Casas modernas por Casas Cube

7 dicas para poupar dinheiro ao construir a casa

Sílvia Cardoso – homify Sílvia Cardoso – homify
Google+
Loading admin actions …

Quando se inicia a construção de uma casa, uma das coisas que mais assusta é não conseguirmos respeitar o orçamento inicialmente planeado. Se a disponibilidade financeira é exigente, a preocupação aumenta ainda mais. 

Neste artigo, vamos analisar sete sugestões que podem ajudá-lo a poupar dinheiro aquando da construção da sua casa. Leia-as com atenção e tome nota. Podem vir a calhar.

1. A escolha dos materiais

No que diz respeito à escolha dos materiais, deve ter em conta que existem alguns que, pelas suas particularidades, são mais dispendiosos, como os materiais importados, algumas madeiras, o mármore e outros revestimentos com técnicas ainda não implementadas no nosso país. 

Nesse sentido, sugerimos-lhe que escolha materiais da zona onde vive, pois o transporte de materiais a partir de sítios mais longínquos encarece a obra. Use pedra, madeira e outros materiais que existam na área onde vive. Poupará de forma considerável e ainda diminuirá o custo de transporte.

2. O terreno e a compra de materiais

Se o terreno onde pretende fazer a construção tiver desníveis, faça com que o projecto se adapte a eles. A escavação e o material usado para a concretizar tem um custo bastante alto que pode ser minimizado se adequar a obra ao sítio. 

Prepare, no mesmo terreno, um lugar seguro para armazenar alguns materiais que possa comprar em volume. É importante que tenha à mão o inventário dos materiais para que saiba a quantidade total de cada um e faça a programação do seu uso em cada etapa. Há materiais que, comprados em determinada quantidade, oferecem bons descontos, pelo que pode comprar e armazenar para ir usando sempre que necessitar.

3. O projecto

  por NUÑO ARQUITECTOS
NUÑO ARQUITECTOS

DISTRIBUCIÓN EN H DE LA VIVIENDA

NUÑO ARQUITECTOS

Para o projecto, nada melhor do que contar com a ajuda de um arquitecto. Um projecto bem executado evita custos desnecessários e adaptar-se-á na perfeição às necessidades da sua família. Um arquitecto pode fazer recomendações muito oportunas para que a sua casa funcione com o máximo de rendimento possível por metro quadrado. 

Evite mudanças significativas no projecto ao longo da construção. Defina todos os aspectos enquanto o projecto está apenas no papel antes que se realize o plano de instalação eléctrica, sanitária e a estrutura. Esse é o momento de modificar e de tirar todas as dúvidas. 

4. Uma opção: construção pré-fabricada

Casas modernas por Casas Cube
Casas Cube

Casa Cube de 100 m2

Casas Cube

Já pensou na possibilidade de construir um pré-fabricado? Esta é uma boa opção se o que procura é poupar dinheiro, sem abrir mão do conforto e da beleza da sua casa. Este tipo de construção é cada vez mais usado em todos os países dada a sua rapidez, sustentabilidade e preço. Estas casas constroem-se em pouco tempo pelo que poupa em mão-de-obra. As partes da casa são feitas em fábrica e depois levadas para o local para serem montadas.

Há vários desenhos que se podem ajustar às necessidades de cada família. Para além disso, as estruturas podem ser em betão, em madeira, em aço – entre outros, reunindo, assim, todas as características, técnicas de isolamento acústico e climático que garantem boa qualidade arquitectónica.

A isso, junta-se o facto de serem ecológicas. 

5. As instalações eléctricas, sanitárias, as estruturas e as paredes interiores

Na construção da sua casa, se pretende poupar tempo, pense numa estrutura metálica. Pergunte ao arquitecto o que sugere e faça contas com o engenheiro sobre quanto pode poupar ao fazer estas estruturas em vez de usar betão. 

Não poupe dinheiro no que diz respeito aos materiais usados nas instalações eléctricas e sanitárias, nos tubos, conexões, cabos, entre outros. É indispensável ter uma boa instalação com todas as especificidades necessárias para um bom funcionamento. Comprar materiais fracos hoje poderá ser a despesa e a dor de cabeça de amanhã.

Para as paredes interiores, considere o uso de divisórias em gesso, para garantir alta qualidade sem gastar muito dinheiro. Use-as em closets e nas paredes divisórias de áreas sociais, seguindo os conselhos do arquitecto.

6. Os acabamentos da construção

Casas modernas por NUÑO ARQUITECTOS
NUÑO ARQUITECTOS

Imagen en construcción

NUÑO ARQUITECTOS

No que toca aos acabamentos da construção, há materiais que deve considerar pois são de alta qualidade e garantem durabilidade. É o caso do microcimento. Este material usa-se nos acabamentos de pisos e de paredes, em diferentes cores, é à prova de água, não é poroso e pode ser usado em casas de banho, cozinhas ou outras áreas.

Pode encontrar diferentes modelos de madeira para uso nos acabamentos das paredes e pisos, desde madeiras recuperadas, a baixos preços e boa apresentação, a placas feitas com camadas de madeira que também oferecem garantias de durabilidade. 

Não se prenda a materiais tradicionais e veja quais são as novidades em matéria de acabamentos. 

7. Onde poupar em materiais e acessórios

Casas de banho modernas por NUÑO ARQUITECTOS
NUÑO ARQUITECTOS

La calidez de la madera en el baño

NUÑO ARQUITECTOS

Na eleição de peças sanitárias, pode poupar no que diz respeito ao modelo ou à marca, mas nunca na qualidade. A qualidade pode ser muito boa, mas veja quanto lhe cobram pelo design, e encontre o que mais lhe convém. 

Desde a cerâmica a peças sanitárias e a lâmpadas, tudo tem um preço devido à qualidade e ao facto de estar na moda. Privilegie a qualidade. Sempre. 

Vai ter em consideração alguma das nossas dicas? Tem mais ideias a acrescentar?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!