Salas de jantar modernas por Semerene - Arquitetura Interior

12 ideias para unir a cozinha com a sala de jantar

Elisabete Figueiredo – HOMIFY Elisabete Figueiredo – HOMIFY
Loading admin actions …

Hoje em dias os espaços divididos por paredes altas e compactas estão totalmente fora de moda, e ficaram lá atrás no tempo. O que tem vindo a revolucionar a decoração interior e arquitetura é o uso regular de espaços integrados, fazendo com que os profissionais de arquitetura não se preocupem tanto com a divisão dos espaços, parede atras de parede e, ao invés disso optem por grandes áreas, sem qualquer divisão.
E é aqui que a decoração de interiores desempenha um papel incrivelmente importante porque são os responsáveis por fazer espaços diferentes, tais como a sala de estar e a cozinha, coexistirem num espaço único, mas mantendo a sua identidade. Ou seja, integrados, mas bem identificáveis e distinguíveis uns dos outros. Muitas vezes alcançar este objetivo é realmente complicado se não tiver um designer de interiores por perto, portanto, e sempre a pensar em si, hoje na homify preparámos uma lista de doze ideias que farão com que a sua cozinha e sala de jantar convivam harmoniosamente, para obter como resultado um belo espaço integrado.

1. Diferencie-os através da cor do material

Muitas vezes ao fazer uma decoração em nossa casa temos um conceito bem definido sobre como revestir os espaços com madeira, sobre como queremos os pisos e as paredes, e até mesmo os móveis.
Isso é ótimo, porque para diferenciar um espaço de outro não precisa de abandonar essa harmoniosa visão inicial! Tudo o que tem de fazer é diferenciar cada ambiente com um tom de material diferente. Por isso se na sua cozinha usou uma madeira de cor suave, na sala pode usar um tom mais vivo e brilhante. Desta forma cada um se vai destacar de maneira diferente no espaço único.

2. Jogue com as cores

Para gerar maior impacto pode optar por diferenciar os dois ambientes usando num deles uma cor escura e séria. Como se vê na foto a zona de refeições destaca-se e separa-se da cozinha pelas cores preta e cinzenta presentes na sua decoração. Estas cores diferenciam-se perfeitamente do ambiente da cozinha, branco e fresco.

3. Empregue materiais diferentes

Outra maneira simples e prática de diferenciar estes dois ambientes é utilizando materiais diferentes em cada um, gerando um contraste natural e bonito. Neste caso podemos ver uma sala de jantar muito tradicional, com uma mesa de madeira e um estilo rústico e uma cozinha com uma parede de estilo industrial, prateleiras de madeira pintadas de branco e uma mesa de cozinha com mármore a todo o comprimento… Um contraste total obtido com base nos materiais utilizados, resultando numa imagem harmoniosa em todo o espaço.

4. O truque está na forma de iluminação

Muitas vezes para diferenciar uma atmosfera de outra usar pequenos detalhes é suficiente. E isto é o que podemos ver nesta imagem, em que um espaço difere do outro pelo uso de diferentes tipos de fontes de luz. A cozinha tem quatro pequenos focos de luz, enquanto a sala de jantar é iluminada por duas bonitas lâmpadas penduradas no teto.

5. Partir do tradicional para o minimalista

Outra maneira de diferenciar dois espaços, por mais juntos que estes estejam, é mudando o conceito de decoração de um para o outro. Como podemos ver na imagem acima: – uma cozinha muito tradicional, e intimamente ligada a ela uma sala de jantar de estilo minimalista, vincado as diferenças e facilitando a identificação de cada espaço.

6. Um tapete delimita bem os espaços

Para marcar bem os espaços muitas vezes apenas é suficiente usar um tapete com um tom que faça cada espaço destacar-se, como podemos ver na imagem. A área de refeições está instalada sobre um tapete de cor bege que ajuda a diferenciá-la da zona cozinha de uma maneira espetacular.

7. Partir de cores básicas para cores vivas

Se a sua cozinha é completamente branca empregue tons mais vivos na área de refeições. Utilizar o contraste de ambientes desta forma gera normalmente resultados muito divertidos.

8. O jogo entre branco e preto

Cores opostas, como o branco e o preto, são ideais para gerar diferenças entre os espaços. Na foto vemos uma cozinha que se destaca pela utilização do branco, bem localizado e com uma cor de iluminação dramática, e o centro de todo este espaço é uma sala de jantar com cadeiras pretas elegantes. Definitivamente, um espaço integrado bastante simples, mas bonito de se ver.

9. Amarelo chamativo

Como explicamos muitas vezes os pequenos detalhes fazem toda a diferença e podem se eles a separar os ambientes na sua decoração. A cor amarela é uma cor forte, vívida e colorida, que pode destacar uma área das restantes, pelo que se for aplicada na decoração de sua sala de jantar irá ajudá-lo a separar este espaço da sua cozinha sem muito esforço. Tente e verá os resultados.

10. De um estilo moderno e minimalista a outro cheio de classe

Novamente a mudança de conceitos a ajudar na separação de ambientes. Aqui mostramos outro exemplo de como implementá-lo!
Em ambos os ambientes o branco predomina, mas cada um é bem marcado por um conceito único. Assim na imagem ao fundo pode notar uma cozinha de estilo moderno e minimalista, enquanto em primeiro plano, a sala de jantar destaca-se por um estilo cheio de classe e elegância, esta última conseguida de forma espetacular, graças ao belo lustre pendurado no teto.

11. Uma transição feita pelas paredes

E neste tema da diferenciação de espaços integrados por vezes esquecemos as paredes, mas elas podem ser o apoio perfeito para essa separação. Pode optar por um espaço com uma parede lisa e pintada que difere marcadamente de uma parede com estilo industrial e tijolos à vista, como na imagem, que este último constitui o espaço designado para a sala de jantar.

12. Os detalhes dos seus móveis podem ser a sua salvação

Como última alternativa trazemos-lhe agora esta ideia simples e fácil de fazer.
Já pensou que os detalhes dos móveis podem fazer o trabalho por si? Nesta imagem podemos ver como numa cozinha cheia de branco, onde a sala de jantar poderia facilmente perder-se esta destaca-se inequivocamente graças às extremidades castanhas da mesa e das cadeiras. Simples, prático e sem dores de cabeça.

Para saber mais dicas de decoração para a cozinha não perca o artigo ’8 dicas para decorar cozinhas americanas’.

Qual destas ideias vai pôr em prática?
Casas modernas por Casas inHAUS

Precisa de ajuda com um projecto em sua casa? Entre em contacto!

Encontre inspiração para casa!