguirá perceber como tudo funciona.

Outra necessidade de cozinha

Reparou como realmente aconteceu? As portas correram e um novo espaço apareceu. É certo que a cozinha não é a típica cozinha portuguesa e certamente aqui as necessidades são outras. Mas que apareceu um espaço propício à confecção de refeições lá isso é verdade. A bancada de inox é simples e contem lava-loiças e bancada. Na parede de costas existe um móvel com electrodomésticos embutidos e arrumação.

A zona de banho

A casa de banho é na minha opinião uma das divisões que mais transmite calma e serenidade. Talvez por ser um espaço privado ou de se quer harmonia e paz. O banho só por si, já tem essa característica quanto mais num ambiente forrado a madeira com vista panorâmica para a natureza viva?

O formato de banheira também foi escolhido meticulosamente tendo sido colocada no meio do espaço e não colocada lado a lado com a parede. É nada mais nada menos do que o objecto central do espaço!

A transparência

Para nos despedirmos deste belo projecto, mostro-lhe mais um imagem que retracta bem toda a descrição feita ao longo do artigo. O enquadramento, os materiais, os grandes vãos de vidro…

Se é fã de artigos homify 360º espreite mais dois exemplos:

Homify 360°: uma casa de campo ecológica

Homify 360°: Uma casa junto ao rio Tâmisa

É fã de artigos mais completos como este? Deixe a sua opinião!
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!